Johny Hendricks

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Johny Hendricks
Nome de nascimento Johny Harvey Hendricks
Data de nascimento 12 de setembro de 1983 (31 anos)
Local de nascimento Ada, Oklahoma
 Estados Unidos
Outros nomes Bigg Rigg
Nacionalidade Povo dos Estados Unidos norte-americano
Altura 1.75m
Peso 170 lb (77 kg; 12 st)
Divisão Meio-Médio
Envergadura 69,0 in (175 cm)
Modalidade Wrestling
Posição Southpaw
Luta por Dallas, Texas
 Estados Unidos
Equipe Team Takedown
Anos ativo 2007-presente (MMA)
Cartel no MMA
Total 18
Vitórias 16
Por nocaute 8
Por finalização 1
Por decisão 7
Derrotas 2
Por decisão 2
Outras informações
Universidade Oklahoma State University
Página Oficial Hendricks bio
Johny Hendricks no Sherdog

Johny Harvey Hendricks[1] (Ada, 12 de setembro de 1983) é um lutador de MMA americano. Ele atualmente luta na divisão dos Welterweight (meio-médio) do Ultimate Fighting Championship. Ele atualmente é o Campeão Meio Médio do UFC.

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Início da Carreira[editar | editar código-fonte]

Após graduar-se em 2007, Hendricks se mudou para Las Vegas e assinou com o Team Takedown, juntamente com outros dois ex-lutadores da OSU, Shane Roller e Jake Rosholt. Hendricks começou a treinar para uma carreira no MMA e fez sua estréia profissional em 28 de setembro de 2007,no qual no terceiro round venceu por TKO (socos) Victor Ratcliff, pelo Master of Cage 16 em Oklahoma.

Hendricks lutou mais uma vez em 2007, e derrotou Spencer Cowley no segundo round por TKO pelo Snakebite Fight Night em Oklahoma.Hendricks fez (e venceu) sua estréia na televisão em 15 de março de 2008, com uma submissão primeiro round sobre Richard Gamble no HDNet Fights Xtreme Fighting League 1, antes de assinar um acordo com o WEC (junto com Rolles e Rosholt).

No WEC, Hendricks venceu duas lutas sobre Justin Haskins no WEC 37 (primeira luta Hendricks "fora de Oklahoma) e uma vitória por decisão unânime sobre Alex Serdyukov no WEC 39, que foi a ultima luta nessa categoria do WEC devido à decisão da empresa para dissolver a divisão do welterweight e focar os lutadores mais leves..

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Com o WEC eliminando sua classe de peso, Hendricks teve de encontrar outro lugar para lutar e optou por fazer o salto para o UFC.Em maio de 2009, foi anunciado que Hendricks estaria fazendo sua estreia no UFC contra o campeão do The Ultimate Fighter: Team Rampage vs. Team Forrest Amir Sadollah no UFC 101 no Wachovia Center na Filadélfia, Pensilvânia em 8 de agosto de 2009. Nos segundos iniciais do primeiro round , Hendricks bloqueou um chute alto de Sadollah e respondeu com um uppercut. Hendricks continuou a pousar socos até árbitro Dan Miragliotta terminar a luta de 29 segundos do primeiro round. Depois de bater em Sadollah, ele saltou e correu toda a gaiola com um sorriso enorme no rosto, o que lhe valeu o apelido não-oficial de Happy Beard Guy entre os fãs da luta. Algumas pessoas criticaram Miragliotta para parar a luta cedo demais, como Sadollah parecia estar tentando se levantar, mas Miragliotta defendeu sua paralisação dizendo que Sadollah era "de fora" e ainda parecia vítreo os olhos e me perguntou o que aconteceu.

Hendricks derrotou o recém chegado do UFC Ricardo Funch em 12 de dezembro de 2009 pelo UFC 107: Penn vs.Sanchez.

Ele derrotou TJ Grant no UFC 113 por decisão Majoritária, melhorando o seu recorde para 3-0 no UFC.

Hendricks enfrentou Charlie Brenneman em 7 de agosto de 2010 no UFC 117. Hendricks o derrotou por nocaute técnico (socos), após 40 segundos do segundo round.

Hendricks lutou com Rick Story em 4 de dezembro de 2010 no The Ultimate Fighter Team GSP vs. Team Koscheck Finale. Hendricks sofreu a primeira derrota de sua carreira no MMA, perdendo por decisão unânime.

Hendricks era esperado para enfrentar Paulo Thiago em 3 de março de 2011, no UFC on Versus 3 . No entanto, Thiago foi forçado a sair da luta com uma lesão no cotovelo . Em vez disso, Hendricks lutou TJ Waldburger em 26 de março de 2011 no UFC Fight Night 24:Nogueira vs. Davis, substituindo Dennis Halmann. Hendricks venceu por TKO no Primeiro round, e levando o Nocaute da Noite.

Hendricks enfrentou Mike Pierce em 6 de agosto de 2011 no UFC 133. Hendricks venceu por decisão dividida.

Hendricks lutou com o até então numero # 2 dos Welterweight do mundo Jon Fitch em 30 de dezembro de 2011 no UFC 141: Lesnar vs. Overeem. Hendricks se tornou o primeiro homem a finalizar Fitch no UFC, conquistando através de um KO com apenas 12 segundos do primeiro round, também ganhando o Nocaute da Noite.

No co-evento principal do UFC on Fox: Diaz vs. Miller, Josh Koscheck e Hendricks fizeram uma luta extremamente equilibrada, decidida nos mínimos detalhes. Melhor no segundo round e pouca coisa superior no período final, Hendricks acabou ficando com a vitória em decisão divida dos jurados (29 a 28, 28 a 29 e 29 a 28). - Esse cara é difícil. Bati nele com tudo, mas tiro o chapéu para ele. Tenho a mão pesada, mas sabia que seria complicado. Quero agora levar o cinturão para casa - afirmou Hendricks[2]

Hendricks se tornaria o contender Nº 1, após conseguir um belíssimo Nocaute em cima de Martin Kampmann aos 45 segundos do primeiro round no UFC 154: St. Pierre vs. Condit em 17 de Novembro de 2012.

Hendricks vs Condit[editar | editar código-fonte]

Com a lesão de Rory MacDonald, Hendricks substituiu o garoto numa luta contra Carlos Condit no co-maint event do UFC 158 em 16 de Março de 2013. Hendricks era esperado para lutar contra Jake Ellenberger na mesma noite, o que deixou o americano furioso. Jake Ellenberger afirmou que na primeira oportunidade que tiver, quer “vestir os dentes de Hendricks em um colar”.[3]

A luta contra Carlos Condit representava um grande desafio para Hendricks, que provavelmente já conseguiria o title shot caso passasse por Ellenberger. Condit nunca foi nocauteado na sua carreira e é conhecido pelo ótimo preparo físico. O duelo correspondeu às expectativas e foi marcado por uma trocação franca entre os dois atletas americanos, pela potência do punho esquerdo de Hendricks e a resistência do queixo de Condit, que também esteve bem em pé e valorizou muito o duelo. Os três jurados deram vitória pelo placar de 29 a 28 a Hendricks, que voltou a desafiar o campeão St-Pierre pelo cinturão:

Cquote1.svg Ei, GSP, se você vencer hoje, quero vê-lo daqui a cinco meses aqui mesmo! Olha só, eu sei que vocês gostam do GSP, mas eu mereci isso! Quero esta luta aqui, e se você não quiser, eu vou até a sua casa, vou levar um árbitro e vamos fazer algo a respeito.[4] - Cquote2.svg
declarou Hendricks

A luta contra Carlos Condit é apontada como uma grande candidata à luta do ano de 2013, além de ter faturado o prêmio de luta da noite.[5]

Disputa do cinturão contra Georges St-Pierre[editar | editar código-fonte]

A disputa de cinturão dos meio-médios aconteceu no UFC 167, dia 16 de Novembro de 2013, em Las Vegas, Estados Unidos. Hendricks perdeu a luta por uma decisão dividida, e ganhou pela terceira vez o prêmio de luta da noite.

O resultado da luta causou polêmica e dividiu opiniões quanto ao vencedor. Enquanto alguns viram a vitória para o campeão, outros acharam que o desafiante merecia sair com o título. Os jurados do duelo também discordaram sobre o resultado do primeiro round, e deram vitória dividida para o canadense.[6]

Rivalidade com Lawler[editar | editar código-fonte]

Após a luta entre St. Pierre e Hendrick, St. Pierre deixou no ar uma possível aposentadoria. No dia 13 de Dezembro de 2013, St. Pierre fez uma coletiva anunciando sua aposentadoria temporária e deixando o título vago.

Hendricks é esperado para enfrentar Robbie Lawler em 15 de Março de 2014 no UFC 171 pelo Cinturão Meio Médio Vago do UFC. No dia da pesagem, Hendricks não conseguiu bater peso na primeira tentativa, marcando 78,1 kg.[7] Após muita apreensão por parte de todos, o atleta conseguiu atingir o peso limite para o cinturão com as 2 horas extras fornecidas pelo UFC.

Hendricks venceu a luta por decisão unânime após duros cinco rounds e se tornou o novo Campeão Meio Médio do UFC. A luta rendeu a Hendricks e Lawler o bônus de Luta da Noite.

Após algumas vitórias de Lawler, ele recebeu outra chance pelo título, acontecerá em 6 de Dezembro de 2014 no UFC 181, a luta entrou para substituir a luta principal do evento.

Campeonatos e bonus conquistados[editar | editar código-fonte]

Collegiate wrestling[editar | editar código-fonte]

  • National Collegiate Athletic Association
    • NCAA Division I All-American out of Oklahoma State University (2004), (2005), (2006), (2007)
    • NCAA Division I 157 1b - 5th place out of Oklahoma State University (2004)
    • NCAA Division I 165 1b - Champion out of Oklahoma State University (2005)
    • NCAA Division I 165 1b - Champion out of Oklahoma State University (2006)
    • NCAA Division I 165 1b - Runner-up out of Oklahoma State University (2007)
    • Big 12 Conference Championship out of Oklahoma State University[8]

Wrestling Amador[editar | editar código-fonte]

  • USA Junior Freestyle Championship
    • USA Junior Freestyle Championship 165 1b - Winner out of Oklahoma (2001))
    • USA Junior Freestyle Championship 165 1b - Winner out of Oklahoma (2002)

Artes Marciais Mistas[editar | editar código-fonte]

O cinturão do UFC reconquistado em 15 de março, 2014

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Estados Unidos Robbie Lawler UFC 181 Hendricks vs. Lawler II 06/12/2014 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Defesa do Cinturão Meio Médio do UFC
Vitória 16-2 Estados Unidos Robbie Lawler Decisão (unânime) UFC 171: Hendricks vs. Lawler 15/03/2014 5 5:00 Estados Unidos Dallas, Texas Ganhou o Cinturão Meio Médio Vago do UFC; Luta da Noite.
Derrota 15-2 Canadá Georges St. Pierre Decisão (dividida) UFC 167: St. Pierre vs. Henricks 16/11/2013 5 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Pelo Cinturão Meio Médio do UFC; Luta da Noite.
Vitória 15-1 Estados Unidos Carlos Condit Decisão (unânime) UFC 158: St. Pierre vs. Diaz 16/03/2013 3 5:00 Canadá Montreal, Quebec Luta da Noite.
Vitória 14-1 Dinamarca Martin Kampmann Nocaute (soco) UFC 154: St. Pierre vs. Condit 17/11/2012 1 0:46 Canadá Montreal, Quebec Tornou-se o desafiante Nº1 ao Título dos Meio Médios.Nocaute da Noite
Vitória 13-1 Estados Unidos Josh Koscheck Decisão (dividida) UFC on Fox: Diaz vs. Miller 05/06/2012 3 5:00 Estados Unidos East Rutherford, New Jersey
Vitória 12-1 Estados Unidos Jon Fitch Nocaute (soco) UFC 141: Lesnar vs. Overeem 30/12/2011 1 0:12 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Nocaute da Noite.
Vitória 11-1 Estados Unidos Mike Pierce Decisão (dividida) UFC 133: Evans vs. Ortiz II 06/08/2011 3 5:00 Estados Unidos Philadelphia, Pennsylvania
Vitória 10-1 Estados Unidos TJ Waldburger Nocaute (socos) UFC Fight Night 24 26/03/2011 1 1:35 Estados Unidos Seattle, Washington Nocaute da Noite.
Derrota 9-1 Estados UnidosRick Story Decisão (unânime) The Ultimate Fighter 12 Finale 04/12/2010 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 9-0 Estados Unidos Charlie Brenneman Nocaute Técnico (socos) UFC 117: Silva vs. Sonnen 07/08/2010 2 0:40 Estados Unidos Oakland, California
Vitoria 8-0 Canadá TJ Grant Decisão (majoritária) UFC 113: Machida vs. Shogun II 08/05/2010 3 5:00 Canadá Montreal, Quebec
Vitória 7-0 Brasil Ricardo Funch Decisão (unânime) UFC 107: Penn vs. Sanchez 12/12/2009 3 5:00 Estados Unidos Memphis, Tennessee
Vitória 6-0 Estados Unidos Amir Sadollah Nocaute Técnico (socos) UFC 101: Declaration 08/08/2009 1 0:29 Estados Unidos Philadelphia, Pennsylvania
Vitória 5-0 Rússia Alex Serdyukov Decisão (unânime) WEC 39: Brown vs. Garcia 01/03/2009 3 5:00 Estados Unidos Corpus Christi, Texas Luta da Noite.
Vitória 4-0 Estados Unidos Justin Haskins Nocaute Técnico (socos) WEC 37: Torres vs. Tapia 03/12/2008 2 0:43 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 3-0 Estados Unidos Richard Gamble Finalização (d'arce choke) HDNet Fights Xtreme Fighting League 1 15/03/2008 1 1:45 Estados Unidos Tulsa, Oklahoma
Vitoria 2-0 Estados Unidos Spencer Cowley Nocaute (socos) Snakebite Fight Night 16/11/2007 2 0:35 Estados Unidos Tulsa, Oklahoma
Vitoria 1-0 Estados Unidos Victor Rackliff Nocaute Técnico (socos) MOTC XVI: Masters of the Cage 16 28/09/2007 3 1:54 Estados Unidos Oklahoma City, Oklahoma

Referencias[editar | editar código-fonte]