Casa Milà

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde janeiro de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Casa Milà ao lusco-fusco
Arcos parabólicos sob o terraço da Casa Milà.

A Casa Milà, também conhecida como La Pedrera (em catalão: A Pedreira), é um edifício desenhado pelo arquitecto catalão Antoni Gaudí e construída entre os anos 1905 e 1907. Está situada no número 92 do Passeig de Gràcia (passeig é catalão para "promenade" ou "avenida") no bairro Eixample de Barcelona, Catalunha, Espanha. Foi construída para Roger Segimon de Milà. É parte do Património mundial da UNESCO, juntamente com outras obras de Antoni Gaudí.

Características[editar | editar código-fonte]

O edifício não possui quaisquer linhas rectas. A maioria das pessoas considera-o magnífico e arrebatador; alguns dizem que se parece a ondas de lava ou a uma duna de areia. O edifício parece desafiar o nosso conceito de arquitectura convencional. O aspecto mais impressionante é a cobertura, com uma aparência quase lunar ou de sonho.

O edifício pode ser considerado mais uma escultura do que um edifício convencional. Os críticos salientam a ausência de preocupação com a utilidade, mas outros consideram-no como arte. Os habitantes da cidade da altura consideravam-no feio, daí a alcunha de "pedreira", mas hoje em dia é um dos marcos da cidade.

Pode ser comparado com as pareces íngremes com que as tribos africanas constroem as suas habitações, semelhantes a cavernas. A fachada ondulada, com largos poros, lembra um praia ondulante de areia fina, formada, por exemplo, por uma duna. Os favos feitos por abelhas atarefadas também salta à ideia do observador que olha para os altos e baixos, semelhantes a cobras, que percorrem o edifício inteiro.

A Casa Milà foi o predecessor de alguns edifícios com uma aparência biomórfica semelhante:

São efectuadas exibições gratuitas no primeiro andar frequentemente, que também permite a oportunidade de ver o desenho interior. O acesso aos apartamentos e ao telhado requer o pagamento de uma taxa.

Casa Milà nos media[editar | editar código-fonte]

Uma cena de Professione: reporter, um filme realizado por Michelangelo Antonioni, foi filmada no telhado do edifício.

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Casa Milà

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Rainer Zervst. Gaudi, 1852-1926, Antoni Gaudi i Cornet - A Life Devoted to Architecture. Cologne: Benedikt Taschen Verlag GmbH & Co. KG., 1988. p176.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Imagem: Obras de Antoni Gaudí A Casa Milà faz parte do sítio Obras de Antoni Gaudí, Património Mundial da UNESCO. Welterbe.svg