58 Leonis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
58 Leonis
d Leonis
Dados observacionais (J2000)
Constelação Leo
Asc. reta 11h 00m 33,6s[1]
Declinação +03° 37′ 03,0″[1]
Magnitude aparente 4,852[1]
Características
Tipo espectral K1 III[1]
Cor (U-B) 1,12[2]
Cor (B-V) 1,13[3]
Astrometria
Velocidade radial 5,98 km/s[1]
Mov. próprio (AR) 14,82 mas/a[1]
Mov. próprio (DEC) -16,51 mas/a[1]
Paralaxe 9,05 ± 0,20 mas[1]
Distância 360 ± 8 anos-luz
110 ± 2 pc
Magnitude absoluta −0,36[3]
Detalhes
Raio 14[4] R
Gravidade superficial 2,17 ± 0,09 (log g)[5]
Temperatura 4 559 ± 24[5] K
Metalicidade [Fe/H] -0,15 ± 0,06[5]
Rotação 1,0 km/s[6]
Outras denominações
d Leonis, HR 4291, BD+04 2407, HD 95345, SAO 118610, FK5 1246, HIP 53807.[1]
Leo constellation map.png

58 Leonis (58 Leo, d Leo, d Leonis) é uma estrela na constelação de Leo. Com uma magnitude aparente de 4,82,[1] é brilhante o suficiente para ser vista a olho nu. Medições de paralaxe mostram que está a aproximadamente 360 anos-luz (110 parsecs) da Terra.[1] Sua magnitude absoluta visual é de -0,36.[3]

58 Leonis é uma estrela de bário[7] com uma classificação estelar de K1 III.[1] A classe de luminosidade 'III' indica que é uma estrela gigante evoluída que já consumiu o hidrogênio em seu núcleo. Tem um raio 14 vezes maior que o raio do Sol[4] e uma temperatura efetiva de 4 559 K.[5] Com essa temperatura, tem a coloração alaranjada típica de estrelas de classe K.[8] Assim como todas as estrelas de bário,[7] tem uma estrela companheira anã branca.[9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l SIMBAD query result - 58 Leo. SIMBAD. Centre de Données astronomiques de Strasbourg. Página visitada em 7 de novembro de 2012.
  2. Johnson, H. L.; Iriarte, B.; Mitchell, R. I.; Wisniewskj, W. Z.. (1966). "UBVRIJKL photometry of the bright stars". Communications of the Lunar and Planetary Laboratory 4 (99). Bibcode1966CoLPL...4...99J.
  3. a b c Schiavon, Ricardo P. (julho de 2007). "Population Synthesis in the Blue. IV. Accurate Model Predictions for Lick Indices and UBV Colors in Single Stellar Populations". The Astrophysical Journal Supplement Series 171 (1): 146-205. DOI:10.1086/511753. Bibcode2007ApJS..171..146S.
  4. a b Pasinetti Fracassini, L. E. et al. (fevereiro de 2001), "Catalogue of Apparent Diameters and Absolute Radii of Stars (CADARS) - Third edition - Comments and statistics", Astronomy and Astrophysics 367: 521–524, doi:10.1051/0004-6361:20000451, Bibcode2001A&A...367..521P. 
  5. a b c d Wu, Yue et al. (janeiro de 2011), "Coudé-feed stellar spectral library - atmospheric parameters", Astronomy and Astrophysics 525: A71, doi:10.1051/0004-6361/201015014, Bibcode2011A&A...525A..71W 
  6. de Medeiros, J. R.; Mayor, M. (novembro de 1999). "A catalog of rotational and radial velocities for evolved stars". Astronomy and Astrophysics Supplement 139: 433-460. DOI:10.1051/aas:1999401. Bibcode1999A&AS..139..433D.
  7. a b Bergeat, J.; Knapik, A. (maio de 1997). "The barium stars in the Hertzsprung-Russel diagram.". Astronomy and Astrophysics 321: L9-L1997.04.17. Bibcode1997A&A...321L...9B.
  8. "The Colour of Stars", Australia Telescope, Outreach and Education (Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation), 21 de dezembro de 2004, http://outreach.atnf.csiro.au/education/senior/astrophysics/photometry_colour.html, visitado em 6 de novembro de 2012 
  9. Eggleton, P. P.; Tokovinin, A. A. (setembro de 2008). "A catalogue of multiplicity among bright stellar systems". Monthly Notices of the Royal Astronomical Society 389 (2): 869–879. DOI:10.1111/j.1365-2966.2008.13596.x. Bibcode2008MNRAS.389..869E.
Ícone de esboço Este artigo sobre Estrelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.