Copa América de 1997

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
XXXVIII Copa América
Bolívia 1997
Dados
Participantes 12
Organização CONMEBOL
Anfitrião  Bolívia
Período 1129 de junho
Gol(o)s 68
Jogos 26
Média 2,62 gol(o)s por partida
Campeão Brasil Brasil (5º título)
Vice-campeão Flag of Bolivia.svg Bolívia
3º colocado Flag of Mexico.svg México
Melhor marcador MéxicoMEX Luis Hernández – 6 gols
Melhor ataque (fase inicial) Brasil Brasil – 10 gols
Melhor defesa (fase inicial) Flag of Bolivia.svg Bolívia – Nenhum gol
Maior goleada
(diferença)
Peru Flag of Peru.svg 0 – 7 Brasil Brasil
Estádio Ramón AguileraSanta Cruz
26 de junho
Premiações
Melhor jogador
(CONMEBOL)
BrasilBRA Ronaldo
◄◄ Uruguai Uruguai 1995 Soccerball.svg Paraguai 1999 Paraguai ►►

A Bolívia foi a sede da 38a edição da Copa América do ano de 1997, realizada nos dias 11 e 29 de junho daquele ano. A competição contou com a presença de 12 seleções (as dez da CONMEBOL, mais duas seleções da CONCACAF convidadas pela CONMEBOL: México e Costa Rica).

A Bolívia nunca teve uma grande seleção na história do futebol, mas era a favorita por disputar o torneio em sua casa, o que lhe favorecia em vários aspectos, inclusive os relativos aos efeitos da altitude sobre os adversários. Mas o Brasil surpreendeu os anfitriões, e mostrando grande capacidade física de alguns jogadores como Ronaldo e Zé Roberto, acabou vencendo-os na final e sagrou-se campeão da competição, pela primeira vez fora de casa. Depois deste jogo, o técnico Zagallo disse a célebre frase: "Vocês vão ter que me engolir".

Foi a quinta vez que a seleção foi campeã da competição (a última havia sido há oito anos, na edição de 1989) e a primeira vez que a seleção vencia a competição fora do Brasil.

Seleções Participantes[editar | editar código-fonte]


Estádios[editar | editar código-fonte]

A competição foi realizada em quatro cidades diferentes. A relação das cidades e dos estádios está abaixo:

Cidade Estádio Lotação Jogos realizados
Cochabamba Estádio Félix Capriles 35.000 Os seis jogos do grupo A e uma partida das quartas de final.
La Paz Estádio Hernando Siles 42.000 Três partidas do grupo B, uma partida das quartas-de-final, uma partida das semi-finais e a final.
Santa Cruz Estádio Ramón Tahuichi Aguilera 35.000 Os seis jogos do grupo C, uma partida das quartas-de-final, uma partida das semi-finais e a decisão de terceiro lugar.
Sucre Estádio Olímpico Pátria 29.000 Três partidas do Grupo B e uma partida das quartas-de-final.

Primeira Fase[editar | editar código-fonte]

Nesta parte da competição, as doze seleções participantes da competição foram divididas em três grupos de quatro. Classificam-se os dois primeiros de cada grupo e os dois melhores terceiros lugares para as quartas de final. Caso duas equipes terminem empatadas em números de pontos, são aplicados os seguintes critérios de desempate, pela ordem:

  • Maior saldo de gols.
  • Maior quantidade de gols marcados.
  • Confronto direto entre as seleções empatadas.

Abaixo seguem a classificação e os resultados:

Grupo A[editar | editar código-fonte]

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
Flag of Ecuador.svg Equador 7 3 2 1 0 4 1 3
Flag of Argentina.svg Argentina 5 3 1 2 0 3 1 2
Flag of Paraguay.svg Paraguai 4 3 1 1 1 2 3 -1
Flag of Chile.svg Chile 0 3 0 0 3 1 5 -4

Partidas realizadas:

11 de junho:

14 de junho:

17 de junho:

Grupo B[editar | editar código-fonte]

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
Flag of Bolivia.svg Bolívia 9 3 3 0 0 4 0 4
Flag of Peru.svg Peru 6 3 2 0 1 3 2 1
Flag of Uruguay.svg Uruguai 3 3 1 0 2 2 2 0
Flag of Venezuela.svg Venezuela 0 3 0 0 3 0 5 -5

Partidas realizadas:

12 de junho:

15 de junho:

18 de julho:

Grupo C[editar | editar código-fonte]

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
Brasil Brasil 9 3 3 0 0 10 2 8
Flag of Mexico.svg México 4 3 1 1 1 5 5 0
Flag of Colombia.svg Colômbia 3 3 1 0 2 5 5 0
Flag of Costa Rica.svg Costa Rica 1 3 0 1 2 2 10 -8

Partidas realizadas:

13 de junho:

16 de junho:

19 de junho:

Quartas de Final[editar | editar código-fonte]

21 de junho:

22 de junho:

Semifinais[editar | editar código-fonte]

25 de junho:

26 de junho:

Decisão do Terceiro Lugar[editar | editar código-fonte]

28 de junho:

Final[editar | editar código-fonte]

29 de junho:

Campeão da Copa América:

Flag of Brazil.svg BRASIL (5a vez)


Classificação Final[editar | editar código-fonte]

No jogo da final, o jogador Edmundo deu um soco no defensor boliviano.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]