Jean Carllos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jean Carllos
Jean Carllos - turnê DDG.jpg
Jean Carllos durante a turnê do DDG.
Informação geral
Nome completo Jean Carllos Lemes Miranda
Nascimento 24 de setembro de 1974 (40 anos)
Origem Brasília
País  Brasil
Gênero(s) Rock, metal
Ocupação(ões) Músico e Compositor
Instrumento(s) Teclado, piano, violão, guitarra, sanfona, vocal
Modelos de instrumentos Korg Kronos 61 e 88, Korg Kross, Korg Krome, Kurzweil
Período em atividade 1994-atualmente
Afiliação(ões) Oficina G3
Página oficial jeancarllos.com.br

Jean Carllos Lemes Miranda (Brasília, 24 de setembro de 1974) é um músico e compositor brasileiro, mais conhecido por ser o tecladista e um dos vocalistas da banda de rock Oficina G3, a qual é integrante desde 1995.

Jean, desde a sua entrada, se limitava a ser o tecladista do grupo. A partir do álbum Humanos, passou a ser creditado como um dos compositores do Oficina G3, e também passou a fazer vocais para algumas músicas. Canções da banda, como "Onde Está?", "Até Quando (Humanos)", "Não Ser", "Meus Próprios Meios" e "Ver Acontecer" possui suas participações vocais.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em 24 de setembro de 1974, em Brasília, desde criança tinha contato com o cenário musical, especialmente quanto ao rock daquele lugar. Desde cedo já tinha afinidade com a música, e aos dez anos formou uma banda na igreja que frequentava, chamada Emanuel. Aos doze anos já havia montado outra banda, de nome Levítico, e aos quinze anos começou a tocar em bares, festas e casamentos como músico, um período em que se afastara da convivência de sua igreja.

Aos dezoito anos, quando regressou a uma vida cristã mais dedicada, formou outra banda, chamada Vértice. Esta se destacou no Distrito Federal e áreas próximas, e, por coincidência, tocou com a banda Oficina G3 em um festival. Isso lhe deu a oportunidade de mais tarde, aos 21 anos, ingressar para o G3, a convite do baterista Walter Lopes, por ocasião da saída do antigo tecladista, que era contratado.

Após algum tempo de convivência com o Oficina G3, tornou-se membro efetivo da banda, tendo gravado com eles o álbum Indiferença. Jean Carllos era inicialmente apenas o tecladista da banda, mas após o álbum Humanos acumulou também a função de vocal em algumas faixas e compositor, além de várias outras participações em álbuns posteriores, como os vocais guturais no álbum Depois da Guerra. Tornou-se conhecido por suas performances dinâmicas e extravagantes no palco.[1]

Casou-se em 2001 com Carolina Caldeira, união da qual, em 2003, nasceu Yuri Kuhl Miranda, em janeiro de 2008, nasceu Nicolle Kuhl Miranda e, em novembro de 2010, nasceu sua filha caçula, Alice Kuhl Miranda. Separou-se de Carolina no início de 2012. Desde 1996 reside em São Paulo, o que torna mais fácil o contato entre os integrantes do Oficina G3, já que tanto Juninho Afram quanto Duca Tambasco, seus colegas de banda, moram na cidade.

Jean Carllos é endorser dos teclados Korg.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com a Oficina G3
Com outros músicos e bandas

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. DVD DDG Experience (Oficina G3) - Análise Super Gospel. Visitado em 17 de junho de 2015.
  2. Novos Rumos Casa Gospel. Visitado em 28 de agosto de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]