Navio-almirante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde março de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
O porta-aviões NAe São Paulo (A-12) é o atual navio-almirante da Marinha do Brasil.
HMS Victory, um navio utilizado como navio-almirante pela Marinha Real Britânica.

Navio-almirante, navio-chefe ou capitânia é o navio de esquadra tripulado por um comandante como outro navio de igual tamanho ou categoria de esquadra, porém o que o distingue dos demais é que a bordo se encontra o oficial general ou o comandante geral de operações navais e que lidera uma esquadra ou divisão de combate individual, pelas próprias forças de frota, uma vez que sempre se encontra acompanhado de outros navios de apoio logístico, avisos e de combate. Geralmente o Navio - almirante detém uma flâmula estreita e comprida de nome "Galhardete", que o distingue como comando - geral ou general - de - operações - navais. No caso do navio HMS Victory, da Marinha Real Britânica, além das salas de comando e da tripulação do navio, havia também lugares para abrigar reuniões de cúpula e do comando general de operações de Lord Nelson, o Victory, vencedor de Trafalgar; onde pode-se observar o galhardete da responsabilidade de Nelson na popa do navio.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.