La Repubblica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
La Repubblica logo.png
7.LaRepubblicaRomeItaly.jpg
Página do la Repubblica de 4 de novembro de 2008.
Periodicidade diário
Formato berlinense
Sede Roma
Fundação 14 de janeiro de 1976 (41 anos)
Fundador(es) Eugenio Scalfari
Pertence a Gruppo Editoriale L'Espresso
Diretor Ezio Mauro
Orientação política centro-esquerda
Idioma italiano
Circulação 455 897 (100%)[1]
Página oficial www.repubblica.it

la Repubblica é um jornal diário italiano, fundado em 1976 em Roma pelo Gruppo Editoriale L'Espresso. É o segundo diário da Itália por tiragem depois do Corriere della Sera de Milão[2].

História[editar | editar código-fonte]

Foi fundado em 1976 em Roma pelo Gruppo Editoriale L'Espresso conduzido por Eugenio Scalfari e Carlo Caracciolo e Arnoldo Mondadori Editore. Nascido como um jornal radical de esquerda, [1], que desde então tem moderado sua posição política para a centro-esquerda.[3][4] Ele recentemente assumiu uma posição liberal e uma vista geral de apoio do primeiro-ministro democrata Matteo Renzi.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Dati dicembre 2013 de Accertamenti Diffusione Stampa
  2. Dati Audipress (2 aprile 2013 - 7 luglio 2013)
  3. Rachel Donadio (3 de maio de 2009). «Italy Premier's Drama Unfolds in Press». The New York Times. I’d like to close the curtain on our married life,' Veronica Lario, 52, told La Repubblica, the center-left daily despised by Mr. Berlusconi 
  4. John Hooper (16 de fevereiro de 2011). «Silvio Berlusconi says he's not worried about standing trial». The Guardian. London 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.