Marty Walsh

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Marty Walsh
Secretário do Trabalho dos Estados Unidos
Período 23 de março de 2021 até a atualidade
Presidente Joe Biden
Antecessor Eugene Scalia
54º Prefeito de Boston
Período 6 de janeiro de 2014 até 22 de março de 2021
Antecessor Thomas Menino
Sucessor Kim Janey
Membro de Câmara dos Representantes de Massachusetts do 13º distrito de Suffolk
Período 12 de abril de 1997
a 3 de janeiro de 2014
Sucessor James T. Brett
Sucessor Daniel J. Hunt
Dados pessoais
Nome completo Martin Joseph Walsh
Nascimento 10 de abril de 1967 (54 anos)
Boston, Massachusetts,
Estados Unidos
Alma mater Boston College
Partido Democrata
Website https://www.martywalsh.org/

Martin Joseph Walsh (Boston, 10 de abril de 1967) é um político norte-americano[1] do Partido Democrata que atualmente serve como Secretário do Trabalho dos Estados Unidos no governo de Joe Biden. Ele também foi o 54º prefeito de Boston de 2014 a 2021.[2] Ele foi anteriormente membro da Câmara dos Representantes de Massachusetts, servindo nesse escritório de 1997 a 2014 e representando o 13º distrito de Suffolk. A 7 de janeiro de 2021, foi anunciado que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, selecionou Walsh para servir como chefe do Departamento de Trabalho dos Estados Unidos.[3]

Infância e juventude[editar | editar código-fonte]

Walsh nasceu em Dorchester, Boston, filho de John Walsh, um irlandês americano originalmente de Callowfeenish, uma cidade perto de Carna, County Galway, e Mary.[4] O casal emigrou para os Estados Unidos na década de 1950[5] e deu à luz Marty em 1967.

Walsh cresceu na área de Savin Hill, no bairro de Dorchester, em Boston. Ele foi diagnosticado com linfoma de Burkitt aos 7 anos, forçando-o a perder a maior parte da segunda e terceira série e repetir a quinta série. Aos 11 anos, após passar por anos de quimioterapia, uma varredura não revelou vestígios do cancro.[6] Ele foi para o ensino médio na The Newman School, e em 2009, recebeu o diploma de bacharel pelo Woods College of Advancing Studies no Boston College.

Inicio da carreira política[editar | editar código-fonte]

Posições sobre o trabalho[editar | editar código-fonte]

Walsh ingressou no Labourers 'Union Local 223 aos 21 anos e serviu como presidente do sindicato até se tornar prefeito de Boston.[7]

Ele foi eleito secretário-tesoureiro e agente geral do Boston Metropolitan District Building Trades Council, um grupo sindical, no outono de 2010. Em 2011, Walsh foi nomeado chefe do Boston Building Trades, um cargo que rendia 175.000 dólares anuais de salário.[8] Walsh renunciou ao cargo quando anunciou que estava concorrendo a prefeito em 2013.[9]

Representante do estado[editar | editar código-fonte]

Walsh foi eleito para a Câmara dos Representantes de Massachusetts em 1997. Ele representou o décimo terceiro distrito do condado de Suffolk, que inclui Dorchester e um distrito eleitoral em Quincy.[10] Ele foi o presidente do Comitê de Ética, e serviu como um co-presidente do Partido Democrático de Massachusetts Labour Caucus.[11] Durante o seu mandato, ele também atuou como co-presidente da Comissão Especial para a Reforma da Construção Pública.[12]

A 13 de fevereiro de 2013, Walsh apresentou um projeto de lei para que a música " Roadrunner " do The Modern Lovers fosse nomeada a música rock oficial de Massachusetts.[13]

Secretário do Trabalho dos Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Tomada de posse de Martin Walsh, com a Vice-presidente, Kamala Harris.

A 7 de janeiro de 2021, ele foi nomeado pelo presidente eleito Joe Biden para servir como Secretário do Trabalho.[14] A 11 de fevereiro de 2021, o Comitê de Saúde, Educação, Trabalho e Pensões do Senado dos Estados Unidos votou para mover a confirmação de Walsh para uma votação plena no Senado.[15] A nomeação foi confirmada pelo Senado dos Estados Unidos a 22 de março de 2021, numa votação de 68–29.[16][17] No dia seguinte, ele foi empossado pela vice-presidente Kamala Harris.[18]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Walsh mora no bairro de Lower Mills, em Dorchester, com a sua namorada de longa data, Lorrie Higgins. Ele é um alcoólatra em recuperação, com mais de vinte anos de sobriedade contínua num programa de doze passos.[19]

Walsh foi titular do ingresso para a temporada do New England Patriots do futebol americano desde que o franqueado Robert Kraft comprou o time em 1994.[20] Ele é um católico romano.[21]

Referências

  1. Deegan, Gordon. «Boston mayor welcomed back to the land of his parents». The Irish Times (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  2. «Marty Walsh is leaving Boston. So… what exactly happens next? | Boston.com». www.boston.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  3. «Biden chooses Boston Mayor Walsh as Labor secretary». POLITICO (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  4. Siggins, Lorna; Cathain, Mairtin O. «Boston mayor with Connemara roots promises to visit next Spring». The Irish Times (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  5. Staff, Michael Levenson Globe; October 20; 2013; Comments, 12:00 a m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Martin Walsh's childhood marked by cancer fight - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  6. Staff, Michael Levenson Globe; October 20; 2013; Comments, 12:00 a m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Martin Walsh's childhood marked by cancer fight - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  7. Staff, rew Ryan Globe; September 25; 2013; Comments, 1:57 a m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Path carries Martin Walsh closer to his dream - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  8. Valencia, Milton J.; Staff, rew Ryan Globe; September 30; 2015; Comments, 5:26 p m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Teamsters Local 25 members facing federal extortion charges tied to 'Top Chef' production - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  9. «Walsh to take key union post; plans to keep House seat». Dorchester Reporter (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  10. Quinn, Garrett (21 de novembro de 2013). «Boston Mayor-elect Marty Walsh says goodbye to the State House». masslive (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  11. «State Representative Martin J. Walsh formally announces bid for mayor of Boston | Boston.com». www.boston.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  12. S. BERNSTEIN, DAVID (18 de setembro de 2018). «Is Marty Walsh Too Much of a Union Guy?». City Life. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  13. «Representative Marty Walsh wants 'Roadrunner' named official rock song of Massachusetts | Boston.com». www.boston.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  14. Lynch, David J.; Stein, Jeff; Rosenberg, Eli; Freedman, Andrew. «Biden to name Rhode Island Gov. Gina Raimondo as commerce secretary, Boston Mayor Marty Walsh for labor». Washington Post (em inglês). ISSN 0190-8286. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  15. Staff, Jim Puzzanghera Globe; February 11, Updated; 2021; Comments, 10:09 a m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Senate committee approves Walsh's nomination for labor secretary - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2021 
  16. «Senate confirms Walsh's nomination to serve as labor secretary». WCVB (em inglês). 23 de março de 2021. Consultado em 7 de abril de 2021 
  17. Staff, Jim Puzzanghera Globe; March 22, Updated; 2021; Comments, 6:18 p m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Senate confirms Walsh as labor secretary; Janey becomes acting Boston mayor - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2021 
  18. Goodwin, Liz; Staff, Jim Puzzanghera Globe; March 23, Updated; 2021; Comments, 6:09 p m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Walsh sworn in as labor secretary by Vice President Harris - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2021 
  19. Seelye, Katharine Q. (30 de outubro de 2013). «In Race for Boston Mayor, Former Addicts Back Candidate With a Past (Published 2013)». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  20. «Robert Kraft likes idea of draft in Boston». ESPN.com (em inglês). 9 de maio de 2014. Consultado em 23 de janeiro de 2021 
  21. September 2; 2013; Comments, 12:00 a m Email to a Friend Share on Facebook Share on TwitterPrint this Article View. «Early struggles gave Martin Walsh a solid underpinning - The Boston Globe». BostonGlobe.com (em inglês). Consultado em 23 de janeiro de 2021