Sun Myung Moon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sun Myung Moon
Sun Myung Moon e esposa
Nome completo Sun Myung Moon
Nascimento 25 de fevereiro de 1920
Sangsa-ri, Coreia do Norte
Morte 3 de setembro de 2012 (92 anos)
Gapyeong,  Coreia do Sul
Nacionalidade Coreia do Sul Sul-coreana
Ocupação líder religioso, escritor, empresário
Principais trabalhos Princípio Divino (1966)

Sun Myung Moon (Sangsa-ri, 25 de fevereiro de 1920Gapyeong, 3 de setembro de 2012), o Reverendo Moon, foi um controverso[1] líder religioso sul-coreano, fundador e dirigente máximo da Igreja da Unificação (seita Unificação pela Paz Mundial), fundada em 1954 na Coreia do Sul. Os "moonies", como ficaram conhecidos os discípulos da Igreja da Unificação, foram destaque na imprensa internacional por causa dos casamentos em massa, nos quais milhares de pessoas que não se conheciam se casavam.[2] O Reverendo Moon investiu maciçamente em todo o mundo, controlando um bilionário conglomerado de empresas nas áreas de comunicações (News World Communications), automobilística (Pyeonghwa Motors), remédios, armas, turismo e publicidade (Tongil Group), entre outros.[3] [4] O Tongil Group é proprietário do Seongnam FC, o time de futebol coreano com mais títulos na K-League. O Reverendo Moon fundou diversos veículos de comunicação ao redor do mundo, entre eles o jornal The Washington Times, conhecido por defender um ponto de vista conservador.

No Brasil o Reverendo Moon comprou terras do Mato Grosso do Sul em um total que chega a 85 mil hectares (além de outros 200 mil hectares da mesma terra no lado paraguaio). Em 2002 a Assembleia Legislativa Sul-Matogrossense instaurou uma CPI para investigar o caso.[3]

Nos anos 1990 o Reverendo Moon deu início ao ambicioso projeto de transformar a cidade de Jardim (Mato Grosso do Sul) em uma colônia coreana, com milhares imigrantes coreanos e japoneses. A chegada em massa dos orientais à pequena cidade causou toda espécie de estranhamento.[5]

O Clube Esportivo Nova Esperança, conhecido por CENE, fundado na cidade de Jardim (Mato Grosso do Sul), é um time de futebol brasileiro pertencente à Igreja da Unificação, juntamente com o Clube Atlético Sorocaba. Os investimentos do Reverendo Moon no Brasil superam o montante de 35,5 milhões de dólares americanos.[6]

Há controvérsias a respeito do seu método de doutrinação,[3] [4] levando o governo britânico a proibir a entrada do Reverendo Moon no Reino Unido em 1995. Além disso, nos Estados Unidos, em 1982, o Reverendo Moon foi preso acusado de especulação no mercado de ações, suborno de parlamentares e sonegação fiscal.[4]

Sun Myung Moon nasceu Mun Yong-myeong na atual localidade norte-coreana de Sangsa-ri (上思里), P'yŏng'an Norte, quando a Coreia estava sob ocupação japonesa.

Morreu em 3 de setembro de 2012 devido à complicações de uma pneumonia.[7] [4] [8]

Referências

  1. Luis Maklouf Carvalho (1996). O jardim da seita Moon. Visitado em 2 de agosto de 2012.
  2. O fantástico império erguido pelo reverendo Moon. Revista Veja, 03 de setembro de 2012.
  3. a b c Morre aos 92 anos Sun Myung Moon, o reverendo Moon G1 (2/9/2012). Visitado em 1/4/2013.
  4. a b c d Reverendo Moon morre na Coreia do Sul aos 92 anos BBC (2/9/2012). Visitado em 1/4/2013.
  5. O fantástico império erguido pelo reverendo Moon. Revista Veja, 03 de setembro de 2012.
  6. PF vasculha casas do reverendo Moon em SP e MS. Revista Veja, 6 de maio de 2002.
  7. Morre na Coreia do Sul o reverndo Moong Paraná Online (2/9/2012). Visitado em 5/9/2012.
  8. Aos 92 anos, morre Reverendo Moon Band (2/9/2012). Visitado em 5/9/2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.