Dassault Falcon 50

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa



Dassault Falcon 50
New Zealand PW-51.svg
Dassault Falcon 50 da marinha francesa
Descrição
Tipo Aeronave executiva
Fabricante Dassault
País de Origem  França
Primeiro voo 7 de novembro de 1976 (38 anos)
Produção 1976-2008
Quantidade produzida 352
Tripulação/Equipa 2
Capacidade de
passageiros
8-9 passageiros
Dimensões
Comprimento 18,52 metros
Envergadura 18,86 metros
Altura 6,98 metros
Área (asas) 46,83 m²
Pesos
Peso vazio (Tara) 9163 kg
Peso máx. decolagem 17600 kg
Propulsão
Motorização 3 × turbofans Garrett TFE731-3-1C
Força de empuxo 16,5 kN
Performance
Velocidade máxima 915 km/h
Velocidade de
cruzeiro
0.82 Ma
Altitude máxima 14935 metros
Alcance (MTOW) 6480 km
Notas
Fonte: Jane's All the World's Aircraft 1988–89[nota 1]


O Dassault Falcon 50 é um avião a jacto concebido e produzido pela Dassault. É um avião a jacto de pequenas dimensões, para um máximo de 12 passageiros, geralmente utilizado por homens de negócios ou chefes de estado.

Especificações[editar | editar código-fonte]

Características Gerais[editar | editar código-fonte]

  • 3 turbinas GARRETT TFE 731-3-1, mas o avião consegue voar com apenas 2 turbinas, o terceiro motor é a garantia de segurança.
  • Comprimento: 18,52 m
  • Envergadura: 18,86 m
  • Altura: 6,97 m

Performance[editar | editar código-fonte]

  • Velocidade Máxima: mac 0.86(915 km/h)
  • Velocidade de cruzeiro: mac 0.82(888 km/h)
  • Peso: 16.120 kg
  • Tripulação: 2 tripulantes
  • Passageiros:8 a 9 passageiros
  • Alcance: 6480 km
  • Teto de alcance: 14.935 metros

Emprego na Força Aérea Portuguesa[editar | editar código-fonte]

Foram adquiridos três aviões que entraram ao serviço da Força Aérea Portuguesa, os dois primeiros em 1989 e o último em 1991.

Estão colocados na Esquadra 504, da Base Aérea nº 6 destinados ao transporte de personalidades.

Para facilidade dessas mesmas entidades, seus principais utentes, a Esquadra está sediada no Aeródromo de Trânsito Nº1, situado em Figo Maduro, junto ao Aeroporto de Lisboa.

A Esquadra 504 adoptou a designação de os "Linces".

Notas

  1. Taylor 1988, pp.75—76.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Taylor, John W R. (editor). Jane's All The World's Aircraft 1988–89. Coulsdon, Surrey, UK:Jane's Information Group. ISBN 0-7106-0867-5.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.