Juan Manuel Peña

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Peña
Peña
Informações pessoais
Nome completo Juan Manuel Peña Montaño
Data de nasc. 19 de Março de 1964 (50 anos)
Local de nasc. Santa Cruz de la Sierra,  Bolívia
Altura 1,83 m
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
Tahuichi Academy
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1990-1993
1993-1995
1995-2004
2004-2007
2007-2009
2010
2011
Blooming
Santa Fé
Valladolid
Villarreal
Celta de Vigo
D.C. United
Blooming
48 (0)
62 (0)
249 (0)
56 (1)
33 (0)
10 (0)
? (?)
Seleção nacional
1991-2009 Flag of Bolivia.svg Bolívia 85 (1)

Juan Manuel Peña Montaño (Santa Cruz de la Sierra, 17 de janeiro de 1973) é um futebolista boliviano. Atualmente, defende o Blooming.

Começou sua carreira em 1990, no mesmo Blooming. Jogou ainda três temporadas no Santa Fé da Colômbia (1993-1995) antes de assinar contrato com o Valladolid.

Nos Pucela, Peña foi o líder da defesa do time, que defendeu por 249 vezes entre 1995 e 2004. Tal sucesso levou o Villarreal a contratar o zagueiro, que, contra o Málaga, marcou seu único gol por clubes. Em 2007, foi para o Celta de Vigo, onde jogou por três temporadas.

Após o término de seu contrato com o Celta, anunciou sua despedida dos gramados, aos 36 anos.

Volta aos gramados[editar | editar código-fonte]

Surpreendentemente, três meses após deixar de jogar, Peña retornou ao futebol defendendo o D.C. United, onde já estava treinando para recuperar a forma física. Pela equipe norte-americana, jogou apenas dez partidas.

Em novembro, o DC anunciou que Peña não estava nos planos do time, e com isso, o zagueiro foi dispensado. Aos 38 anos de idade, pretende encerrar a carreira de forma definitiva no Blooming, seu primeiro clube.

Seleção Boliviana[editar | editar código-fonte]

Peña estreou na Seleção Boliviana em 1991, com apenas 18 anos de idade. Jogou de 1991 a 2009 nos Verdes, tendo disputado a Copa de 1994, a Copa das Confederações de 1999 (única do país) e sete edições da Copa América. Foram 85 jogos entre 1991 e 2009, marcando um gols, contra Honduras, em 2003. A sua derradeira partida pela Seleção foi em março de 2009, contra a Argentina - partida marcada pela histórica goleada de 6 a 1 imposta pelos bolivianos.



Bandeira de BolíviaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas bolivianos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.