Enzo Jannacci

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicionasse esta.
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:
Enzo Jannacci no filme La vita agra (1964).

Vincenzo Jannacci (Milão, 3 de junho de 1935 — Milão, 29 de março de 2013), mais conhecido pelo nome artístico de Enzo Jannacci, foi um cantor e compositor italiano, considerado entre os mais importantes do cenário musical italiano pós-guerra.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Enzo Jannacci nasceu em Milão, na região de Lombardia, em 3 de junho de 1935. O pai, que se chamava Giuseppe, era um oficial da Força Aérea Italiana e trabalhou no aeroporto Forlanini; ele participou da Resistência, e suas histórias inspiraram canções como El portava i scarp del tennis, Sei minuti all'alba e La sera che partì mio padre. A mãe, se chamava Maria Mussi.

Em 1967, ele se formou em medicina na Universidade de Milão.[2]

Participou de quatro edições do Festival de Sanremo:

  • 1989 - Se me lo dicevi prima
  • 1991 - La fotografia
  • 1994 - I soliti accordi
  • 1998 - Quando un musicista ride

Já doente há tempo, faleceu no dia 29 de março de 2013 na Clinica Columbus em Milão, quando tinha 77 anos de idade.

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1964 – La Milano di Enzo Jannacci (Jolly LPJ 5037)
  • 1965 – Enzo Jannacci in teatro (ao vivo, Jolly LPJ 5043)
  • 1966 – Sei minuti all'alba (Jolly LPJ 5071)
  • 1968 – Vengo anch'io. No, tu no (ARC ALPS 11007)
  • 1968 – Le canzoni di Enzo Jannacci (Dischi Ricordi MRP 9050
  • 1970 – La mia gente (ARC ALPS 11021)
  • 1972 – Giorgio Gaber e Enzo Jannacci (Family)
  • 1972 – Jannacci Enzo (RCA Italiana, PSL 10539)
  • 1975 – Quelli che... (Ultima Spiaggia, ZLUS 55180)
  • 1976 – O vivere o ridere (Ultima Spiaggia, ZLUS 55189)
  • 1977 – Secondo te...Che gusto c'è? (Ultima Spiaggia, ZPLS 34027)
  • 1979 – Fotoricordo (Ultima Spiaggia, ZPLS 34075)
  • 1980 – Ci vuole orecchio (Dischi Ricordi SMRL 6266)
  • 1980 – Nuove registrazioni (Dischi Ricordi-Orizzonte ORL 8430)
  • 1981 – E allora...Concerto (Dischi Ricordi SMRL 6282)
  • 1983 – Discogreve (Dischi Ricordi SMRL 6302)
  • 1983 – Ja-Ga Brothers (CGD)
  • 1985 – L'importante (DDD)
  • 1987 – Parlare con i limoni (DDD)
  • 1989 – Se me lo dicevi prima e altri successi (DDD)
  • 1989 – 30 anni senza andare fuori tempo (álbum ao vivo, DDD)
  • 1991 – Guarda la fotografia (DDD)
  • 1994 – I soliti accordi (DDD)
  • 1998 – Quando un musicista ride
  • 2001 – Come gli aeroplani
  • 2003 – L'uomo a metà
  • 2005 – Milano 3 June 2005
  • 2006 – The Best 2006
  • 2013 - L'artista

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • 1964 – La vita agra
  • 1967 – Quando dico che ti amo
  • 1970 – Le coppie
  • 1972 – L'udienza
  • 1982 – Il mondo nuovo
  • 1983 – Scherzo del destino in agguato dietro l'angolo come un brigante da strada
  • 1997 – Figurine
  • 2010 – La bellezza del somaro

Referências

  1. «E' morto Enzo Jannacci, il cuore e la musica di Milano. Addio al poeta in scarpe da tennis» (em italiano). La Repubblica. 29 de março de 2013 
  2. Jannacci, Paolo (2011). Aspettando al semaforo (em italiano). [S.l.]: Arnoldo Mondadori Editore. ISBN 88-520-2115-9 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Enzo Jannacci