Pandemia de COVID-19 na Dinamarca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ver artigo principal: Pandemia de COVID-19 na Europa
Pandemia de COVID-19 na Dinamarca
Mapa dos casos confirmados de COVID-19 por município (em 14 de abril de 2020):
  Sem casos confirmados
  1-19 casos confirmados
  20-39 casos confirmados
  40-59 casos confirmados
  60-99 casos confirmados
  100+ casos confirmados
Doença COVID-19
Vírus SARS-CoV-2
Origem Wuhan, Hubei, China (mundial)
Lombardia, Itália (origem do primeiro caso dinamarquês)[1]
Tyrol, Áustria (origem dos casos mais importados)[2]
Local Dinamarca
Período 27 de fevereiro de 2020
(5 meses e 13 dias) – presente
Primeiro caso Roskilde
Estatísticas globais
Casos confirmados 12 888
Mortes 609
Casos que recuperaram 11 983

A expansão da pandemia de COVID-19 foi confirmado na Dinamarca a partir de 27 de fevereiro de 2020.

Em 18 de abril de 2020, já havia 7.242 casos confirmados no Reino da Dinamarca, 3.847 pessoas vigiadas em 346 mortes.

Referências

  1. Braagaard, Natali (27 de fevereiro de 2020). «Dansker smittet med coronavirus» [Dinamarquês infectado com coronavírus] (em dinamarquês). TV 2. Consultado em 27 de fevereiro de 2020 
  2. «Statens Serum Institut: 139 danskere på skiferie i Østrig bragte virus med hjem» (em dinamarquês). TV 2. 12 de março de 2020. Consultado em 1 de abril de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pandemia de COVID-19 na Dinamarca
Ícone de esboço Este artigo sobre epidemias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.