Vinny

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vinny
Informação geral
Nome completo Vinícius Bonotto Conrado
Também conhecido(a) como Vinny
Nascimento 3 de novembro de 1966 (52 anos)
Origem Leme, São Paulo
País Brasil brasileiro
Gênero(s)
Ocupação(ões) cantor
compositor
DJ
Instrumento(s) vocal
guitarra
violão
baixo
gaita
Período em atividade 1992 — atualmente
Gravadora(s) Sony Music
Afiliação(ões) Hay Kay, Tiazinha, LS Jack, Xuxa, Vinny Rockablly Trio
Página oficial www.vinny.com.br

Vinny, nome artístico de Vinícius Bonotto Conrado, (Leme, 3 de novembro de 1966) é um cantor e DJ brasileiro. Vinny integrou o conjunto Hay Kay no início da década de 1990, antes de seguir com a carreira solo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido no interior do estado de São Paulo, Vinny estudou direito, mas abandonou no último ano para se dedicar à carreira de cantor. Durante a carreira, cursou gastronomia e psicologia, mas também não completou as graduações[1]. No início da década de 1990, ainda como Viny, foi vocalista da banda de hard rock Hay Kay, com a qual gravou um disco (em 1992, pela BMG/Ariola. Apesar da pouca vendagem do álbum, a música Segredos fez parte da trilha-sonora da telenovela Vamp.

Em 1995 assinou contrato como artista solo (com o nome Vinny), com a gravadora Indie Records, que lançou seu disco de estreia Vinny.

Em 1997, o segundo disco, Todomundo, o projetou nacionalmente graças à música Heloísa, Mexe a Cadeira, um grande sucesso que trazia como novidades a voz grave e soturna de Vinny aliada a uma batida dançante. Em seguida, o terceiro disco pela Indie, Na Gandaia, de 1998, estourou com Shake Boom, música no mesmo estilo de Heloísa, Mexe a Cadeira, e que confirmava a escolha do cantor e compositor pela música dançante, o que fez seu nome ser facilmente associado às pistas de dança.[2]

No ano seguinte, depois de participar de discos de outros artistas, como Xuxa, LS Jack[3] e Tiazinha, gravou O Bicho Vai Pegar. Deste CD, a balada Te Encontrar de Novo teve grande destaque, sendo bastante tocada nas rádios do país.

No dia 18 de janeiro de 2001, Vinny tocou na tenda Brasil do Rock in Rio 3. Ele dedicou este show ao amigo Carlinhos Brown, que dias antes havia sido alvo de uma chuva de garrafadas do público roqueiro.[4]

Em 2008 Vinny lançou um álbum acústico, intitulado Vinny - Acústico Circular [5], mesmo ano que iniciou o bacharelado em Filosofia na Universidade Federal de Pelotas.

Em 2009 gravou um álbum de música eletrônica intitulado Clássicos na Pista que traz releituras de clássicos do rock brasileiro.

Em 2012 gravou o álbum intitulado 13!, pela sua própria gravadora, a Vinny Planet, mesmo ano que concluiu a graduação em Filosofia e conseguiu uma vaga para cursar mestrado em Ciências Sociais em uma universidade argentina.

Em 2013 fez uma divertida participação no humorístico Porta dos fundos em uma esquete chamada "Espinha".

Em 2015, lançou o álbum "Vinny samba reggae S.A.", apesar do nome, o álbum não é do gênero de fusão samba reggae, originário da Bahia, mas sim um álbum de versões covers de canções de samba em ritmo de reggae.[6]

stest

Em 2016 lançou o projeto Vinny Rockabilly Trio, investindo no subgênero rockabilly.[7][8]

Em 2017, tornou-se apresentador do programa "Estúdio Cabeça" do canal de TV por assinatura Music Box Brazil.[9][10][8]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Com a banda Hay Kay[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio

Carreira solo[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio

Ao vivo[editar | editar código-fonte]

Coletâneas[editar | editar código-fonte]

Participações especiais[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Single/Canção Indicação Resultado Ref.
1999 MTV Video Music Brasil 1999 Shake Boom "Melhor Videoclipe do Ano (Escolha da Audiência)" Indicado [11]
"Melhor Videoclipe de Artista Revelação" Indicado [11]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.