Pineapple Express

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pineapple Express
Alta Pedrada (PT)
Segurando as Pontas (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2008 •  cor •  112 min 
Direção Mr. Isaacs
Produção Judd Apatow
Shauna Robertson
Roteiro Judd Apatow (história)
Seth Rogen (história)
Evan Goldberg (história)
Elenco Seth Rogen
James Franco
Música Graeme Revell
Cinematografia Tim Orr
Edição Craig Alpert
Companhia(s) produtora(s) Relativity Media
Apatow Productions
Distribuição Columbia Pictures
Lançamento Jamaica 6 de agosto de 2010
Brasil 26 de setembro de 2010 (Festival do Rio)
Portugal 9 de outubro de 2010
Orçamento US$25 milhões[1]
Receita US$101,624,843[1]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Pineapple Express (Segurando as Pontas (título no Brasil) ou Alta Pedrada (título em Portugal)) é um filme de comédia de reggae estadunidense de 2008, dirigido por David Gordon Green, escrito por Seth Rogen e Evan Goldberg e estrelado por Rogen e James Franco. Produtor Judd Apatow, que já trabalhou com Rogen e Goldberg em Knocked Up e Superbad, assistiu no desenvolvimento da história, que foi parcialmente inspirado no subgênero comédia de amigos. O filme foi lançado em 6 de agosto de 2010. Franco foi nomeado para um Globo de Ouro por sua atuação no filme.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história de Dale Denton (Seth Rogen) e seu fornecedor Saul Silver (James Franco). A história começa quando Dale visita Saul para comprar maconha, mais especificamente, um novo tipo, chamado Pineapple Express. Dale presencia um assassinato cometido por uma policial desonesta (Rosie Perez) e o chefe do tráfico mais perigoso da cidade (Gary Cole), ele entra em pânico e deixa sua "vela" de Pineapple Express na cena do crime. Agora o mais perigoso traficante da cidade está atrás da única testemunha do crime, além de Saul, única pessoa para quem vendeu a rara "Pineapple Express". Para melhorar a trama, a máfia coreana entra na história...

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

A fonte de inspiração para fazer o filme, de acordo com o produtor, foi Brad Pitt como um personagem drogado chamado Floyd em True Romance. "Pensei que seria divertido fazer um filme em que você segue este personagem fora do apartamento e vê-lo chegar à ser perseguido por bandidos", disse o produtor Judd Apatow.[2] Segundo a Rogen, o orçamento de produção ideal foi de $40 milhões, mas, devido ao assunto do filme "porque é um filme de ervas daninhas", como ele descreveu-Sony Pictures destinou $25 milhões.[3] O filme tem o nome de uma verdadeira variedade de cannabis chamada Pineapple Express.[4]

Lançamento e Recepção[editar | editar código-fonte]

O filme recebeu opiniões de críticos satisfatoriamente, com um rating de 68%, sobre a revisão do site Rotten Tomatoes'. Pineapple Express teve um avanço no festival Just for Laughs Film Festival em 19 de julho de 2008. O filme foi lançado em 6 de agosto de 2008. Nos EUA, a TV à cabo FX comprou direitos exclusivos para colocar no ar, depois de executar o seu teatro. No Brasil foi lançado na mostra Midnight Movies, no Festival do Rio 2008 e lançado diretamente em vídeo, o canal FX, não exibiu o lançamento.

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Sony lançou o filme na quarta-feira de 6 de agosto de 2008 com $12,085,679 em vendas de ingressos. No fim de semana que abriu no número dois atrás de The Dark Knight com $23,245,025 para um total de cinco dias de $41,318,736. O filme faturou $87,341,380 domesticamente com um total mundial de $101,549,277.[1]

DVD e Blu-Ray[editar | editar código-fonte]

O filme foi lançado em DVD e Blu-ray, em 6 de janeiro de 2009. Já na Austrália, o filme foi lançado em DVD e Blu-Ray, em 31 de Dezembro de 2008.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora de cinema original para o filme foi lançado em 5 de agosto de 2008.[5] Embora destaque no trailer do filme,[6] a canção "Paper Planes" de M.I.A. não é usado no filme ou na trilha sonora. Após o lançamento do trailer, "Paper Planes" ganhou airplay massivo, entrando no Top 5 na Billboard Hot 100. Também destaque no filme, mas ausente do álbum da trilha sonora são músicos e produtores de Grace Jones Sly and Robbie que fizeram o cover de Johnny Cash "Ring of Fire", o primeiro dos quais podem ser encontrados em sua compilação de 1998 Private Life: The Compass Point Sessions.

  1. "Pineapple Express" por Huey Lewis and the News (4:27)
  2. "Electric Avenue" por Eddy Grant (3:48)
  3. "Dr. Greenthumb" por Cypress Hill (3:08)
  4. "Lost at Birth" por Public Enemy (3:33)
  5. "Poison" por Bell Biv DeVoe (4:20)
  6. "Wanted Dread and Alive" por Peter Tosh (4:22)
  7. "Don't Look Around" por Mountain (3:44)
  8. "Pineapple Chase (aka The Reprise of the Phoenix)" por Graeme Revell (3:03)
  9. "Bird's Lament" por Moondog & The London Saxophonic (2:02)
  10. "Coconut Girl" por Brother Noland (3:36)
  11. "Hi'ilawe" por Arthur Lyman (1:09)
  12. "Time Will Tell" por Bob Marley (3:31)
  13. "Tha Crossroads" por Bone Thugs-n-Harmony (3:45)
  14. "Pineapple Fight (aka The Nemesis Proclaimed)" por Graeme Revell (3:08)
  15. "I Didn't Mean to Hurt You" por Spiritualized (5:12)
  16. "Woke Up Laughing" por Robert Palmer (3:35)

Possível sequência[editar | editar código-fonte]

Judd Apatow afirmou que há uma forte possibilidade de uma sequência, mas nada é anunciado oficialmente ainda.[7][8] Um suposto trailer para a sequência foi lançado em 1 de abril de 2013 com Rogen, Franco, McBride e Robinson reprisando seus papéis e Jonah Hill aparecendo como Woody Harrelson, mas isso foi revelado mais tarde ser um brincadeira do dia da mentira, promovendo o seu próximo filme This Is the End.[9] De acordo com Rogen e Goldberg, no entanto, o filme caseiro Pineapple Express 2 em This Is the End retrata o que imaginamos para a sequência real.[10]

Referências

  1. a b c «The Pineapple Express - Box Office Data, Movie News, Cast Information». The-Numbers.com. Consultado em 4 de setembro de 2010 
  2. Svetkey, Benjamin (18 de abril de 2008). «'Pineapple Express': High hopes for James Franco». Entertainment Weekly. Time Inc. Consultado em 15 de julho de 2008 
  3. Halperin, Shirley (11 de abril de 2008). «Marijuana Movies: Riding High In Hollywood?». Entertainment Weekly. Time Inc. Consultado em 16 de julho de 2008 
  4. http://www.leafly.com/hybrid/pineapple-express
  5. «Pineapple Express Original Soundtrack». Allmusic. Consultado em 9 de outubro de 2009 
  6. Williams, Leslie (14 de maio de 2008). «Leslie Williams: Selecting summer music, films». The Orion Online. Consultado em 22 de julho de 2008. Cópia arquivada em 16 de maio de 2008 
  7. «Judd Apatow talks possible PINEAPPLE EXPRESS sequel». GordonandtheWhale.com. 23 de novembro de 2009. Consultado em 4 de setembro de 2010 
  8. «Judd Apatow Says 'Pineapple Express 2′ Likely, 'Superbad 2′ Not So Much » MTV Movies Blog». MoviesBlog.MTV.com. 20 de novembro de 2009. Consultado em 4 de setembro de 2010 
  9. http://www.nme.com/filmandtv/news/pineapple-express-2-trailer-released-as-april-fools/298922
  10. Rogen, Seth; Goldberg, Evan (14 de junho de 2013). «We are Seth Rogen and Evan Goldberg - Ask Us Anything». Reddit. Consultado em 21 de junho de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]