Cobilândia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cobilândia
  Bairro do Brasil  
Unidade federativa Espírito Santo
Região administrativa Região Administrativa 4 - Grande Cobilândia
Distrito Ibes
Município Vila Velha
População (2010)
 - Total 8,003 habitantes
    • Densidade 6.475,53 hab./km²
Domicílios 2.892 domicílios
Limites Alvorada a nordeste, Jardim Marilândia a leste, Rio Marinho ao sul, Cariacica a oeste, Nova América a noroeste e Cobi ao norte
Fonte: Censo IBGE/2010

Cobilândia é um bairro do município brasileiro de Vila Velha, no estado do Espírito Santo.[1] [2]

Antigamente chamava-se Sapa. Foi fundado em 16 de setembro de 1951, sendo um dos primeiros moradores o Sr. Alcino José de Souza, que veio para a região em 4 de março de 1953. A região era também conhecida como Ilha das Pedras.

O nome Cobilândia, segundo alguns moradores, deu-se pelo fato de existir, na época, uma espécie de vegetação nativa chamada Cobi, própria de solos úmidos, existente com abundância desta região. O bairro resultou do desmembramento da Fazenda Rio Marinho passando-se aos herdeiros, Coronel Antonio Gonçalves Laranja, antigo dono da Fazenda.

Em função do intenso movimento migratório no Estado do Espírito Santo iniciado em 1962, decorrente da política de erradicação do café, que culminou com a saída de milhares de pessoas do meio rural, cobilândia passou a receber parte destas familias, que povoaram de maneira muito rápida o Bairro.

Em 1965 Cobilândia passou a contar com duas escolas públicas: O Grupo Escolar Pedro Herkenhoff, que atendia alunos da 1ª a 5ª séries do antigo primário, e o Ginásio Municipal de Cobilândia, que atendia alunos da 1ª a 3ª séries do antigo ginásio.

Existem diferentes variedades de comércios, como supermercados, farmácias, caixas eletrônicos 24 horas, casa lotérica, restaurantes, lanchonetes, academia, distribuidora de bebidas e doces, material de construção, lojas de roupas, óticas, armarinhos, padarias, pizzaria, posto de combustível e outros, além de ser a sede da 3º Companhia de Polícia Militar. Com comércio bem movimentado, os moradores conseguem realizar as compras de suas necessidades sem sair de perto de suas casas.

Religiosidade[editar | editar código-fonte]

É um bairro que predomina o Cristianismo, existindo uma Igreja Católica e várias Evangélicas. Boa parte dos seus moradores são frequentadores assíduos de suas igrejas.

Localização[editar | editar código-fonte]

Está a 15 minutos de carro de Vitória, 50 minutos de Guarapari, 10 minutos de Cariacica, 20 minutos da Praia da Costa, 20 minutos de Ponta da Fruta, 15 minutos da BR-101, 15 minutos da BR-262 e 10 minutos da Rodovia do Sol.

Problemas[editar | editar código-fonte]

O maior problema é o escoamento das águas da chuva, que nos meses de novembro, dezembro e janeiro deixam os moradores impossibilitados de sair de suas residências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Daniele Bolonha (9 de março de 2011). «Multidão lota praça de Cobilândia no Carnaval de toda a paz». Prefeitura de Vila Velha. Consultado em 27 de agosto de 2011 [ligação inativa]
  2. Bairro[ligação inativa]


Ícone de esboço Este artigo sobre bairros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.