Eleição presidencial nos Estados Unidos em 1944

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Eleição presidencial dos Estados Unidos em 1944
 

1940 ← Flag of the United States.svg → 1948


7 de novembro de 1944
1944 portrait of FDR (1)(small).jpg Thomas Dewey.jpg
Candidato Franklin D. Roosevelt Thomas E. Dewey
Partido Democrata Republicano
Candidato para Vice-presidente Harry S. Truman John W. Bricker
Colégio eleitoral 432 99
Vencedor em 36 estados 12 estados
Votos 25.612.916 22.017.929
Porcentagem 53,39% 45,89%
ElectoralCollege1944.svg
Resultados do Colégio Eleitoral por estados. Os valores em cada um indica a quantidade de votos, e a cor do estado indica a qual candidato os votos foram atribuídos.

Seal Of The President Of The United States Of America.svg
Presidente dos Estados Unidos

A eleição presidencial nos Estados Unidos em 1944 foi a quadragésima eleição presidencial do país. Ocorreu enquanto os Estados Unidos estava preocupado com os combates da Segunda Guerra Mundial. O presidente Franklin D. Roosevelt (FDR) estava no cargo mais do que qualquer outro presidente, mas manteve-se popular. Ao contrário de 1940, havia pouca dúvida de que Roosevelt iria concorrer para mais um mandato como o candidato democrata. Seu adversário republicano, em 1944, foi o governador de Nova Iorque Thomas E. Dewey. Dewey concorreu numa campanha enérgica, mas como seria de esperar, Roosevelt prevaleceu.

Esta foi a última eleição onde o candidato democrata venceu em todos os estados do sul.

Processo eleitoral[editar | editar código-fonte]

A partir de 1832, os candidatos para presidente e vice começaram a ser escolhidos através das Convenções. Os delegados partidários, escolhidos por cada estado para representá-los, escolhem quem será lançado candidato pelo partido. Os eleitores gerais elegem outros "eleitores" que formam o Colégio Eleitoral. A quantidade de "eleitores" por estado varia de acordo com a quantidade populacional do estado. Em quase todos os estados, o vencedor do voto popular leva todos os votos do Colégio Eleitoral.[1]

Convenções[editar | editar código-fonte]

Convenção Nacional do Partido Republicano de 1944[editar | editar código-fonte]

Em 1944, a nomeação republicana parecia ser de Wendell Willkie que havia sido candidato do partido em 1940, o senador Robert Taft que era o líder dos conservadores do partido, o governador de Nova Iorque Thomas E. Dewey, o general Douglas MacArthur que então estava servindo como um comandante dos Aliados, e o ex-governador de Minnesota Harold Stassen que então estava servindo como oficial naval dos EUA no Pacífico. No entanto, Taft surpreendeu a muitos ao anunciar que ele não era um candidato, em vez disso, ele expressou seu apoio para um companheiro conservador, o governador John W. Bricker de Ohio. Com Taft fora da corrida, alguns conservadores do Partido Republicano favoreceram o general MacArthur. No entanto, as chances de MacArthur foram limitados pelo fato de que ele estava conduzindo as forças aliadas contra o Japão, e, portanto, não poderia fazer campanha para a nomeação. Seus partidários inscreveram o seu nome nas primárias de Wisconsin. Na Convenção Nacional Republicana em Chicago, Dewey facilmente superou Bricker e foi indicado no primeiro escrutínio. Em uma tentativa de manter a unidade do partido, Dewey, um moderado, escolheu o Bricker conservador como seu companheiro de chapa; Bricker foi nomeado por aclamação.[2]

Convenção Nacional do Partido Democrata de 1944[editar | editar código-fonte]

A 29ª Convenção Nacional Democrata foi realizada entre 19 e 21 de julho em Chicago. Franklin D. Roosevelt (FDR) estava popular, presente em tempo de guerra e enfrentou pouca oposição. Embora um número crescente de conservadores do partido - especialmente no sul do país - estavam cada vez mais cético em relação às políticas econômicas e sociais de Roosevelt, alguns deles ousaram se opor publicamente Roosevelt, e ele foi renomeado facilmente.[3][4]

Embora os conservadores do partido não conseguiam parar de fazer FDR ganhar a nomeação, o declínio evidente na aparência física do presidente, bem como os rumores de problemas de saúde em segredo, levou muitos delegados e líderes partidários para se oporem fortemente a Henry A. Wallace. Wallace, que foi o segundo vice-presidente de Roosevelt, foi considerado pela maioria como sendo demasiado conservador de esquerda e pessoalmente excêntrico para ser o próximo na linha para a presidência. Muitos democratas estavam inquietos com as crenças espirituais de Nova Era de Wallace, e pelo fato de que ele havia escrito cartas codificadas para discutir sobre políticos proeminentes (como Roosevelt e Winston Churchill) ao seu controverso guru russo espiritual, Nicholas Roerich. Líderes partidários propuseram o senador de Missouri Harry S. Truman, um moderado que se tornou conhecido como o presidente de uma comissão do Senado que investigou a guerra, como novo companheiro de chapa de Roosevelt. Roosevelt, que, pessoalmente, gostava de Wallace e sabia pouco sobre Truman, relutantemente, concordou em aceitar Truman como seu novo companheiro para preservar a unidade do partido. Mesmo assim, muitos delegados liberais se recusaram a abandonar Wallace. A luta sobre a nomeação à vice-presidência provou ser histórico, como a saúde em declínio de FDR levou à sua morte em abril de 1945, e Truman, assim, tornou-se presidente da nação em vez de Wallace.[3][4]

Campanha[editar | editar código-fonte]

Os republicanos fizeram campanha contra o New Deal. No entanto, a contínua popularidade de Roosevelt foi o tema principal da campanha. Havia rumores de sua saúde precária, e Roosevelt insistiu em fazer um balanço da campanha vigorosa em outubro, e andava em carro aberto pelas ruas da cidade. Um ponto alto da campanha ocorreu quando Roosevelt, falando para uma reunião de líderes sindicais, fez um discurso realizado na rádio nacional em que ele ridicularizou as alegações dos republicanos de que seu governo era corrupto e perdulário com o dinheiro dos impostos. O discurso foi recebido com gargalhadas e aplausos dos líderes do trabalho. Em resposta, Thomas E. Dewey fez um discurso partidário em Oklahoma City, alguns dias depois na rádio nacional, no qual ele acusou Roosevelt de ser "indispensável" para corromper grandes organizações democratas e comunistas americanos, ele também se refere aos membros de FDR no gabinete como um "grupo heterogéneo". No entanto, sucessos no campo de batalha americanas na Europa e no Pacífico durante a campanha, como a libertação de Paris em agosto de 1944 e a Batalha de sucesso do Golfo de Leyte, nas Filipinas, em outubro de 1944, fez Roosevelt imbatível.

Na eleição de 7 de novembro de 1944, Roosevelt obteve uma vitória confortável sobre Dewey. Roosevelt levou 36 estados para 432 votos eleitorais, enquanto Dewey ganhou 12 estados e 99 votos no Colégio Eleitoral (266 eram necessários para ganhar). No voto popular Roosevelt ganhou 25 612 916 votos a 22 017 929 de Dewey. Dewey foi melhor contra o Roosevelt do que qualquer dos três adversários republicanos anteriores de FDR, e ele teve a satisfação pessoal de vencer na cidade natal de Franklin Delano Roosevelt em Hyde Park (Nova Iorque), e de ganhar cidade natal de Truman em Independence (Missouri). Dewey seria novamente o candidato presidencial republicano em 1948 e voltaria a perder, mas por uma margem muito menor.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Resultados por condados:
  Texas Regulars (nenhum candidato)

Ao longo da campanha, Roosevelt liderou contra Dewey em todas as pesquisas por margens variáveis. No dia da eleição, o candidato democrata obteve uma vitória bastante confortável sobre seu desafiante republicano. Roosevelt conquistou 36 estados com 432 votos dos colégios eleitorais (266 eram necessários para vencer), enquanto Dewey conquistou doze estados e 99 votos eleitorais. No voto popular, Roosevelt obteve 25 612 916 (53,4%) votos contra 22 017 929 de Dewey (45,9%).

A questão importante era qual líder,[5] Roosevelt ou Dewey, deveria ser escolhido para os dias críticos da construção da paz e reconstrução após a conclusão da guerra. A maioria dos eleitores americanos concluiu que eles deveriam manter o partido no governo e, em particular, o presidente que o representava. Eles também acharam inseguro mudar em "tempo de guerra", tendo em vista as crescentes divergências domésticas.

Dewey se saiu melhor contra Roosevelt do que qualquer um dos três adversários republicanos anteriores de Roosevelt: a porcentagem e a margem total de votos de Roosevelt foram menores que em 1940. Dewey também ganhou a satisfação pessoal de terminar à frente de Roosevelt em sua cidade natal, Hyde Park, Nova York, e à frente de Truman em sua cidade natal, Independence, Missouri.[6] Dewey se tornaria novamente o candidato presidencial republicano em 1948, desafiando o presidente Truman (que assumira o cargo na morte de Roosevelt) e voltaria a perder, embora por margens um pouco menores de voto popular e eleitoral.

Dos 3 095 municípios/cidades independentes que retornaram, Roosevelt obteve os votos mais populares em 1 751 (56,58%), enquanto Dewey levou (43,39%). Em Nova York, apenas o apoio combinado dos partidos trabalhista e liberal americano (prometido a Roosevelt, mas independente dos democratas de manter suas identidades) permitiu a Roosevelt ganhar os votos eleitorais de seu estado de origem.

Resultado geral da eleição presidencial dos Estados Unidos de 1944[7][8]
Candidato a
presidente
Estado de
origem
Candidato a
vice-presidente
Estado de
origem
Partido Voto popular Colégio
Eleitoral
Votos Porcentagem
Franklin D. Roosevelt Nova Iorque Harry S. Truman Missouri Democrata 25 612 916 53,39% 432
Thomas E. Dewey Nova Iorque John W. Bricker Ohio Republicano 22 017 929 45,89% 99
Nenhum candidato Nenhum candidato Texas Regulars 143 238 0,30% 0
Norman Thomas Nova Iorque Darlington Hoopes Pensilvânia Socialista 79 017 0,16% 0
Claude A. Watson Califórnia Andrew N. Johnson Kentucky Proibição 74 758 0,16% 0
Edward A. Teichert Pensilvânia Arla Arbaugh Ohio Trabalhista-Socialista 45 188 0,09% 0
Outros 11 816 0,02% 0
Total 47 977 063 100% 531
Necessários para vencer 266
Resultados por estado da eleição presidencial dos Estados Unidos de 1944

Franklin D. Roosevelt
Democrata
Thomas E. Dewey
Republicano
Outros Total por estado
Estado Votos do
Colégio Eleitoral
Votos populares % Votos do
Colégio Eleitoral
Votos populares % Votos do
Colégio Eleitoral
Votos populares % Votos do
Colégio Eleitoral
Votos populares Sigla
Alabama 11 198 918 81,3 11 44 540 18,2 - 1 285 0,5 - 244 743 AL
Arizona 4 80 926 58,8 4 56 287 40,9 - 421 0,3 - 137 634 AZ
Arkansas 9 148 965 70,0 9 63 551 29,8 - 438 0,2 - 212 954 AR
Califórnia 25 1 988 564 56,5 25 1 512 965 43,0 - 19 346 0,6 - 3 520 875 CA
Colorado 6 234 331 46,4 - 268 731 53,2 6 1 977 0,4 - 505 039 CO
Connecticut 8 435 146 52,3 8 390 527 46,9 - 6 317 0,8 - 831 990 CT
Delaware 3 68 166 54,4 3 56 747 45,2 - 448 0,4 - 125 361 DE
Flórida 8 339 377 70,3 8 143 215 29,7 - sem votos 482 592 FL
Geórgia 12 268 187 81,7 12 59 880 18,3 - 42 0,0 - 328 109 GA
Idaho 4 107 399 51,6 4 100 137 48,1 - 785 0,4 - 208 321 ID
Illinois 28 2 079 479 51,5 28 1 939 314 48,1 - 17 268 0,4 - 4 036 031 IL
Indiana 13 781 403 46,7 - 875 891 52,4 13 14 797 0,9 - 1 672 091 IN
Iowa 10 499 876 47,5 - 547 267 52,0 10 5 456 0,5 - 1 052 599 IA
Kansas 8 287 458 39,2 - 442 096 60,3 8 4 222 0,6 - 733 776 KS
Kentucky 11 472 589 54,5 11 392 448 45,2 - 2 884 0,3 - 867 921 KY
Louisiana 10 281 564 80,6 10 67 750 19,4 - 69 0,0 - 349 383 LA
Maine 5 140 631 47,5 - 155 434 52,4 5 335 0,1 - 296 400 ME
Maryland 8 315 490 51,9 8 292 949 48,2 - sem votos 608 439 MD
Massachusetts 16 1 035 296 52,8 16 921 350 47,0 - 4 019 0,2 - 1 960 665 MA
Michigan 19 1 106 899 50,2 19 1 084 423 49,2 - 13 901 0,6 - 2 205 223 MI
Minnesota 11 589 864 52,4 11 527 416 46,9 - 8 249 0,7 - 1 125 529 MN
Mississippi 9 168 479 93,6 9 11 601 6,4 - sem votos 180 080 MS
Missouri 15 807 804 51,4 15 761 524 48,4 - 3 146 0,2 - 1 572 474 MO
Montana 4 112 556 54,3 4 93 163 44,9 - 1 636 0,8 - 207 355 MT
Nebraska 6 233 246 41,4 - 329 880 58,9 6 sem votos 563 126 NE
Nevada 3 29 623 54,6 3 24 611 45,4 - sem votos 54 234 NV
Nova Hampshire 4 119 663 52,1 4 109 916 47,9 - 46 0,0 - 229 625 NH
Nova Jersey 16 987 874 50,3 16 961 335 49,0 - 14 552 0,7 - 1 963 761 NJ
Novo México 4 81 389 53,4 4 70 688 46,4 - 148 0,1 - 152 225 NM
Nova Iorque 47 3 304 238 52,3 47 2 987 647 47,3 - 24 905 0,4 - 6 316 790 NY
Carolina do Norte 14 527 399 66,7 14 263 155 33,3 - sem votos 790 554 NC
Dakota do Norte 4 100 144 45,5 - 118 535 53,8 4 1 492 0,7 - 220 171 ND
Ohio 25 1 570 763 49,8 - 1 582 293 50,2 25 sem votos 3 153 056 OH
Oklahoma 10 401 549 55,6 10 319 424 44,2 - 1 663 0,2 - 722 636 OK
Oregon 6 248 635 51,8 6 225 365 46,9 - 6 147 1,3 - 480 147 OR
Pensilvânia 35 1 940 479 51,1 35 1 835 054 48,4 - 19 260 0,5 - 3 794 793 PA
Rhode Island 4 175 356 58,6 4 123 487 41,3 - 433 0,1 - 299 276 RI
Carolina do Sul 8 90 601 87,6 8 4 610 4,5 - 8 164 7,9 - 103 375 SC
Dakota do Sul 4 96 711 41,7 - 135 365 58,3 4 sem votos 232 076 SD
Tennessee 12 308 707 60,5 12 200 311 39,2 - 1 674 0,3 - 510 692 TN
Texas 23 821 605 71,4 23 191 425 16,6 - 137 301 11,9 - 1 150 331 TX
Utah 4 150 088 60,9 4 97 891 39,4 - 340 0,1 - 248 319 UT
Vermont 3 53 820 42,9 - 71 527 57,1 3 14 0,0 - 125 361 VT
Virgínia 11 242 276 62,4 11 145 243 37,4 - 966 0,3 - 388 485 VA
Washington 8 486 774 56,8 8 361 689 42,2 - 7 865 0,9 - 856 328 WA
Virgínia Ocidental 8 392 777 54,9 8 322 819 45,1 - sem votos 715 596 WV
Wisconsin 12 650 413 48,6 - 674 532 50,4 12 14 207 1,1 - 1 339 152 WI
Wyoming 3 49 419 48,8 - 51 921 51,2 3 sem votos 101 340 WY
TOTAL: 531 25 612 916 53,4 432 22 017 929 45,9 99 346 218 0,7 - 47 977 063
PARA VENCER: 266

Referências

  1. Eliene Percília. «Como é eleito o presidente nos Estados Unidos». Brasil Escola. Consultado em 19 de julho de 2011 
  2. Our Campaigns - US President - R Convention Race - Jun 26, 1944. Acessado em 08/09/2011.
  3. a b Our Campaigns - US President - D Convention Race - Jul 19, 1944. Acessado em 08/09/2011.
  4. a b Richard C. Bain & Judith H. Parris, Convention Decisions and Voting Records (Washington DC: The Brookings Institution, 1973), pp. 266–267.
  5. Jordan; FDR, Dewey and the Election of 1944; pp. 111, 214
  6. https://millercenter.org/president/fdroosevelt/campaigns-and-elections
  7. Leip, David. 1944 Presidential General Election Results. Acessado em 07/09/2011.
  8. U. S. Electoral College.(1789-1996) Acessado em 07/09/2011.