Diná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde agosto de 2012).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Diná (em hebraico: דִּינָה, hebraico moderno: Dina, hebraico tiberiano: Dînā; "Julgado, vindicado") de acordo com a Bíblia hebraica, era a filha de Jacó, um dos patriarcas do povo de Israel, e Lia, sua primeira esposa[1] . O episódio de seu rapto e violação pelo príncipe cananeu Siquém, e da posterior vingança por parte de seus irmãos Simeão e Levi, normalmente conhecida como "O Estupro de Diná", é contada em Gênesis 34.

Seus irmãos eram Rúben, Simeão, Levi, Judá, Zebulom, Issacar, , Gade, Aser, Naftali, José e Benjamim.

O Estupro de Diná[editar | editar código-fonte]

Descrição do século 17 do estupro de Diná.

Diná, filha de Lia e Jacó, saiu para visitar as mulheres de Siquém, onde seu povo havia feito acampamento e onde seu pai Jacó tinha comprado a terra onde tinha armado sua tenda. Siquém, filho de Hamor, o príncipe da terra, "agarrou-a, se deitou com ela e humilhou-a. E sua alma se apegou a Diná ... ele amou a moça e falou-lhe ao coração"[2] , e Siquém pediu a seu pai que obtivesse Diná para ele, para ser sua esposa.

Hamor veio a Jacó e pediu Diná para seu filho: "Faça casamentos conosco; dai vossas filhas para nós, e tomai as nossas filhas para vós. Você deve habitar conosco, e a terra será aberta para você", e Siquém ofereceu a Jacó e seus filhos de qualquer dote que eles determinassem. Mas "os filhos de Jacó, responderam a Siquém e Hamor seu pai, enganosamente, porque ele tinha contaminado sua irmã Diná", dizendo que aceitaria a oferta se os homens da cidade concordassem em ser circuncidados.

Então os homens de Siquém foram enganados, e foram circuncidados, e "no terceiro dia, quando os homens sentiam mais forte a dor da circuncisão, dois dos filhos de Jacó, Simeão e Levi, irmãos de Diná, tomaram suas espadas e caíram sobre a cidade de surpresa, e mataram todos os homens. Eles mataram Hamor e Siquém, seu filho com a espada, e, tirando Diná da casa de Siquém, foram embora. "E os filhos de Jacó saquearam o que estava na cidade e no campo, "todas as suas riquezas, todos os seus pequeninos e suas esposas, tudo o que estava nas casas."

"Então Jacó disse a Simeão ea Levi: 'Vocês trouxeram problemas em fazendo-me odioso aos habitantes da terra, os cananeus e os perizeus; sendo nós pouca gente, eles se reunirão contra mim e me atacarão e eu serei destruído, tanto eu como minha casa.' Mas eles disseram: 'Abusaria ele de nossa irmã, como se fosse prostitua?'"

História de Diná[editar | editar código-fonte]

Quando Diná tinha cerca de seis anos de idade, Jacó passou a habitar em Canaã, na cidade de Sucote. Diná havia nascido em Harã, quando seu pai ali morava. (Génesis 31:41 ou 34.) Perto do acampamento de Jacó e sua família ficava a cidade de Siquém. Era para lá que Diná se dirigia frequentemente para visitar as moças cananéias locais, que não partilhavam dos costumes religiosos dos descendentes de Abraão. Durante uma dessas visitas regulares, Siquém, filho de Hamor, o maioral, violou Diná. Siquém apaixonou-se por Diná e esta ficou em casa dele até que Simeão e Levi decidiram vingar sua irmã. Com um plano ardiloso, eles convenceram os homens de Siquém a efectuarem a circuncisão em troca da mão de Diná em casamento. Daí, enquanto os habitantes da cidade ainda estavam em convalescença, os dois irmãos atacaram a cidade e mataram todos os homens, incluindo Hamor e Siquém.

Anos mais tarde, Diná participou na deslocação da sua família para o Egito a convite de seu irmão José.

Referências

Filhos de Jacó, por esposa e ordem de nascimento
Lia Rúben (1) Simeão (2) Levi (3) Judá (4) Issacar (9) Zebulun (10) Diná (11)
Raquel José (12) Benjamim (13)
Bila (criada de Raquel) Dã (5) Naftali (6)
Zilpa (criada de Lia) Gade (7) Aser (8)