Eleição presidencial nos Estados Unidos em 1796

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eleição presidencial nos Estados Unidos em 1796
 

1792 ← Flag of the United States.svg → 1800


4 de novembro - 7 de dezembro de 1796
US Navy 031029-N-6236G-001 A painting of President John Adams (1735-1826), 2nd president of the United States, by Asher B. Durand (1767-1845)-crop.jpg Thomas Jefferson by Rembrandt Peale, 1800.jpg
Candidato John Adams Thomas Jefferson
(eleito vice-presidente)
Partido Federalista Democrata-Republicano
Domicílio eleitoral Massachusetts Virgínia
Companheiro de chapa Thomas Pinckney Aaron Burr
Colégio eleitoral 71 68
Vencedor em 9 estados 7 estados
Votos 35.726 31.115
Porcentagem 53,4% 46,6%
ElectoralCollege1796.svg
Mapa dos resultados por estados.

Seal of the President of the United States.svg
Presidente dos Estados Unidos

A eleição presidencial dos Estados Unidos em 1796 foi a terceira eleição quadrienal presidencial no país. Foi realizada entre 4 de novembro a 7 de dezembro de 1796. Esta foi a primeira eleição presidencial norte-americana a ser contestada em que o presidente e o vice-presidente eleitos pertenciam a partidos opostos.

O presidente George Washington recusou-se a disputar um terceiro mandato, e o então vice-presidente John Adams de Massachusetts candidatou-se à presidência pelo Partido Federalista, dando apoio ao governador da Carolina do Sul, Thomas Pinckney, para a vice-presidência. Os seus oponentes, integrantes do Partido Democrata-Republicano, foram o ex-secretário de Estado Thomas Jefferson, da Virgínia, que apoiou o senador Aaron Burr de Nova Iorque para vice-presidente.

Na época, cada candidato concorria individualmente, sem pertencerem a uma mesma chapa. Ou seja, mesmo que Adams se tornasse presidente, se Thomas Jefferson ganhasse grande quantidade de votos, Jefferson se elegeria vice-presidente e não Pinckney. Ao contrário do ocorrido nas anteriores eleições, onde o resultado era previsível, nestas eleições tanto Democratas-Republicanos como Federalistas fizeram fortes campanhas para os seus candidatos. No final, Adams elegeu-se presidente enquanto Jefferson tornou-se o vice-presidente.

Jefferson foi atacado por não ser religioso e por sua proximidade com a Revolução Francesa. Adams foi acusado pela proximidade com a monarquia e aristocracia.[1]

Candidatos[editar | editar código-fonte]

Foto dos candidatos federalistas[editar | editar código-fonte]

Foto dos candidatos democratas-republicanos[editar | editar código-fonte]

Processo eleitoral[editar | editar código-fonte]

Os eleitores comuns elegem os grandes eleitores que formam o Colégio Eleitoral. A quantidade de grandes eleitores por estado varia de acordo com o tamanho da delegação daquele estado no Congresso. Em quase todos os estados, o vencedor do voto popular leva todos os votos do Colégio Eleitoral.[2]

Os dezesseis estados da União participaram na nomeação de seus "eleitores" no Colégio Eleitoral. Oito deles escolheram uma comissão para a legislatura do estado, e os outros tiveram em conta o voto direto dos cidadãos.

Só seis estados, no entanto, fizeram designar os seus "eleitores" unicamente por voto direto dos cidadãos. Cento e trinta e oito (138) grandes eleitores puderam assim participar no voto decisivo.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Resultado geral da eleição presidencial dos Estados Unidos em 1796[3][4]
Candidato a presidente Estado de origem Partido Voto popular(a), (b), (c) Colégio
Eleitoral
Votos Porcentagem
John Adams Massachusetts Federalista 35.726 53,4% 71
Thomas Jefferson Virgínia Democrata-Republicano 31.115 46,6% 68
Thomas Pinckney Carolina do Sul Federalista 59
Aaron Burr Nova Iorque Democrata-Republicano 30
Samuel Adams Massachusetts Democrata-Republicano 15
Oliver Ellsworth Connecticut Federalista 11
George Clinton Nova Iorque Democrata-Republicano 7
John Jay Nova Iorque Federalista 5
James Iredell Carolina do Norte Federalista 3
George Washington Virginia sem partido 2
John Henry Maryland Federalista 2
Samuel Johnston Carolina do Norte Federalista 2
Charles Cotesworth Pinckney Carolina do Sul Federalista 1
Total 66.841 100% 276
Necessários para vencer 70

(a)Votos de eleitores Federalistas foram atribuídos a John Adams e votos de eleitores Democrata-Republicano foram atribuídos a Thomas Jefferson.
(b)Apenas 9 dos 16 estados escolheram eleitores por qualquer forma de voto popular.
(c)Os estados que escolheram eleitores pelo voto popular tinham muitas diferentes restrições ao sufrágio por meio de exigências de propriedade.

Seleção dos "eleitores" do Colégio Eleitoral[editar | editar código-fonte]

Métodos da escolha dos "eleitores" Estado (s)
Cada eleitor é nomeado pelo legislativo estadual Connecticut, Delaware, Nova Jersey, Nova Iorque, Rhode Island, Carolina do Sul, Vermont.
O estado é dividido em distritos eleitorais, os eleitores de cada distrito escolhem um "eleitor". Kentucky, Maryland, Carolina do Norte, Virgínia.
Cada "eleitor" é escolhido pelos eleitores em todo o estado. Geórgia, Pensilvânia.
Dois "eleitores" são nomeados pelo legislativo estadual;
Os outros "eleitores" são escolhidos pelo legislativo estadual sendo da lista dos dois principais candidatos mais votados em cada distrito do Congresso.
Massachusetts.
Cada "eleitor" é escolhido pelos eleitores em todo o estado, no entanto, se nenhum candidato conseguir maioria, o legislativo estadual nomeia o "eleitor" dos dois candidatos mais votados. Nova Hampshire.
O estado é dividido em distritos eleitorais, com um "eleitor" sendo escolhidos por distrito;
Cada município escolhe uma representante eleitoral pelo voto popular; O "eleitor" é escolhido por delegados eleitorais dos municípios dentro de seu distrito.
Tennessee.

Referências

  1. in«United States Presidential Elections - 1976» (em inglês). History Central.com. Consultado em 13 de julho de 2011 
  2. Eliene Percília. «Como é eleito o presidente nos Estados Unidos». Brasil Escola. Consultado em 12 de julho de 2011 
  3. Our Campaigns - U. S. President - National Vote Race - 1796. Acessado em 13/07/2011.
  4. U. S. Electoral College.(1789-1996) Acessado em 13/07/2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre Eleições nos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.