Helmet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Helmet
Helmet no The Hifi Bar, Melbourne, maio de 2008.
Informação geral
Origem Nova Iorque, Nova Iorque
País  Estados Unidos
Gênero(s) Metal alternativo, noise rock, heavy metal, groove metal
Período em atividade 19891998; 2004–atualmente
Gravadora(s) AmRep
Interscope
Página oficial www.HelmetMusic.com
Integrantes Page Hamilton
Dan Beeman
Kyle Stevenson
Jon Fuller
Ex-integrantes Henry Bogdan
John Stanier
Peter Mengede
Rob Echeverria
Chris Traynor
Frank Bello
John Tempesta
Chris Traynor
Mike Jost
Jeremy Chatelain
Jimmy Thompson

Helmet é uma banda estadunidense de metal alternativo[1] formada em Nova Iorque em 1989 por Page Hamilton (vocal e guitarra), Henry Bogdan (baixo), Peter Mengede (guitarra) e John Stanier (bateria).

História[editar | editar código-fonte]

O início[editar | editar código-fonte]

Como diversas bandas importantes, o Helmet surgiu de uma mistura de influências pouco comum. No final da década de 1980, o fundador e guitarrista do grupo, Page Hamilton (nascido no estado estadunidense de Oregon), havia se mudado para Nova Iorque para estudar Jazz e violão clássico, tornando-se PHd pela universidade de Nova Iorque em Jazz. Ao final da faculdade acabou se apaixonando por algumas bandas de pós-punk da época tais como Sonic Youth, Killing Joke e Big Black. Na sua infância e adolescência Page se dizia influenciado por Led Zeppelin, AC/DC e Aerosmith, bandas com as quais ele foi perdendo contato no período em que estudava Jazz em Nova Iorque retomando suas influências iniciais ao tomar contato novamente com o rock.

Influenciado por esses grupos e com o conhecimento de Jazz que possuía, Hamilton decidiu montar o grupo, que logo no começo já mostrava uma maneira diferente de se tocar rock, com afinações diferentes das usadas pelo estilo da época, o peso do heavy metal e uma batida influenciada pelo balanceado do jazz e do funk. Ele recrutou seu conterrâneo Henry Bogdan para tocar baixo, o australiano Peter Mengede para a outra guitarra e diretamente da Flórida o baterista John Stanier para assumir as baquetas.

Primeiros Anos (1989-1991)[editar | editar código-fonte]

Helmet apareceu na cena underground de Nova Iorque após Hamilton deixar a banda Band of Susans. Eles foram descobertos por Tom Hazelmyer e assinaram com seu selo Amphetamine Reptile Records, lançando seu primeiro single "Born Annoying" ao final do ano. A Amphetamine Reptile lançou seu primeiro álbum Strap It On, em 1990.

Helmet foi aclamado como "uma banda pensante de heavy metal". Evitando a imagem tradicional das bandas de heavy metal com cabelos longos e roupas negras, a banda se destacou com a sua preferência por camisas simples, bermudas e tênis, além dos cabelos curtos. Sua música é caracterizada pela repetição, sincopada dos riffs de guitarra, com tempos muitas vezes estranhos e som de caixa de bateria seco. A afinação das guitarras é em drop-D ou drop-C. Inclusive foi o Helmet uma das bandas mais influentes na popularização das afinações em Drop-D. O som da guitarra é muito distorcidao e dissonante, com refrões que muitas vezes envolvem muros sonoros com ondas de guitarra.

Antes de Hamilton estabeler um nome para o grupo, a então namorada de Peter Mengede (guitarrita da época) sugeriu o nome "Helmut" para a banda. Hamilton alterou o nome optando pela grafia anglófona, pois pensava que Helmet "soava como um nome legal para uma banda." Outros nomes foram considerados "Cry Ruth" e "Poly Orchids", juntamente com o mais esotérico "Tuna Lorenzo" e "Froth Albumen".

Os álbuns[editar | editar código-fonte]

A banda logo no ano que se formou, lançou o EP Born Annoying.Este trazia um Helmet um tanto diferente, com uma sonoriade voltada ao post-punk, apesar do que pode-se perceber a presença guitarras atonais com muita distorção. Já em dezembro de 1990, a banda lançou pelo selo independente Amphetamine Reptile o seu primeiro álbum, chamado Strap It On. Um disco bem pesado, voltado para o noisy-metal, era um som bem inovador e experimental.Ele chegou a fazer sucesso com o público alternativo nacional com canções como "Sinatra" e "Bad Mood". Sucesso suficiente para que rendesse à banda um contrato com a gravadora multinacional Interscope Records. Em 1992, com a mesma formação do início, o Helmet lança o disco Meantime. O álbum, mesmo sendo considerado alternativo e pouco pop faz sucesso nas rádios e na MTV. A canção "Unsung" entra nas principais paradas mundiais e coloca o nome do grupo entre os grandes, que começa a ser chamado de a resposta nova-iorquina para o movimento grunge de Seattle, que explodia na época graças a bandas como Soundgarden, Pearl Jam, Nirvana e Alice in Chains.

Após uma turnê de agenda bem cheia em 1993, ao ponto de que apenas folgassem no Natal e uns alguns outros dias livres, em 1994 o Helmet lança seu terceiro álbum, Betty, já com Rob Echeverria na guitarra. O álbum traz faixas ainda mais densas e pesadas com as mesmas batidas que caracterizam até hoje o som da banda, tendo como destaque as canções "Milquetoast" e "Wilma´s Rainbow". Mas apesar das boas críticas da mídia, o álbum não consegue ter o mesmo sucesso de vendas que o anterior.

No ano de 1995, em meio a turnê mundial de Betty, a banda e a gravadora lançam o álbum Born Annoying, material o qual trazia músicas de fitas de EP antigos, algumas raridades como "Shirley Maclaine" e "Taken" e covers do Melvins e Killing Joke.

No começo de 1997, já sem Echeverria, que deixou a banda para se juntar ao Biohazard, chega às lojas Aftertaste, que teve todas as suas guitarras gravadas por Hamilton. O disco não obteve o sucesso desejado e a banda depois de uma turnê com o Orange 9mm e por brigas internas, no final de 1998, a banda decidiu encerrar suas atividades.

O retorno[editar | editar código-fonte]

Depois do fim do Helmet Page Hamilton trabalhou em algumas trilhas sonoras de filmes e participou de álbuns de bandas que ele mesmo havia influenciado com seus riffs, como Korn, Limp Bizkit, Nine Inch Nails e System of a Down.

No início de 2004 ele decidiu remontar a banda. Chamou o baixista Frank Bello, ex-Anthrax, e o baterista Jonh Tempesta, ex-Testament e gravou um novo disco. Chegava às lojas no final daquele mesmo ano Size Matters. Além de recolocar o Helmet entre as principais bandas do rock alternativo atual, o álbum recebeu boas críticas da imprensa e dos fãs.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Compilações[editar | editar código-fonte]

Compactos[editar | editar código-fonte]

Ano Title U.S. Mainstream Rock Tracks U.S. Modern Rock Tracks Álbum
1989 "Born Annoying" (Versão de 1989) - - Born Annoying
1992 "Unsung" 32 29 Meantime
1992 "In the Meantime" - - Meantime
1992 "Give It" - - Meantime
1993 "Just Another Victim" (com House of Pain) - - Banda sonora de Judgment Night
1993 "Born Annoying]]" (Versão de 1993) - - Born Annoying
1994 "Milquetoast" 39 - Betty
1994 "Biscuits for Smut" - - Betty
1994 "Wilma's Rainbow" - - Betty
1997 "Exactly What You Wanted" 19 - Aftertaste
1997 "Like I Care" - - Aftertaste
2004 "See You Dead" 29 - Size Matters
2004 "Unwound" - - Size Matters
2006 "Gone" - - Monochrome
2007 "Monochrome" - - Monochrome

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Formação atual[editar | editar código-fonte]

Ex-integrantes[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]