Tiroteio e sequestro no centro comercial Westgate

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tiroteio no centro comercial Westgate
Fumaça saindo do shopping Westgate durante o ataque.
Local Nairobi,  Quênia
Coordenadas 1° 15' 25" S 36° 48' 12" E
Data 21 - 24 de setembro de 2013
Arma(s) Assassínio em massa
Mortes ~ 72[1]
Feridos + 175[2]
Responsável(is) Al-Shabaab

Em 21 de setembro de 2013, cerca de uma dezena de indivíduos armados atacaram o centro comercial Westgate, um shopping de luxo na capital do Quênia, Nairóbi. O ataque foi assumido pela milícia radical islâmica somali Al-Shabab, em represália pela presença de militares do Quênia na missão da ONU na Somália, onde o país trabalha ao lado de outras tropas de paz africanas para conter os militantes islâmicos. Atiradores terroristas provocaram mais de 70 mortes.[1] [3] [4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Tiroteio e sequestro no centro comercial Westgate

Referências

  1. a b Número de mortos em ataque a shopping no Quênia sobe a 72 G1. Página visitada em 27 de setembro de 2013.
  2. Kenyan military frees most hostages at mall Raidió Teilifís Éireann (24 de setembro de 2013). Página visitada em 24 de setembro de 2013.
  3. Ataque em shopping de Nairóbi matou 68, diz Cruz Vermelha Globo.com (22 de setembro de 2013). Página visitada em 22 de setembro de 2013.
  4. Chanceler confirma que há americanos em grupo que invadiu shopping no Quênia Globo.com. Página visitada em 24 de setembro de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre o Quênia é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.