Meet Me in St. Louis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Meet me in St. Louis
Não Há Como a Nossa Casa (PT)
Agora Seremos Felizes (BR)
 Estados Unidos
1944 • cor • 113 min 
Direção Vincente Minnelli
Elenco Judy Garland
Margaret O'Brien
Mary Astor
Leon Ames
Lucille Bremer
Tom Drake
Género romance / musical
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Meet Me in St. Louis (br: Agora Seremos Felizes / pt: Não Há Como a Nossa Casa) é um filme musical estadunidense de 1944, produzido pela Metro Goldwyn Mayer e dirigido por Vincent Minnelli. Conta a história de quatro irmãs que vivem em St.Louis, Missouri na época da Exposição Universal de 1904 de Saint Louis, Missouri-EUA, de 1904. Tudo fica de pernas para o ar quando o pai é transferido para Nova York.[1]

É uma adaptação feita por Irving Brecher e Fred F. Finklehoffe de uma série de contos de Sally Benson, publicados originalmente na revista The New Yorker.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme centra sua ação em uma família de St. Louis, os Smiths, formada pelo pai, mãe, um filho, quatro filhas e o avô, além da empregada, quase uma pessoa da família. Rose, a mais velha, aguarda que Warren, um pretendente de muito tempo, a peça em casamento. A outra filha, Esther, está apaixonada pelo rapaz da casa ao lado, John Truett, apesar de nunca terem conversado. Tudo isso às vésperas da Exposição Universal de Saint Louis de 1904.

Uma festa na casa dos Smiths aproxima Esther de John e um passeio de trólebus completa a aproximação.

No entanto, na noite do Dia das Bruxas, a filha mais nova dos Smiths, Tootie, volta para casa aos prantos, suja e machucada, alegando ter sido empurrada por John Truett, a caminho de casa. Esther vai até a casa do moço, tirar satisfações, e o agride. Ao voltar para casa descobre que tudo não passou de uma grande brincadeira feita pela menina, que jogou um boneco, junto com a irmã Agnes, sobre os trilhos do tróleibus, causando uma grande confusão. O rapaz apenas a havia ajudado a "fugir da cena do crime". Esther vai pedir desculpas a John e os dois começam a namorar.

O pai chega com um presente para a mulher e boas notícias: fora transferido para Nova York e a família toda teria que se mudar para lá na época do Natal. A notícia, ao invés de alegrar a todos (como o pai previra), cai como uma bomba e deixa todos chocados.

Quando chega o Natal, os filhos mais velhos Lon, Esther e Rose discutem sobre o grande baile de Natal que acontecerá durante a noite e que será o último evento de que participarão, antes de ir para Nova York. Já quase na hora do baile, Esther fica sabendo que John não irá; o jogo de basquete acabou muito tarde e ele não chegou a tempo de pegar seu smoking no alfaiate.

Esther vai ao baile tendo por par seu avô mas, no meio da festa, John chega todo arrumado, para surpresa de Esther.

Ao voltar para casa, Esther sobe a escada e encontra Tootie sentada à janela do quarto que divide com a irmã Agnes. Ela está esperando pelo Papai Noel, olhando toda a família de bonecos de neve que ela e os irmãos haviam feito no jardim de casa. É quando Esther canta "Have Yourself a Merry Little Christmas" para ela. O climax da cena acontece quando Tootie, apavorada com a mudança completa que está para acontecer em sua vida, corre para o jardim e destrói os bonecos a pauladas. Ao ver isso, o pai decide que a família não mais vai se mudar de St. Louis e permanecerá ali, onde é feliz. O filme acaba com a família entrando na abertura da Exposição de 1904.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Judy Garland in Meet Me in St Louis trailer.jpg Margaret O'Brien in Meet Me in St Louis trailer.jpg Mary Astor in Meet Me in St Louis trailer.jpg
Lucille Bremer in Meet Me in St Louis trailer.jpg Tom Drake in Meet Me in St Louis trailer.jpg Marjorie Main in Meet Me in St Louis trailer.jpg
Ator/Atriz Personagem
Judy Garland Esther Smith
Margaret O'Brien 'Tootie' Smith
Mary Astor Mrs. Anna Smith
Lucille Bremer Rose Smith
Tom Drake John Truett
Marjorie Main Katie (a empregada)
Leon Ames Mr. Alonzo Smith
Harry Davenport Vovô
June Lockhart Lucille Ballard
Henry H. Daniels Jr. Alonzo 'Lon' Smith Jr.
Joan Carroll Agnes Smith
Hugh Marlowe Col. Darly
Robert Sully Warren Sheffield
Chill Wills Mr. Neely (o sorveteiro)

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Judy Garland em trailer do filme

Algumas das canções do filme são de por volta da época da Exposição de St. Louis. Outras foram escritas especialmente para o filme.

  • "Meet Me in St. Louis, Louis" Kerry Mills e Andrew B. Sterling, 1904
  • "The Boy Next Door", Hugh Martin e Ralph Blane, 1944, cantada por Judy Garland.
  • "Skip to my Lou", tradicional, com enxertos de "Yankee Doodle", 1944
  • "I was drunk last night, dear Mother", cantada por Margaret O'Brien.
  • "Under the Bamboo Tree", letra e música de Robert Cole e The Johnson Bros., 1902, cantada por Margaret O'Brien e Judy Garland
  • "Over the Banister leans a face, tenderly sweet and beguiling", Conrad Salinger e Roger Edens, 1944, cantada por Judy Garland.
  • "The Trolley Song", Hugh Martin e Ralph Blane, 1944, cantada por Judy Garland e coro.
  • "You and I", Nacio Herb Brown e Arthur Freed, cantada por Arthur Freed and D. Markas e dublada pelos atores.
  • "Home! Sweet Home!", (Instrumental), Henry Bishop, 1823/1852.
  • "Auld Lang Syne", (Instrumental)
  • "The First Noel", (Instrumental)
  • "Have Yourself a Merry Little Christmas", Hugh Martin e Ralph Blane, 1944, cantada por Judy Garland.

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1945 (EUA)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • Este filme ocupa a 10ª colocação na Lista dos 25 Maiores Musicais Americanos de todos os tempos, idealizada pelo American Film Institute (AFI) e divulgada em 2006.
  • Na sequência inicial do filme, quando a Mrs. Smith e a empregada, Katie, fazem catchup, toda a família é apresentada ao espectador ao som da canção Meet Me in St. Louis, que vai sendo cantarolada pelos seus integrantes em diferentes partes da casa.
  • O diretor Vincente Minnelli conheceu sua futura esposa, Judy Garland, no set de filmagens deste filme. Em uma edição em DVD do filme, a filha do casal, Liza Minnelli, comenta que em várias cenas do filme o pai parece emoldurar a figura da mãe, como para realçá-la.[2]
  • No filme, Garland canta as cancões The Trolley Song e Have Yourself a Merry Little Christmas, que se tornaram clássicos depois da estréia do filme. Inclusive, ambas as canções foram incluídas na Lista das 100 melhores canções do cinema estadunidense lançada pelo American Film Institute em 2004.
  • O produtor do filme, Arthur Freed, também escreveu uma das canções executadas no filme.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Meet Me in St. Louis