Declinação na língua latina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada.
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2016). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O Latim tem seis casos (nominativo, vocativo, acusativo, genitivo, dativo e ablativo). Organizam-se em cinco declinações, que se distinguem pela terminação da forma de genitivo singular: 1ª: -ae, 2ª: -i, 3ª: -is, 4ª: -us e 5ª: -ei. Nem sempre a forma de nominativo correspondente é determinável a partir da forma de genitivo. Por exemplo, nominativo uerbum, genitivo uerbi ("palavra"); mas nominativo puer, genitivo pueri (menino). Assim, para se saber declinar um nome em todas as suas formas, é preciso saber a forma de nominativo e a de genitivo; tipicamente os dicionários fornecem ambas: verbum, verbi e puer, pueri.

Nominativo[editar | editar código-fonte]

-a no singular Ex: "Bona discipula sum" ("Boa discípula sou", ou, "[Eu] sou [uma] boa discípula")

-ae no plural Ex: "Ideo servae sedulae sunt" ("Por isso, escravas aplicadas são", ou, "Por isso, [as] escravas são aplicadas")

Acusativo[editar | editar código-fonte]

-am no singular Ex.: Staphyla Phaedram amat. "Estáfila ama Fedra"

-as no plural Ex.: Staphyla Phaedras amat. "Estáfila ama as Fedras".

Genitivo[editar | editar código-fonte]

Ex.: Amica Staphylae etiam serva est. "A amiga de Estáfila ainda é escrava"

Dativo[editar | editar código-fonte]

Ex.: Phaedra servae rosam dat. "Fedra dá a rosa à escrava"

Ablativo[editar | editar código-fonte]

Ex.: Cum amica ambulat. "Anda com a amiga"
  • Agente da Passiva
Ex.: Filius amatur a matre. "O filho é amado pela mãe"

Vocativo[editar | editar código-fonte]

Ex.: Domine, cur laudas discipulas? "Senhor, por que louvas as alunas?"