Game Change

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Game Change
Virada no jogo (BR)
 Estados Unidos
2012 •  Cor •  118 min 
Direção Jay Roach
Produção Amy Sayres
Coprodução Danny Strong
Steven Shareshian
Produção executiva Tom Hanks
Gary Goetzman
Jay Roach
Roteiro Danny Strong
Género Drama
Música Theodore Shapiro
Direção de fotografia Jim Denault
Edição Lucia Zucchetti
Companhia(s) produtora(s) Everyman Pictures
Playtone
Distribuição HBO
Lançamento 10 de março de 2012
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

Game Change (br:Virada no jogo) é um telefilme norte-americano de 2012, dirigido por Jay Roach e exibido pelo canal HBO. É baseado em livro do mesmo nome dos jornalistas John Heilemann e Mark Halperin sobre a eleição presidencial nos Estados Unidos em 2008.

É focado na chapa do partido republicano formado por John McCain e Sarah Palin. Ambos criticaram o filme.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Steve Schmidt integra-se como principal estrategista na campanha do senador John McCain a presidência dos EUA. Após ganhar a indicação do partido republicano, McCain pensa em ter o senador democrata Joe Lieberman como vice na chapa, mas seus assessores concluem que será necessário uma mulher para obterem alguma chance contra o candidato democrata Barack Obama. Tendo como uma das exigências ser contrária ao aborto, selecionam Sarah Palin, então governadora do Estado do Alasca. Schmidt a aprova assim como McCain. Depois de um início promissor, suas falhas e limitações começam a surgir ao longo da campanha.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telefilme, integrado ao projeto sobre televisão, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.