Guillaume Philippe Schimper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Busto de Schimper no Museu de História Natural de Estrasburgo

Guillaume Philippe (Wilhelm Philipp) Schimper (Dossenheim-sur-Zinsel, 12 de dezembro de 1808Estrasburgo, 20 de março de 1880) foi um botânico e palentólogo francês [1] .

Seu filho Andreas Franz Wilhelm Schimper foi igualmente botânico.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Com A. Mougeot: Monographie des Plantes fossiles du Gres Bigarre de la chaine des Vosges, Leipzig 1844
  • Stirpes normales bryologiae europaeae, Straßburg 1844–1854
  • Recherches anatomiques et morphologiques sur les mousses, Straßburg 1849
  • Icones morphologicae, Stuttgart 1860
  • Mémoire pour servir à l' histoire naturelle des Sphagnum, Paris 1854 (deutsch, Stuttgart 1857)
  • Palaeontologica alsatica, Straßburg 1854 f.
  • Synopsis muscorum europaeorum, Stuttgart 1860, 2. Aufl. 1876
  • Le terrain de transition des Vosges, Straßburg 1862, com Köchlin
  • Traité de paléontologie végétale, Paris 1869–74, 3 Bände

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Brummitt RK; Powell CE. (1992). Authors of Plant Names. Royal Botanic Gardens, Kew. ISBN 1-84246-085-4.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Botânicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Wikipedia-pt-hist-cien-logo.png Portal de história da ciência. Os artigos sobre história da ciência, tecnologia e medicina.