James Frazer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde setembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde novembro de 2010)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
James Frazer
Nome completo James George Frazer
Nascimento 1 de Janeiro de 1854
Glasgow
Morte 7 de Maio de 1941
Cambridge
Nacionalidade Flag of Scotland.svg escocês
Ocupação antropólogo

Sir James George Frazer (1 de Janeiro de 1854, Glasgow, Escócia7 de Maio de 1941, Cambridge), foi um influente antropólogo nos primeiros estágios dos estudos modernos de mitologia e religião comparada.

História[editar | editar código-fonte]

Frazer estudou na Universidade de Glasgow e no Trinity College, da Universidade de Cambridge. Foi nesta última instituição que ele escreveu sua obra mais importante, The Golden Bough; a Study in Magic and Religion ("O ramo de ouro", 1890).

"O ramo de ouro" é uma obra alentada (12 volumes na edição final, concluída em 1915), onde o autor faz um estudo comparativo dos mitos e do folclore de várias sociedades, e levanta a tese de que o pensamento humano evoluiu de um estágio mágico para outro religioso, e daí para um nível científico. Esta tese foi logo refutada por outros antropólogos, mas a distinção feita por Frazer entre magia e religião, ainda é aceita: na magia, o utilizador tenta controlar através de "técnicas" o mundo e os acontecimentos, enquanto que na religião, ele requisita o auxílio a espíritos e divindades.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • The Golden Bough; a Study in Magic and Religion (1890)
  • Folk-Lore in the Old Testament ("O folclore no Antigo Testamento", 1918)
  • The Golden Bough (edição resumida, 1922)

Obras (em português)[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Grande Enciclopédia Barsa. São Paulo:Barsa Planeta Internacional Ltda., 2005. V.6. P.441-2. ISBN 85-7518-204-8 (obra completa)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]