João Aguardela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
João Aguardela
Informação geral
Nome completo João Miguel Antunes Aguardela
Nascimento 2 de fevereiro de 1969
Local de nascimento Lisboa, Portugal
País  Portugal
Data de morte 18 de janeiro de 2009 (39 anos)
Local de morte Lisboa, Portugal
Gênero(s) Pop-rock
Afiliação(ões) Linha da Frente, Megafone, Sitiados, A Naifa

João Aguardela (Lisboa, 2 de fevereiro de 1969 - Lisboa, 18 de janeiro de 2009) foi um cantor, músico e compositor português, conhecido por fazer parte das bandas Sitiados, Linha da Frente, Megafone e A Naifa.

Cedo mostrou apetência musical, tendo-se destacado como líder da banda Sitiados, que apareceu num dos concursos do Rock Rendez-Vous e que logo no início dos anos 1990 registou inúmeros êxitos musicais. Frequentou a escola de artes António Arroio, em Lisboa.

Foi uma pessoa activista em muitas causas. Manifestou o seu repúdio pela extrema-direita - mais concretamente pela morte do partidário do PSR José Carvalho- tendo participado em inúmeras manifestações sociais e políticas. Aquando da invasão do Iraque por parte dos EUA, também mostrara o seu total descontentamento.

João Aguardela foi distinguido em 1994 com o Prémio Revelação da Sociedade Portuguesa de Autores.

Em 1995 é convidado por Manuel Faria a participar na compilação "Espanta Espíritos" com o tema "Natal dos Pequeninos".

Depois do fim dos Sitiados fez parte dos projectos Linha da Frente e A Naifa. Tinha ainda o seu projecto mais pessoal: Megafone, com quatro discos.[1]

Faleceu no Hospital da Luz, em Lisboa, a 18 de Janeiro de 2009, vítima de cancro do estômago, aos 39 anos de idade.[2]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.