Milan Babić

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Milan Babić (sérvio cirílico: Милан Бабић; 26 de fevereiro de 1956 - 5 de março de 2006) foi o primeiro Presidente da República Sérvia da Krajina entre 1991 a 1995, uma região croata que na época das guerras iugoslavas era em grande parte povoada por uma sérvios-croatas que desejavam romper com a Croácia.

Ele foi indiciado por crimes de guerra pelo Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia em 2004; foi o primeiro indiciado a admitir a culpa e fazer uma barganha com o Ministério Público, depois que foi condenado a 13 anos de prisão. Ele foi encontrado morto em sua cela na prisão de Haia em 6 de março de 2006, tendo aparentemente cometido suicídio.[1]

Referências

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]