Estreptomicina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Estrutura química da estreptomicina. (Código ATC: J01G A01.)

A estreptomicina foi o primeiro agente específico efetivo no tratamento da tuberculose. Foi também uns dos primeiros aminoglicosídeos descobertos. É um antibiótico bactericida de pequeno espectro.

Foi descoberta pela equipe liderada pelo bioquímico norte-americano Selman Abraham Waksman, 19 de outubro de 1943, a partir da actinobacteria Streptomyces griseus, revelando-se um antibiótico relativamente inócuo para o homem, com excelentes resultados na luta contra a tuberculose quando combinado com a quimioterapia.

A sua descoberta valeu a Waksman o Prêmio Nobel de Medicina, em 1952.

Ícone de esboço Este artigo sobre fármacos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.