Lynx (navegador web)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Lynx
Lynx exibindo página inicial da Wikipédia.
Lynx exibindo página inicial da Wikipédia
Desenvolvedor Thomas Dickey
Lançamento 1992
Versão estável 2.8.7 (5-jul-2009)
Sistema operacional Multiplataforma
Gênero(s) Navegador WWW
Licença GNU GPL
Página oficial lynx.invisible-island.net

Lynx é um navegador web baseado em texto criado pela Universidade de Kansas,[1] através de seu Grupo de Computação Distribuída e do Serviço Acadêmico de Computação. É capaz de exibir texto apenas, ideal para sistemas baseados em console ou com poucos recursos gráficos.[2] Acompanha diversas distribuições de sistemas POSIX (Unix, Linux, etc) e VAX/VMS. Também existem versões para sistemas da Microsoft, como o MS-DOS e as variantes do Windows.

A navegação pelo Lynx é feita basicamente através das teclas de cursos (setas), que servem para deslocamento pelos links das páginas.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «An Early History of Lynx». people.cc.ku.edu. Consultado em 21 de janeiro de 2023 
  2. a b «Review of alternative Web browsers, 10/27/97». Network World. 5 de outubro de 2001. Consultado em 21 de janeiro de 2023. Arquivado do original em 5 de outubro de 2001 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.