Dias de Luta, Dias de Glória - Charlie Brown Jr., o Musical

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Dias de Luta, Dias de Glória - Charlie Brown Jr., o Musical é um musical que narra a saga da banda Charlie Brown Jr. através da ótica do vocalista e líder Chorão, interpretado na montagem original pelo rapper DZ6.[1]

Escrito por Well Rianc e dirigido por Bruno Sorrentino e Luiz Sorrentino, o musical, que terá uma pista de skate no palco[2], vai mostrar momentos marcantes do grupo e casos polêmicos que envolveram os integrantes da banda. São 25 atores, 29 canções e dez coreografias, desenvolvidas pelo coreógrafo Guto Muniz e Matheus Ribeiro.[3] A estreia ocorreu no dia 29 de março de 2015.[4] A peça teve apresentações no Festival de Teatro de Curitiba[2] e na Virada Cultural.[5]

O musical trouxe uma sequência de fatos que vão desde a chegada de Chorão ao litoral, com 17 anos, em 1987, a formação da banda em 1992, o reconhecimento comercial, em 1999, até a trágica morte do vocalista, em 2013.


Elenco original[editar | editar código-fonte]

Set List[editar | editar código-fonte]

Controvérsia[editar | editar código-fonte]

O irmão de Chorão, Ricardo Abrão, criticou o musical antes da estreia: "Poxa, quer fazer uma peça relacionada ao meu irmão, então pega a família verdadeira, pega o conteúdo verdadeiro, não pega as mentiras… Tem que ter respeito". Os diretores do musical, Bruno e Luiz Sorrentino, publicaram uma carta aberta em resposta, em um trecho diz que "basta assisti-lo para ver como cada um é retratado." Por causa da série de vídeos gravados por Abrão de forma amadora e com um teor de "loucura e falta de sobriedade", os diretores registraram um boletim de ocorrência contra o mesmo. Porém, Ricardo diz nas gravações que não usa drogas e está "consciente", mesmo sem dormir há dias.[7]


Referências

Links Externos[editar | editar código-fonte]

  • g1.globo.com/ Ator que vive Chorão em musical chama atenção pela semelhança vocal