The List of Adrian Messenger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The List of Adrian Messenger
As cinco caras do assassino (PT)
A lista de Adrian Messenger (BR)
 Estados Unidos
1963 • pb • 98 min 
Direção John Huston
Roteiro Anthony Veiller
Elenco Kirk Douglas
George C. Scott
Dana Wynter
Género Suspense
Mistério
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

The List of Adrian Messenger (br.: A lista de Adrian Messenger / pt.: As cinco caras do assassino) é um filme estadunidense de 1963 do gênero "Suspense" dirigido por John Huston para a Universal International Pictures. Roteiro de Anthony Veiller baseado no livro homônimo de 1961 de Philip MacDonald, sobre o mistério de um cruel assassino que usa diferentes disfarces para cometer seus crimes.Música de Jerry Goldsmith.

Nos letreiros iniciais foram destacados os nomes de um grande números de atores proeminentes da época:Tony Curtis, Kirk Douglas, Burt Lancaster, Frank Sinatra e Robert Mitchum. Todos eles usam pesada maquiagem que os deixam irreconhecíveis ao longo do filme, mas apenas Douglas se revela como um dos personagens protagonistas (apesar de Jan Merlin o substituir em muitas cenas).[1] . Os outros aparecem em participações especiais e somente depois do final mostram as verdadeiras feições, retirando as maquiagens e os disfarces que usaram em cena.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • George C. Scott...Anthony Gethryn
  • Dana Wynter...Lady Jocelyn Bruttenholm
  • Clive Brook...Marquês de Gleneyre
  • Herbert Marshall...Sir Wilfred Lucas
  • Kirk Douglas...Vigário Atlee/George Brougham/Senhor Pythian/Arthur Henderson
  • John Merivale...Adrian Messenger
  • Marcel Dalio...Max Karoudjian
  • Gladys Cooper...Senhora Karoudjian
  • Bernard Archard...Inspetor Pike
  • Jacques Roux...Raoul Le Borg
  • Tony Huston (creditado como Walter Anthony Huston)...Derek Bruttenholm
  • Participações com disfarçes: Tony Curtis, Burt Lancaster, Robert Mitchum e Frank Sinatra

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um escritor conhecido e ex-militar chamado Adrian Messenger dá uma lista de dez nomes ao seu amigo aposentado da polícia secreta inglesa (MI5), Anthony Gethryn, e pede para que ele obtenha informações sobre as pessoas relacionadas, sem dizer a razão. Logo a seguir o avião de Messenger explode, mas afortunadamente um amigo francês de Gethryn, Raoul Le Borg, sobrevive e ouve as últimas palavras do escritor. Ele conta a Gethryn que deduz acertadamente tratarem-se de pistas sobre a identidade do assassino.

Gethryn e Borg vão atrás do único sobrevivente da lista, mas não conseguem descobrir nada. Até que a viúva de uma das vítimas conta sobre um traidor da Segunda Guerra Mundial, conhecido por todos os homens da lista pois estiveram juntos em um campo de prisioneiros alemão.

Gethryn consegue desvendar a última parte do enigma e percebe que o alvo do assassino está agora na família aristocrática da esposa de Messenger. E em meio às caçadas de raposas e aves, Gethryn se torna deliberadamente ele próprio um alvo, a fim de atrair o assassino para uma armadilha.

Produção[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]