Emtram

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Emtram
Emtram logo.jpg
Emtram.jpg
Marcopolo Paradiso G7 da empresa estacionado no Terminal Rodoviário de Jequié, Bahia.
Razão social Empresa de Transporte Macaubense Ltda.
Empresa de capital fechado
Slogan Viaje bem, viaje Emtram.
Indústria Transportes
Fundação 15 de julho de 1965 (52 anos)[1]
Sede Salvador, Brasil
Área(s) servida(s)
Proprietário(s) Grupo Emtram
Produtos
Website oficial www.emtram.com.br

A Empresa de Transporte Macaubense (Emtram) é uma empresa brasileira de ônibus rodoviários fundada no ano de 1965 no estado da Bahia. Apesar da empresa ter sido fundada na cidade de Macaúbas, no interior da Bahia, não existe nenhuma linha da Emtram que passe ou que tenha como destino essa cidade. Sua sede se encontra na capital, Salvador.[2][3]

Atualmente a empresa é uma das mais utilizadas pelos passageiros que fazem viagens rumo ao interior da Bahia[4] e atende em diversos terminais rodoviários do país nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Salvador; tendo como principais destinos as cidades baianas de Vitória da Conquista, Feira de Santana, Seabra, Barreiras, Irecê e Xique-Xique. A Emtram também atua no Sergipe e no Tocantins (fazendo apenas linhas intermunicipais).

História[editar | editar código-fonte]

Antigo Monobloco O355-5 da Emtram de 1975.

Fundada em 15 de julho de 1965, a Emtram iniciou suas atividades operando apenas dois ônibus com linhas que, inicialmente, ligavam o interior do estado da Bahia a capital paulista. Sua primeira linha, Xique-XiqueSão Paulo, criada no mesmo ano de fundação da empresa, é até hoje operada pela Emtram. Ao longo dos anos, a empresa cresceu junto com a necessidade, cada vez maior, de mão-de-obra no sudeste e nas grandes capitais, assim como a necessidade de um transporte regular entre os municípios da Bahia.[5]

Busscar Jum Buss 360 da Emtram com a pintura da década de 1980.

]

Ônibus da Emtram (já com a nova pintura) fazendo parada numa lanchonete da cidade de Paraíba do Sul, RJ

No ano de 1976, a Emtram passou a interligar também a cidade de Recife, em Pernambuco ao sudeste do país. Com isso, a empresa ganhou importantes mercados e passou a atuar nas principais capitais, principalmente em São Paulo (de onde sai e vai até hoje a maioria de suas linhas), Belo Horizonte e Salvador. Três anos depois, a empresa passou a atender também a cidade de Brasília, inicialmente com uma rota que ligava São Paulo a Bahia passando pela capital federal.[6]

Monobloco Mercedes-Benz saindo do Terminal Rodoviário do Tietê em São Paulo com a pintura da década de 1990.

Contudo, a Emtram entra na década de 1980 perdendo a rota RecifeBelo Horizonte para outras concorrentes, voltando a dar prioridade ao estado da Bahia e ao sudeste. Ainda sim, essa perda se mostra compensatória na década de 1990, quando a viação se firma como uma das mais utilizadas pelos passageiros para viagens no interior da Bahia. Ainda na década de 1990, a companhia adota uma nova identidade visual em seus veículos, adotando uma pintura que utilizava as cores cinza, azul claro (para o nome Emtram) e branco como cor predominante nos ônibus. Mesmo com a pintura nova, a empresa nessa época sofre com constante reclamações de seus passageiros por conta da qualidade de seus ônibus, muitos deles ainda fabricados nos anos 1980 que, hora ou outra, sofriam diversos problemas mecânicos, atrasando constantemente as viagens.

Em 2000, a viação, já consolidada embora um tanto precária, compra seu primeiro lote de novos veículos de duas classes, inicialmente operando na linha FormosaSão Paulo, sendo pioneira nessa categoria de serviço na região.

No ano de 2005, a empresa sofre uma grande reestruturação investindo pesado em administração, tecnologia, gestão, consultorias especializadas e mudanças no grupo gerencial da empresa. A empresa, depois de muitas reclamações, finalmente renova sua frota, passando a adotar sistemas informatizados como base para a manutenção de seus veículos, reduzindo os até então frequentes problemas mecânicos em seus ônibus e melhorando a qualidade das viagens.

No ano de 2014, a Emtram, como parte de sua reestruturação, troca mais uma vez a sua pintura, agora adotando com mais notabilidade a cor azul claro e abolindo a cor cinza na parte inferior nos ônibus.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Institucional - Emtram
  2. «Emtram comemora 50 anos e faz grande renovação de frota‏». Ônibus Paraibanos. 18 de julho de 2015 
  3. Fundo Municipal de Assistência Social de Seabra (4 de abril de 2017). Ano IX. «Aviso de homologação: pregão presencial SRP n. 10/2017» (PDF). Diário Oficial do Município de Seabra (982). Consultado em 4 de abril de 2018. 
  4. «Viação Emtram completa 50 anos de história e progresso - Regional AM 540». www.caraibasfm.com.br. Consultado em 4 de abril de 2018. 
  5. «Um passeio com a EMTRAM». Juntos a Bordo. Consultado em 4 de abril de 2018. 
  6. «Viação Emtram completa 50 anos de história». www.fortalbus.com. Consultado em 4 de abril de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]