Universidade de Istambul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde julho de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Universidade de Istambul
İstanbul Üniversitesi
Entrada principal da universidade, na Praça Beyazıt
Lema Liderando em educação superior por séculos
Fundação 1453
Tipo de instituição Estatal
Localização Istambul, Turquia
Docentes 4 000 (2006)
Presidente Prof. Dr. Mesut Parlak
Total de Estudantes 72 000 (2007)
Página oficial www.istanbul.edu.tr

41° 0' 47" N 28° 57' 50" E

Ruínas bizantinas no campus da universidade

A Universidade de Istambul (em turco: İstanbul Üniversitesi) foi fundada como uma instituição de educação superior chamada Darülfünun (Casa das múltiplas ciências) em 23 de julho de 1846; mas o Madraçal (Escola teológica) que foi fundado imediatamente depois da conquista de Constantinopla por Maomé II, o Conquistador em 1453 é considerada como a precursora de Darülfünun que evoluiria para se tornar a atual universidade.

Historia[editar | editar código-fonte]

O historiador alemão Richard Honig considera que a historia da Madraza que logo evoluiria em Darülfünun e logo na atual Universidade de Istambul começou em 1 de Março de 1321, durante o reinado de Osman I, em Bithynia

Os primeiros cursos de Física aplicada moderna foram iniciados em Darülfünun em 31 de dezembro de 1862, o que marcou o começo de uma nova época, e em 20 de fevereiro de 1870, a escola foi renomeada como Darülfünun-u Osmani (Casa Otomana das Múltiplas Ciências) e reorganizada para conhecer as necessidades da ciência e a tecnologia moderna. Em 1874, algumas classes de Literatura, Direito e Ciências aplicadas começaram a ordenar nos novos edifícios de Galatasaray Lisesi, donde continuaria regularmente hasta 1881. Em 1 de setembro de 1900, a escola foi renomeada e reorganizada como Darülfünun-u Şahane (Casa Imperial das Múltiplas Ciências) com os cursos de Matemáticas,Literatura e Teologia.

Em 20 de abril de 1912, a escola foi renomeada como Istambul Darülfünunu (Casa das Múltiplas Ciências de Istambul), a vez que o número de cursos se aumentava e as carreiras se modernizaram com o estabelecimento das escolas de medicina, direito, ciências aplicadas (física, química, matemáticas), literatura e teologia.

Doze anos mais tarde, em 21 de abril de 1924, a República da Turquia reconheceu a Istambul Darülfünunu como uma escola estatal, e em 7 de outubro do ano seguinte, foi reconhecida a autonomia administrativa da instituição, enquanto que as escolas (antes parte do velho sistema de Madraçal) se convirteram em modernas "faculdades".

Em 1 de agosto de 1933, Istambul Darülfünunu foi reorganizada como Istambul Üniversitesi (Universidade de Istambul) seguindo a reforma educacional de Atatürk. As classes começaram oficialmente em 1 de novembro de 1933, "a primeira universidade moderna" da República da Turquia.

Atualidade[editar | editar código-fonte]

A universidade atualmente conta com dezessete faculdades em cinco campus, o principal se encontra na Praça de Beyazıt, em Istambul, que foi conhecido como o Fórum Tauri durante o período romano. Possui uma equipe de 2 000 professores, 4 000 assistentes e uma equipe juvenil. Mais de 60 000 estudantes em graduação e de 8 000 em pós-graduação seguem os cursos ministrados pela Universidade todos os anos.

Faculdades[editar | editar código-fonte]

Interior da universidade.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Universidade de Istambul
Ícone de esboço Este artigo sobre a Turquia é um esboço relacionado ao Projeto Europa e ao Projeto Ásia. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre instituição de ensino superior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.