Parque da Guarita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Parque da Guarita, denominado oficialmente Parque Estadual José Lutzenberger, é uma Unidade de Conservação brasileira situada no município de Torres, nordeste do Estado do Rio Grande do Sul, Região Sul do Brasil. Seu nome homenageia o ambientalista gaúcho José Lutzenberger, que foi um dos maiores incentivadores da sua criação.[1]

O Parque da Guarita localiza-se em uma área que correspondia a um complexo turístico. É constituído essencialmente por ecossistema costeiro, contando com a praia da Guarita, porém na sua implantação foram criadas áreas reproduzindo outros ecossistemas da região.

Possui cerca de 350 hectares e sofre há 5 décadas com a falta de gerenciamento. Somente em janeiro de 2002 houve projeto privado em parceria com a municipalidade para revitalizá-lo e dar-lhe funções de educação ambiental e turísticas. Com o advento do furacão Catarina o projeto foi desativado e nos dias de hoje cogita-se terceirização do mesmo. Existem pesquisas sobre sua biota e um dos levantamentos mais completos foi realizado pela designer ambiental Cláudia Costa, estando em fase de acabamento para publicação.

A praia da Guarita vista de cima da última torre, chamada Morro da Guarita, com uma perspectiva parcial do Parque da Guarita.
A praia da Guarita com suas falésias (duas das torres que dão nome à cidade) à direita

Referências

  1. Giusti, Benito. "Rigotto aprova nome de Lutzenberger para o Parque Estadual da Guarita". Agência de Notícias da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, 07/01/2003

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Unidades de Conservação da Natureza é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.