Clódio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Clódio
Chefe dos francos salianos (426-447)
Nascimento ca. 392
Morte 447 (55 anos)
Clódio, outro mítico rei dos francos.

Clódio (ca. 392447 ou 449) (Chlodio, Chlodion, Clodion, Clodius, Chlogio, Clodian), Cabelos Longos ou O Cabeludo, foi um rei semi-lendário dos francos salianos da dinastia merovíngia (426 - 447). Seu sucessor foi Meroveu, de quem a dinastia herdou o nome. A parte lendária diz que seu pai foi o duque Faramundo e sua mãe Argotta, da Turíngia. Seu avô deve ter sido Marcomer, um duque dos francos.

Há basicamente apenas duas fontes de informação sobre Clódio: os escritos de Gregório de Tours e Sidônio Apolinário.

Clódio viveu em Dispargum, nome que se acredita ser de um castelo, ou uma vila. Por volta de 431, ele invadiu o território de Artois, mas foi derrotado próximo a Hesdin por Aécio, comandante do exército romano na Gália. No entanto, Clódio reagrupou seu exército e em pouco tempo foi capaz de tomar a cidade de Cameracum. Finalmente, ele ocupou toda a região até o rio Somme e fez de Tournai a capital dos francos salianos.

A agressividade de Clódio em conquistar mais territórios levou a séculos de expansão por seus sucessores que no final das contas criaram o que hoje conhecemos como França. Clódio morreu em algum momento entre 447 e 449 e o poder foi passado a Meroveu. Não se sabe se Meroveu era seu filho ou outro chefe tribal que ascendeu à posição de liderança.

Casamentos e filhos[editar | editar código-fonte]

  • com (?) o nome da esposa de Clódio não é conhecido.
  1. Meroveu ♂ (◊ 411 † 482) possivelmente
  2. ♂ Clodebaudo de Colônia (◊ 420 † 483)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]