José de Miranda Ramos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
José de Miranda Ramos
Nascimento 9 de outubro de 1916
Morte 4 de agosto de 1996 (79 anos)
Cidadania Brasil
Ocupação político

José de Miranda Ramos (Lapa, 9 de outubro de 1916 - Florianópolis, 4 de agosto de 1996) foi um advogado e político brasileiro.[1]

Filho de José Pereira Ramos e de Julieta Miranda Ramos. Casou com Silvia Ribas de Miranda Ramos.

Bacharel em direito pela Universidade Federal do Paraná (1940).

Foi deputado à Assembleia Legislativa de Santa Catarina na 3ª legislatura (1955 — 1959), eleito pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

Foi presidente da Assembleia em 1958 e 1959. Foi governador interino do estado de Santa Catarina, devido ao afastamento de Heriberto Hülse, de 21 a 30 de janeiro de 1959.[2]

Foi deputado à Câmara dos Deputados (1960 — 1964), como 1º suplente convocado.

Referências

  1. RAMOS, José de Mirandana página do Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil (CPDOC)
  2. José de Miranda Ramos, Memória Política de Santa Catarina, em memoriapolitica.alesc.sc.gov.br

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Piazza, Walter: Dicionário Político Catarinense. Florianópolis: Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, 1985.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre políticos ou política de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.