Eleição presidencial nos Estados Unidos em 2008

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eleição presidencial dos Estados Unidos em 2008
 

2004 ← Flag of the United States.svg → 2012


4 de novembro de 2008
Barack Obama.jpg John McCain official photo portrait-cropped-2.JPG
Candidato Barack Obama John McCain
Partido Democrata Republicano
Companheiro de chapa Joe Biden Sarah Palin
Colégio eleitoral 365 173
Vencedor em 28 + DC + NE-02 22
Votos 69.498.516[1] 59.948.323[2]
Porcentagem 52,91% 45,73%
ElectoralCollege2008.svg
Resultados da eleição presidencial pelo colégio eleitoral.

Seal of the President of the United States.svg
Presidente dos Estados Unidos

A eleição presidencial nos Estados Unidos em 2008 foi a 44ª eleição presidencial quadrienal no país, realizada em 4 de novembro de 2008. O senador Barack Obama e seu candidato a vice, o senador Joe Biden, ambos do Partido Democrata, derrotaram os republicanos John McCain e sua candidata a vice Sarah Palin.

O presidente republicano em exercício George W. Bush não era elegível para prosseguir com um terceiro mandato devido aos limites estabelecidos pela 22ª Emenda. Como nem Bush nem o vice-presidente Dick Cheney procuraram a presidência, as eleições de 2008 foram as primeiras desde 1952, nas quais nenhum candidato presidencial do partido principal era o presidente em exercício ou o vice-presidente em exercício. McCain foi escolhido o candidato republicano em março de 2008, enquanto que a candidatura democrata foi marcada por uma disputa acirrada entre Obama e a senadora Hillary Clinton, sendo Obama escolhido apenas no início de junho. As campanhas focaram bastante na Guerra do Iraque e na impopularidade do então presidente George W. Bush, porém os candidatos também centraram-se em questões internas, que ganhavam um destaque cada vez maior a medida que iniciava-se a Grande Recessão, devido à crise financeira de 2008.

Obama venceu as eleições, com a maioria tanto dos votos populares quanto dos votos do Colégio Eleitoral, com 365 votos eleitorais contra 173 de McCain; recebeu a maior porcentagem de votos populares para um candidato democrata em quase meio século. A vitória de Obama nas primárias do partido democrata e sua vitória nas eleições foram inéditas para um afro-americano.

O processo eleitoral[editar | editar código-fonte]

O processo eleitoral consiste na escolha de membros para o Colégio Eleitoral dos Estados Unidos, e o candidato que tiver mais votos no Colégio Eleitoral (pelo menos 270 votos) é o escolhido como presidente dos Estados Unidos. Se nenhum candidato receber a maioria dos votos no Colégio Eleitoral, o presidente-eleito é escolhido numa votação da Câmara de Representantes dos Estados Unidos.

Tal como na eleição de 2004, o número de eleitores do Colégio Eleitoral em cada estado americano é parcialmente baseado no censo do ano 2000].

Nomeações[editar | editar código-fonte]

Partido Democrata[editar | editar código-fonte]

Candidato[editar | editar código-fonte]

US Democratic Party Logo.svg
Barack Obama Joe Biden
para Presidente para Vice-Presidente
Change We Can Believe In.svg
Obama portrait crop.jpg
Joe Biden official portrait crop.jpg
Senador dos Estados Unidos por Illinois
(2005–2008)
Senador dos Estados Unidos por Delaware
(1973–2009)
Campanha

Pré-candidatos do Partido Democrata[editar | editar código-fonte]

Entre os nomes que foram propostos para a candidatura à vice-presidência mas que acabaram por não ser escolhidos encontraram-se Hillary Clinton, Wesley Clark, Sam Nunn, Ted Strickland, John Edwards, Mike Easley, Ed Rendell, Bill Richardson, Chuck Hagel, Jim Webb e Kathleen Sebelius.[5]

Partido Republicano[editar | editar código-fonte]

A eleição de 2008 foi a primeira vez desde 1952 que nem o presidente em exercício nem o vice-presidente em exercício foram candidatos nas eleições gerais, mas também foi a primeira vez desde a eleição de 1928 que nenhum deles buscou a indicação de seu partido para presidente; como Bush tinha impedimento de buscar outra indicação, o aspecto único era a decisão do vice-presidente Cheney de não procurar a indicação republicana.[6] A eleição de 2008 também foi a terceira eleição presidencial desde [[1896, na qual nem o presidente em exercício, nem o vice-presidente em exercício, nem um membro atual ou ex-membro do gabinete do presidente em exercício ganharam a nomeação de qualquer partido principal, sendo as outras vezes 1920 e 1952.[7]

Candidato[editar | editar código-fonte]

Republican Disc.png
John McCain Sarah Palin
para Presidente para Vice-Presidente
McCain Palin logo.svg
McCain 2009 portrait crop.jpg
Palin In Carson City On 13 September 2008.jpg
Senador dos Estados Unidos pelo Arizona
(1987–2018)
9ª Governadora do Alasca
(2006–2009)

Pré-candidatos do Partido Republicano[editar | editar código-fonte]

Entre os nomes que foram propostos para a candidatura à vice-presidência mas que acabaram por não ser escolhidos encontraram-se Bobby Jindal, Condoleezza Rice, Tim Pawlenty, Mitt Romney, Mike Huckabee, Joe Lieberman, Carly Fiorina, Mark Sanford, Charlie Crist e Rob Portman.[5]

Outros partidos[editar | editar código-fonte]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Resultados finais da eleição para presidente dos Estados Unidos em 2008[11]
Candidato a
presidente
Estado de
origem
Candidato a
vice-presidente
Estado de
origem
Partido Voto popular Colégio
Eleitoral
Votos Porcentagem
Barack Obama Illinois Joe Biden Delaware Democrata 69 498 516 52,93% 365
John McCain Arizona Sarah Palin Alaska Republicano 59 948 323 45,65% 173
Ralph Nader Connecticut Matt Gonzalez California Independente 739 034 0,56% 0
Bob Barr Georgia Wayne Allyn Root Nevada Libertário 523 715 0,40% 0
Chuck Baldwin Florida Darrell Castle Tennessee Constituição 199 750 0,15% 0
Cynthia McKinney Georgia Rosa Clemente Carolina do Norte Verde 161 797 0,12% 0
Alan Keyes Nova York Wiley Drake Colorado Independente 47 941 0,04% 0
Outros 242 685 0,18%
Total 131 313 820 100% 538
Necessários para vencer 270

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [1] Página oficial da eleição do Governo dos Estados Unidos
  2. [2] Página oficial da eleição do Governo dos Estados Unidos
  3. Democrata John Edwards deve abandonar disputa por candidatura Folha Online
  4. [3]
  5. a b CNN: Who gets second billing on the presidency
  6. Harnden, Toby (13 de novembro de 2007). «The top US conservatives and liberals». London: Telegraph.co.uk. Consultado em 7 de setembro de 2008 
  7. Jones, Charles O. (Setembro de 2008). «Vice Presidents and Other Heirs Apparent: The Historical Experience of Experience». Presidential Studies Quarterly. 38 (3). pp. 422–432. JSTOR 41219688. doi:10.1111/j.1741-5705.2008.02653.x 
  8. Republicano Hunter desiste de disputar Casa Branca Terra
  9. O Partido Libertário pediu-lhe que aceitasse o seu apoio
  10. Romney abandona corrida presidencial Uol
  11. «United States House of Representatives floor summary for Jan 8, 2009». Clerk.house.gov. Consultado em 30 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 1 de janeiro de 2009 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Eleição presidencial nos Estados Unidos em 2008