Mousesports

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mousesports
Mousesports

Nacionalidade:  Alemanha
Criação: 2002
Gerente(s): Alemanha Cengiz Tüylu
Patrocinador(es): GeIL
Medion
Intel
Razer
Cooler Master
Divisões: Brink
Counter-Strike: Global Offensive
Counter-Strike: Source
Dota 2
FIFA
Pro Evolution Soccer
StarCraft II
TrackMania
Website: mousesports.com
Portal Portal Games  • Página do projeto Projeto Games


Mousesports (abreviado como "mouz") é uma organização de jogos profissionais com base na Alemanha. Mousesports possui times em vários jogos diferentes e são particularmente conhecidos pelo seu bem sucedido time de Counter-Strike. Mousesports é um dos membros fundadores do G7 Teams.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Mousesports foi formado em 2002, em Berlim, Alemanha, como uma equipe de Counter-Strike de mesmo nome. O time começou a competir em pequenos torneios, e gradualmente participaram de torneios maiores, também. Até 2006, quando o G7 Teams foi criado, Mousesports era uma das maiores organizações da Europa, com divisões de Counter-Strike, Warcraft III, Quake 4 e Unreal Tournament.

Em 13 de Maio de 2007, Mousesports anunciou que havia adquirido Nihilum, a primeira organização oficialmente reconhecida de World of Warcraft, com Nihilum sendo reconhecida como subsidiária de Mousesports.[2] A guilda foi refeita em uma comunidade chamada "Nihilum: Mousesports MMO". Nihilum foi consistentemente a equipe mais forte de Mousesports em competições da Europa. Entretanto, a situação das relações entre Mousesports e Nihilum era incerta em 2008, e finalmente, em 10 de Novembro, foi anunciado que o ex-time de PvE do SK Gaming estaria se juntando aos jogadores do Nihilum, acabando efetivamente com a parceria que durou mais de um ano e meio.[3] Apesar disso, Mousesports continuou a manter a marca Nihilum, e em 1º de agosto de 2009, lançou um novo website da comunidade para conectar a guilda Method, de World of Warcraft, com a wiki WotLK e a marca Nihilum, todos sob o mesmo domínio.

Em 20 de Abril de 2009, Mousesports anunciou que estaria eliminando o apoio ao Defense of the Ancients, apesar do considerável sucesso que alcançaram.[4] No início de 2010, a organização anunciou a adição de uma equipe com muitas estrelas do StarCraft: Brood War, que originalmente consistia de diversos jogadores Americanos, Canadenses, Alemães, Poloneses e Ucranianos.[5] Desde sua introdução na organização, o time passou completamente a se focar no StarCraft II durante o período beta de Wings of Liberty, e desde então se tornou um dos nomes mais reconhecidos.[6] Em uma das maiores tragédias dos esportes eletrônicos, Antonio "cyx" Daniloski, jogador de Counter-Strike e membro do Mousesports desde 2007, morreu em 29 de Julho de 2010 em um acidente de carro causado por um problema no pneu, após perder o vôo para a China para competir com seu time.[7] Após sua morte, foram realizados vários memoriais, tributos, elogios e uma dedicação permanente na página oficial do Mousesports. Vários meses após a morte de Daniloski, Mousesports anunciou a aposentadoria dos jogadores de Counter-Strike Fatih "gob b" Dayik, Navid "Kapio" Javadi e Christian "Blizzard" Chmiel, a partir do término das finais da ESL Pro Series Season XVIII.[8]

Equipe atual[editar | editar código-fonte]

Counter-Strike: Global Offensive[editar | editar código-fonte]

  • Países Baixos Chris "chrisJ" de Jong[9]
  • Alemanha Johannes "nex" Maget[10]
  • Alemanha Timo "Spiidi" Richter[11]
  • Alemanha Denis "denis" Howell[12]
  • Bósnia e Herzegovina Nikola "NiKo" Kovac[13]

StarCraft II[editar | editar código-fonte]

  • Suíça Han Sang "biGs" Cho
  • Alemanha Dennis "HasuObs" Schneider
  • Alemanha Gabriel "HeRoMaRinE" Segat
  • Polónia Grzegorz "MaNa" Komincz
  • Suécia Stefan "MorroW" Andersson

Counter-Strike: Source[editar | editar código-fonte]

  • Reino Unido Lewis "Hughsy" Hughes
  • Reino Unido James "mx" Smale
  • Reino Unido Pete "pete" Wright
  • Reino Unido Sam "RattlesnK" Gawn
  • Reino Unido Daniel "RE1EASE" Mullan

Pro Evolution Soccer[editar | editar código-fonte]

  • Alemanha Mike "El_Matador" Linden
  • Alemanha Matthias "GoooL Winkler
  • Alemanha Dennis "wiDe" W.

FIFA[editar | editar código-fonte]

  • Alemanha Dennis "abramovic" Abrasowitsch
  • Alemanha Andree "LaiTo" Ortmann
  • Alemanha Tanju "RNB-FlavA" Öztürk
  • Alemanha Dennis "wiDe" W.
  • Suécia Shved "RedDevil"

TrackMania[editar | editar código-fonte]

  • Alemanha Florian "oNio" Roschu
  • Alemanha Maximilian "Scream" Brucker

Brink[editar | editar código-fonte]

  • Estados Unidos Josh "josh" Lee
  • Alemanha Winkelmeyr "kNALLER" Sebastian
  • Alemanha Rosen "micHiiii" Michael
  • Bélgica Bart "souL" Van den Bergh
  • Finlândia Kettunen "Taimou" Timo

Dota 2[editar | editar código-fonte]

[editar | editar código-fonte]

  • Per Anders "Pajkatt" Olsson Lille (C)
  • Rasmus "MiSeRy" Filipsen
  • Arif "MSS" Anwar
  • Adrian "FATA" Trinks
  • Pascal "paS" Lohmeier

Referências

  1. «G7 Teams Announced» (PDF). G7 Teams. 08 de agosto de 2006. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  2. Vandevorst, Nicolas (14 de maio de 2007). «Nihilum Joins Mousesports». Fnatic. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  3. «Ensidia». Ensidia Community Website. 
  4. Horton, Samuel (30 de junho de 2009). «Mousesports: The End of DotA». SK Gaming. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  5. Diener, Benjamin (03 de janeiro de 2010). «mousesports presents StarCraft team». Mousesports. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  6. Fields, Frank (24 de março de 2010). «MorroW joins Mousesports». MeetYourMakers. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  7. Winther, Marc (28 de julho de 2010). «cyx killed in car accident». HLTV.org. Consultado em 22 de outubro de 2010. 
  8. Lannte, René (06 de dezembro de 2010). «mousesports wins 6th title in a row». Mousesports. Consultado em 06 de dezembro de 2010. 
  9. HLTV. «chrisJ». HLTV.org. Consultado em 22 de janeiro de 2016. 
  10. HLTV. «nex». HLTV.org. Consultado em 22 de janeiro de 2016. 
  11. HLTV. «Spiidi». HLTV.org. Consultado em 22 de janeiro de 2016. 
  12. HLTV. «denis». HLTV.org. Consultado em 22 de janeiro de 2016. 
  13. HLTV. «Niko». HLTV.org. Consultado em 22 de janeiro de 2016. 

Links externos[editar | editar código-fonte]