Neon Ballroom

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Neon Ballroom
Neon Ballroom.jpg
Álbum de estúdio de Silverchair
Lançamento 16 de Março de 1999
Gravação De 23 de junho de 1998 a 7 de outubro de 1998 (em diferentes ocasiões totalizando 2 meses) no Festival Studio em Pyrmont, Nova Gales do Sul, Austrália.
Gênero(s) Art rock
Hard rock
Rock alternativo
Pós-grunge
Duração 49 m 36 s
Gravadora(s) Murmur, Sony
Produção Nick Launay
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Silverchair
Último
Último
Freak Show
(1997)
Diorama
(2002)
Próximo
Próximo


Neon Ballroom é o terceiro álbum de estúdio da banda australiana Silverchair. O álbum de doze faixas foi lançado em 16 de março de 1999 e foi avaliado como sendo um sinal de amadurecimento por parte dos membros da banda. "Anthem for the Year 2000" foi o primeiro single do álbum, atingindo No. 3 no ARIA charts.

O vocalista Daniel Johns descreveu Neon Ballroom como um álbum conceptual, sendo uma espécie de 'diário musical' das vidas dos membros da banda durante o período. Não obstante, seu estilo musical experimental e severo marcou um grande contraste em relação aos álbuns anteriores (Freak Show e Frogstomp), e tamanha mudança na orientação artística do grupo provocou reações variadas dos fãs. O comercialmente bem-sucedido single Anthem for the Year 2000 foi talvez tão bem recebido por reter muito da energia jovem e rockeira da banda, enquanto os outros singles foram marcados por um distanciamento do estilo até então associado ao Silverchair e assim foram um tanto alienantes. A sonoridade do álbum é mais melancólica e possui um tom depressivo.

No entanto, marcando uma segunda fase na carreira do Silverchair, o álbum também atraiu toda uma nova base de fãs, que apreciavam o trabalho mais denso e experimental de Neon Ballroom, como o hit Emotion Sickness e faixas fusion mais desconhecidas como Black Tangled Heart e Dearest Helpless.

O título do álbum foi aparentemente criado como uma tentativa de transmitir seu tema musical de combinar instrumentos e aparelhos novos, eletrônicos e experimentais com instrumentos tradicionais, clássicos ou orquestrais. "Neon", claro, representando o novo, e "Ballroom" o tradicional.

O álbum foi certificado com ouro nos Estados Unidos.

Ele também foi lançado em caixa dupla juntamente com Freak Show.

A faixa "Spawn Again" é uma regravação da faixa "Spawn" da trilha sonora do filme Spawn, de 1997, gravada originalmente como uma colaboração com o artista de hip-hop Vitro. Uma versão pré-Vitro de "Spawn" também foi incluída no CD-bônus da edição limitada do Neon Ballroom, e mais apareceu mais tarde na compilação Rarities 1994 - 1999 em 2000.

A faixa "Satin Sheets" era chamada originalmente "Punk Song #3" e "Paint Pastel Princess" era "All The Same To Me".

Lista das faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as canções escritas por Johns, exceto "Spawn Again" (Johns-Gillies).

# Título Duração
1. "Emotion Sickness"   6:00
2. "Anthem for the Year 2000"   4:07
3. "Ana's Song (Open Fire)"   3:42
4. "Spawn Again"   3:30
5. "Miss You Love"   4:00
6. "Dearest Helpless"   3:34
7. "Do You Feel the Same?"   4:18
8. "Black Tangled Heart"   4:33
9. "Point of View"   3:35
10. "Satin Sheets"   2:24
11. "Paint Pastel Princess"   4:33
12. "Steam Will Rise"   5:18

CD-bônus da edição limitada[editar | editar código-fonte]

  1. "Anthem for the Year 2000" (a cappella version) - 3:15
  2. "Spawn" (pre-Vitro version) - 2:56
  3. "Emotion Sickness" (video)
  • A versão vinil do álbum tem tiragem de 5000 cópias.

Pessoal[editar | editar código-fonte]

Colaboradores[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Silverchair é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.