Canelinha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Canelinha
Bandeira de Canelinha
Brasão de Canelinha
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 23 de dezembro
Fundação 23 de dezembro de 1962 (56 anos)
Gentílico canelinhense
Prefeito(a) Moacir Montibeler (PMDB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Canelinha
Localização de Canelinha em Santa Catarina
Canelinha está localizado em: Brasil
Canelinha
Localização de Canelinha no Brasil
27° 15' 54" S 48° 46' 04" O27° 15' 54" S 48° 46' 04" O
Unidade federativa Santa Catarina
Mesorregião Grande Florianópolis IBGE/2008 [1]
Microrregião Tijucas IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Biguaçu, Brusque, Camboriú, Nova Trento, São João Batista e Tijucas
Distância até a capital 60 km
Características geográficas
Área 151,409 km² [2]
População 11 781 hab. estimativa IBGE/2016[3]
Densidade 77,81 hab./km²
Altitude 17 m
Clima Mesotérmico úmido, com verão quente e temperatura média de 20°C
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,795 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 85 709,516 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 8 513,06 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura http://www.canelinha.sc.gov.br

Canelinha é um município brasileiro do Estado de Santa Catarina. Localiza-se a uma latitude 27º15'54" sul e a uma longitude 48º46'04" oeste, estando a uma altitude de 17 metros. Sua população e estimada em 11.781[3] habitantes, conforme estimativa do IBGE no ano de 2016. Possui área territorial de 151,409 km².

É conhecida como Cidade das Cerâmicas devido ao grande número de olarias, indústrias que movimentam boa parte da economia do município.

Canelinha também é conhecida por possuir, na localidade do Areão, a maior pista de motocross da América Latina[carece de fontes?]. Em 2009, Canelinha foi sede de uma das etapas do mundial de motocross.

Na localidade de Galera há um pico, o Morro da Pipa, ideal para prática de voo livre. Para quem gosta de tradições gaúchas, em Canelinha fica também a Fazenda Silva Neto, localizada no bairro do Moura, que anualmente, em setembro, apresenta rodeios nacionais muito movimentados. A principal festa da cidade, entretanto, é a Festa de Sant'Ana que anualmente, em julho, homenageia a padroeira do município.

História[editar | editar código-fonte]

Com a distribuição de sesmarias por todo o vale do Rio Tijucas, no final do século XVIII e início do século XIX, a preocupação do governo em desbravar e colonizar as terras até então inabitadas, gerou grande fluxo de aventureiros na região, subindo e descendo o rio Tijucas. Os portugueses (sobretudo, açorianos) foram os primeiros a habitar a região. Somente em 1875 chegam alguns italianos que se estabelecem, sobretudo, na localidade do Moura.

Criação[editar | editar código-fonte]

O povoado de Canelinha pertencia ao município de Tijucas. Passou a condição de distrito de Tijucas em 26 de janeiro de 1934. Em 23/12/1962, pela lei n° 855, torna-se município. Seu primeiro prefeito foi o Sr. Bertoldo Manoel Cirilo.

Política[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. a b Santa Catarina » Canelinha Estimativa populacional 2016 IBGE - 07 de outubro de 2016
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.