Caverna da Mandaçaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Caverna da Mandaçaia
Localização Telêmaco Borba, Paraná

A Caverna da Mandaçaia (ou Primeira Caverna) é um acidente geográfico no município de Telêmaco Borba, no estado brasileiro do Paraná.[1] Trata- se de um solapamento em rochas sedimentares, sobretudo siltitos, mas ainda podemos encontrar arenitos e argilitos intercalados, sobretudo permo-carbonífero. O processo erosivo de formação é fluvial. [2]

Assim popularmente denominada por não ter um nome oficializado, localizando-se próximo a Lagoa da Mandaçaia. O acesso se dá pela mesma estrada que dá acesso a lagoa da Mandaçaia, partindo da PR-160, pegando a estrada de terra cascalhada da Mandaçaia, até a altura aproximada do 4,5 Km, quando se acessa a esquerda, a estrada de servidão das Indústrias Klabin, após se segue por uma trilha entre a mata ciliar, sendo que o local fica impossibilitado de ser acessado por veículos.[1]

Esta caverna de formação rochosa apresenta dois salões um a direita com cerca de 40 m² (8x5) com altura média da entrada de 3,00 metros e 1,5 aos fundos. A entrada deste salão possui uma cachoeira de cerca de 5 metros de altura. O outro salão a direita tem cerca de 180 m² (40x6) com altura média de 6 metros na entrada e termina com mais ou menos um metro de altura.[1]

A caverna encontra-se na bacia hidrográfica do Arroio Uvaranal (curso de água afluente do rio Tibagi) e ao lado da caverna há uma queda d'água.[2]

Esta Primeira Caverna, juntamente com a Segunda Caverna de dimensão menor, formam um conjunto de formação geológica de acidente geográfico dentro da localidade conhecida como Mandaçaia, no município de Telêmaco Borba.

Referências

  1. a b c «PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO DE TELÊMACO BORBA - Perfil Socioeconômico» (PDF). Prefeitura Municipal de Telêmaco Borba. Novembro de 2005. Consultado em 1º de maio de 2015 
  2. a b Gustavo Conceição Bahr (2011). «Identificação da Fragilidade Ambiental da Bacia Hidrográfica do Arroio Uvaranal, como subsídio à expansão urbana de Telêmaco Borba - PR». Universidade Estadual de Ponta Grossa. Consultado em 1º de maio de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre cavernas brasileiras é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.