Diocese de São Miguel Paulista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diocese de São Miguel Paulista
Sancti Michaëlis Paulinensis
Catedral Diocesana de São Miguel Paulista
Localização
País  Brasil
Arquidiocese metropolitana Arquidiocese de São Paulo
Estatísticas
População 3.072.300, sendo 80,6% de católicos equivalente a 2.477.000
Área 196 km²
Paróquias 104 Paróquias e 2 Áreas Pastorais
Sacerdotes 142 Padres e 7 Diáconos Permanentes
Informação
Rito Romano
Criação 15 de março de 1989 (31 anos)
Catedral Catedral Diocesana de São Miguel Paulista
Padroeiro(a) São Miguel Arcanjo
Governo da diocese
Bispo Dom Manuel Parrado Carral
Bispo emérito Dom Fernando Legal, SDB
Jurisdição Diocese
(Região Sul 1)
Página oficial http://www.diocesesaomiguel.org.br
dados em catholic-hierarchy.org

A Diocese de São Miguel Paulista é uma divisão territorial da Igreja Católica no estado de São Paulo. Foi criada em 15 de março de 1989 pela bula Constant Metropolitanam Eclesiam, do então papa, João Paulo II[1]. Sua instauração aconteceu apenas no dia 28 de maio, quando tomou posse o seu primeiro bispo diocesano, Dom Fernando Legal SDB, pelas mãos do então cardeal arcebispo de São Paulo, Dom Paulo Evaristo Arns.

Territorialmente, trata-se da menor diocese do Brasil, com apenas 200 quilômetros quadrados de área. Todavia, a população abrangida ultrapassa dos três milhões de habitantes. Situa-se extremo leste do município de São Paulo, limitando-se a oeste e sul com a Arquidiocese de São Paulo, a norte com a Diocese de Guarulhos e a leste com a Diocese de Mogi das Cruzes[1].

Internamente, a diocese está eclesiasticamente dividida em três regiões episcopais: Itaquera-Guaianases, Penha e São Miguel, que por sua vez são divididas em catorze setores pastorais: Cidade A. E. Carvalho, Cidade Tiradentes, Itaquera, Guaianases, Artur Alvim, Cangaíba, Cidade Líder, Vila Esperança, Ermelino Matarazzo, Itaim Paulista, Jardim Helena, Jardim Silva Teles, Ponte Rasa e São Miguel[1].


Em 9 de janeiro de 2008, o Papa Bento XVI, aceitando a renúncia de Fernando Legal, nomeou o segundo bispo da diocese de São Miguel, Dom Manuel Parrado Carral, então bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, vigário episcopal da Região Sé. A posse aconteceu no dia 2 de março de 2008.

Divisão territorial[editar | editar código-fonte]

O território da diocese de São Miguel Paulista está contido inteiramente dentro dos limites do município de São Paulo. A diocese é dividida em três regiões episcopais: São Miguel, Itaquera-Guaianases e Penha. Possui 104 paróquias e duas áreas pastorais, com 142 padres entre seculares e religiosos e 07 diáconos permanentes.


Bispos[editar | editar código-fonte]

Nome Período Notas
Bispos
Dom Manuel Parrado Carral 2008- Atual
Dom Fernando Legal, SDB 1989-2008 Bispo Emérito


Referências

  1. a b c Diocese de São Miguel Paulista. «Histórico da Diocese de São Miguel Paulista». Consultado em 28 de agosto de 2016 


Bandeira do Vaticano Circunscrições eclesiásticas católicas do BrasilRegional Sul I (São Paulo) Bandeira de São Paulo

Província Eclesiástica de São Paulo
Campo Limpo | Eparquia de Nª. Srª do Líbano | Eparquia de Nª. Srª do Paraíso | Guarulhos | Mogi das Cruzes | Osasco | Santo Amaro | Santo André | Santos | São Miguel Paulista

Província Eclesiástica de Botucatu
Araçatuba | Assis | Bauru | Lins | Marília | Ourinhos | Presidente Prudente

Província Eclesiástica de Campinas
Amparo | Bragança Paulista | Limeira | Piracicaba | São Carlos

Província Eclesiástica de Ribeirão Preto
Barretos | Catanduva | Franca | Jaboticabal | Jales | São João da Boa Vista | São José do Rio Preto | Votuporanga

Província Eclesiástica de Aparecida
Caraguatatuba | Lorena | São José dos Campos | Taubaté

Província Eclesiástica de Sorocaba
Itapetininga | Itapeva | Jundiaí | Registro


Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.