Bataan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bataan no mapa das Filipinas.

Bataan é uma província das Filipinas que ocupa toda a Península de Bataan na ilha de Luzon, sendo parte da região central da ilha, com uma área de 1373 km² Sua capital é Balanga City, fundada em 1754 e a população local é de cerca de 558.000 habitantes (Censo 2000).

Bataan faz fronteira ao norte com as províncias de Zambales e Pampanga e é banhada ao leste pelo Mar do Sul da China e a oeste pela Baía de Manila. Seu ponto mais alto (1253m) é o Monte Natib; ao sul, encontram-se as Montanhas Mariveles, onde se ergue o Monte Samat, local histórico de partida da infame Marcha da Morte durante a II Guerra Mundial.

História[editar | editar código-fonte]

Possessão espanhola que foi invadida por forças navais holandesas em 1647, Bataan foi estabelecida como província pelo governador-geral Pedro Manuel Arandia em 1754.

Alcançou proeminência mundial no século XX como palco de uma das mais cruéis batalhas da II Guerra Mundial, a Batalha de Bataan, quando da invasão das Filipinas pelo exército japonês em dezembro de 1941. Japoneses, norte-americanos e filipinos lutaram ali pela posse da península entre dezembro de 1941 e abril de 1942 com a derrota das forças aliadas, que acarretou num dos maiores crimes de guerra do conflito, a Marcha da Morte, causadora da morte de milhares de prisioneiros forçados a marchar por mais de 150 kms de Bataan a Tarlac, sem água, sob maus tratos e forte calor.

Bataan

Geografia[editar | editar código-fonte]

Cidado[editar | editar código-fonte]

Município[editar | editar código-fonte]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia das Filipinas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.