Pontal do Paraná

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Pontal do Paraná
"Litoral do Paraná"
Bandeira desconhecida
Brasão de Pontal do Paraná
Bandeira desconhecida Brasão
Hino
Fundação 20 de dezembro de 1995 (18 anos)
Gentílico pontalense
Prefeito(a) Edgar Rossi (PHS)
(2013–2016)
Localização
Localização de Pontal do Paraná
Localização de Pontal do Paraná no Paraná
Pontal do Paraná está localizado em: Brasil
Pontal do Paraná
Localização de Pontal do Paraná no Brasil
25° 40' 26" S 48° 30' 39" O25° 40' 26" S 48° 30' 39" O
Unidade federativa  Paraná
Mesorregião Metropolitana de Curitiba IBGE/2008 [1]
Microrregião Paranaguá IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Paranaguá e Matinhos
Distância até a capital 100 km
Características geográficas
Área 200,551 km² [2]
População 20 919 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 104,31 hab./km²
Clima Subtropical Cfa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,788 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 184 913,080 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 10 561,63 IBGE/2008[5]
Página oficial

Pontal do Paraná é um município brasileiro do estado do Paraná. Sua população estimada em 2010 é de 20.839 habitantes. Foi desmembrada do município de Paranaguá em 20 de dezembro de 1995, fazendo parte hoje da Região Metropolitana de Paranaguá (RMP)

História[editar | editar código-fonte]

Origens[editar | editar código-fonte]

A história do município de Pontal do Paraná começou quando houveram os primeiros fluxos no século XVII. O objetivo dos primeiros fluxos era de colonizar o território do atual Estado do Paraná. Trata-se de um município geograficamente próximo a Paranaguá, tanto por terra como por mar. Isso permitiu que os fatos políticos e administrativos do município mais antigo do Paraná tivessem influência na vida pública da comunidade pontalense.

As praias de Pontal sempre receberam muitos visitantes vindos do interior do Paraná e da capital, Curitiba. Pontal do Paraná também é objeto de conhecimento por ser o lugar de onde vem os barcos que levam uma grande leva de turistas às ilhas próximas. Entre as ilhas, merece destaque a Ilha do Mel. Esta ilha costeira recebe muitos visitantes de todos os lugares.

Formação administrativa e etimologia[editar | editar código-fonte]

Há muito tempo a localidade era chamada de Pontal do Sul. A origem etimológica do nome Pontal é geográfica, porque a localização da cidade fica em uma ponta feita de terra e areia que vai em direção para as águas marítimas. Numa esquina. A expressão "do Paraná" é o nome da unidade federativa brasileira onde fica o município.

Sua história política começa a ser escrita por volta de 1983, através de tentativas de emancipação que, apesar de não conseguirem seu objetivo, despertaram na população o desejo de criação de um novo município. Pontal do Paraná foi transformado em município por força da Lei Estadual nº 11 252, de 20 de dezembro de 1995, na sede do ex-distrito de Pontal, conforme desejo da população que aprovou a emancipação em plebiscito. A legislação sobre a emancipação política é de autoria do então deputado estadual Algaci Túlio. De acordo com a legislação, Pontal do Paraná foi desmembrado de Paranaguá. O município foi oficialmente instalado em em 1º de janeiro de 1997.

História recente[editar | editar código-fonte]

Através da primeira eleição municipal, em 1997, foram eleitos o primeiro prefeito do município, Dr. Hélio Gaissler de Queiroz, e seu vice, José Antônio da Silva. Foram desenvolvidos diversos trabalhos, merecendo destaque ao trabalho do legislativo com a criação da Lei Orgânica do Município, em 19 de dezembro de 1997 que é a nova constituição que rege o novo Município. Em 1 de outubro de 2000, o então vice-prefeito, o senhor José Antônio da Silva, foi eleito prefeito de Pontal do Paraná, tomando posse ao seu mandato em 1 de janeiro de 2001. Já nas eleições de outubro de 2004, foi eleito prefeito, o senhor Rudisney Gimenes, tendo como vice o senhor Izair Marcelino da Veiga, popularmente conhecido como Lico tomando posse em 1 de janeiro de 2005. Reelegendo-se nas eleições de outubro de 2008. Em 2013 quem passa então a governar o município é o senhor Edgar Rossi, pelo PHS, em oposição ao Gimenes e seu candidato Marcos Casquinha.

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município de Pontal do Paraná enquadra-se na planície costeira de Praia de Leste, caracterizando-se por um relevo bastante suave e de baixa altitude, que recebe a designação genérica de restinga.

  • Pluviosidade - o período mais chuvoso é o verão, sendo o mês de fevereiro o que apresenta maior precipitação (350mm) e o período mais seco, o inverno a precipitação é de 100mm, sendo a precipitação média anual do Município de Pontal do Paraná está em torno de 2 000 mm.

Limites[editar | editar código-fonte]

O município faz divisas ao Sul com o município de Matinhos, a Oeste com a Cidade de Paranaguá, na qual faz parte da Nova Região Metropolitana e a leste e norte é banhado pelo Oceano Atlântico, sendo a norte pela baía de Paranaguá.

Pontos de destaque[editar | editar código-fonte]

O estado do Paraná possui 50 km de extensão em praias, das quais 23 km se encontram em Pontal do Paraná, tornando o município totalmente voltado às atividades praianas. Além disso, pode contar com quase 100% dessas praias com total qualidade de balneabilidade.

Economia[editar | editar código-fonte]

A economia está baseada nas atividades relacionadas ao turismo, que emprega a maioria da população fixa e atrai pessoas de todos os cantos do país, durante a temporada de verão, período que compreende os meses de dezembro a março.

A outra época, identificada como baixa temporada, a economia caracteriza-se pela pesca e eventos como: Festa da Tainha, Festa do Camarão, Camacho (festa do camarão e do chope) etc.

Embora a atividade industrial seja pequena, em Pontal do Sul há uma unidade offshore da companhia italiana Techint Engenharia e Construção S/A, que fabrica plataformas de exploração de petróleo e emprega entre centenas e alguns milhares de pessoas, conforme a demanda de trabalho existente[6] .

Educação[editar | editar código-fonte]

Pontal do Paraná abriga um câmpus avançado da Universidade Federal do Paraná dedicado àa ciências marinhas, o Centro de Estudos do Mar (CEM/UFPR), com instalações nos balneários de Pontal do Sul e Mirassol. Além das atividades de pesquisa, o CEM oferece cursos de graduação em Oceanografia, Aquicultura e Ciências Exatas, além de uma pós-graduação em Sistemas Costeiros e Oceânicos[7] .

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
  6. Plataforma para exploração do pré-sal será construída no Paraná, Gazeta do Povo, 11 de abril de 2013. Página visitada em 1 de janeiro de 2014.
  7. Centro de Estudos do Mar, página visitada em 1 de janeiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Paraná é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.