Gorete Milagres

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2016). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Gorete Milagres
Nome completo Maria Gorete da Silva Araújo
Nascimento 1 de dezembro de 1963 (54 anos)
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Atriz
Comediante
Outros prêmios
2014- INTERNATIONAL EMMY KIDS AWARDS 2014. PEDRO E BIANCA- 10/02/2014

2014 -PRIX JEUNESSE INTERNATIONAL PEDRO E BIANCA- 04/06/2014 2014- PRIX JEUNESSE IBEROAMERICANO PEDRO E BIANCA-07/06/2014 2008 - Prêmio Melhor atriz com o filme TAPETE VERMELHO 2007 – Prêmio Melhor atriz com o filme TAPETE VERMELHO – SESI-SP 2006 – Prêmio Melhor atriz com o filme TAPETE VERMELHO – CINE-PE

Página oficial
IMDb: (inglês)

Maria Gorete da Silva Araújo (Conselheiro Lafaiete, 1 de dezembro de 1963), mais conhecida pelo seu nome artístico Gorete Milagres, é uma atriz e comediante brasileira.[1] Gorete tornou-se conhecida pela personagem Filomena, com o bordão «Ô Coitado!».[1]

A atriz Gorete Milagres é formada pelo TU – Teatro Universitário da UFMG – Belo Horizonte e Roteirista pela Universidade Anhembi / Morumbi – São Paulo.

No seu primeiro ano do TU, escreveu um texto para sua personagem Filomena que já era encenada para amigos e familiares desde sua adolescência e a apresentou para um diretor paulista que iria dirigir a Opereta Il Festino, que reunia o Teatro Universitário, a Escola de Música e o Coral Ars Novas da UFMG. Foi aprovada e selecionada para protagonizar o espetáculo interpretando o hilário personagem Arlequim da Comédia Dell’ Arte. Para essa composição, a atriz teve um treinamento intensivo com estudos de roteiros, corpo e improvisação da comédia Italiana.

No seu espetáculo de formatura interpretou outro personagem cômico e masculino: Trinculo do espetáculo Tempestade – Versão do antilhano Aimé Césaire da comedia Shakespeare. Em seguida foi chamada para integrar o grupo de Teatro de Rua Atrás do Pano em Belo Horizonte, e com essa companhia participou com um espetáculo do FIT/BH – Festival Internacional de Teatro de Palco e Rua. Nesse mesmo evento, estreia a sua Filomena, com o roteiro baseado e inspirado na comédia Italiana, em um pocket show e caiu na graça do publico Mineiro. A partir daí, começou a desenvolver uma carreira solo, com vários personagens cômicos.

O trabalho de Gorete Milagres é pautado na humanização de suas criações e, na tentativa de aproximá-las cada vez mais ao povo, ela nunca abre mão da improvisação, sua marca registrada. Gorete faz um resgate da cultura popular com um humor caloroso simpático para um variado público de todas as idades. Depois de conquistar o publico Mineiro, levou Filomena, sua mais famosa criação para a televisão. Desde então atraiu as atenções da mídia nacional, que apontava a aparição da personagem como líder do IBOPE. O bordão “Ô Coitado!”, levou Filomena além das montanhas de Minas e ganhou o Brasil, de norte a sul e também o exterior.

Em 2012, Gorete Milagres retorna aos palcos para comemorar os 18 anos de criação da personagem Filomena. Em seu novo espetáculo solo, FILÓdáEMPREGO.com, a atriz mostra as transformações que “Filó” passou nos últimos anos. Esperta como ela só, nesses tempos de mudança, onde está mais fácil arrumar marido do que uma empregada, ela abre as portas da sua agencia FILÓdáEMPREGO.com, oferecendo dicas a empregadas e patrões e muitas gargalhadas a todos.

Em julho de 2013, Gorete Milagres lança o livro infantil 'Filomena - Minha História'. Publicado pela Matrix Editora, o livro aborda, por meio de um texto ficcional, a vida da Filó de uma forma divertida e bem-humorada, ressaltando aspectos do universo caipira e também mostrando conceitos de cidadania, respeito e sustentabilidade. 

Sensibilizada com o desastre ambiental ocorrido na cidade mineira de Mariana, em novembro de 2015 e que que se estendeu por vários outro Municípios, a atriz Gorete Milagres juntamente com o fotógrafo Domenico Pugliese, levou a sua personagem Filó para percorrer a rota das cidades afetadas por essa tragédia e realizar o documentário Rio Doce – 60 Dias Depois, disponibilizado em seu canal do Youtube e disposta a alertar a população sobre a situação da região afetada e incentivar doações de água mineral para as vítimas da maior tragédia ambiental da história do Brasil.

Com 25 anos de carreira, atuando no Teatro, Cinema e TV- programas humorísticos, novelas e seriados, a atriz já recebeu vários prêmios pelo seu desempenho. Gorete tem duas filhas, a atriz Alice Mondaca Milagres e a modelo Maria Milagres Rique.

Em 2017, ela lança seu canal no Youtube, com a postagem de vídeos de seu acervo e produções especificas para a internet.

Cronologia da carreira[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Emissora
2017 Xilindró Tia Cida
2014 Trair e Coçar é Só Começar Zilda Multishow [2]
2012-2014 Pedro & Bianca Zuleika Soares Araújo (Zuzu) TV Cultura
2010 Balada, Baladão cobradora RecordTV
2009 Mutantes - Promessas de Amor Renata
2007 Amor & Intrigas Jacira da Silva Campos
2006 Prova de Amor Margarete (participação especial)
2004 Show do Tom Filomena (Filó)
1999-2000 Ô... Coitado! Filomena (Filó) / Marlette Villares / Zulurdes SBT
1996 A Praça é Nossa Filomena (Filó)

Cinema[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
2018 Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral [3]
2012 A Hora e a Vez de Augusto Matraga Sariema
2010 Reflexões de um Liquidificador Enfermeira Teresa [4]
2006 Acredite, um Espírito Baixou em Mim Escandalosa da boate
2005 Tapete Vermelho Zulmira[5] [6]
2002 Samba Canção Secretária [7]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Em 2006, Gorete foi agraciada com o prêmio de melhor atriz no Cine Pernambuco – Festival do Audiovisual.

Já em 2014, a série da TV Cultura Pedro & Bianca na qual interpretava Zuzu recebeu o Emmy internacional de melhor série infantil.[8]

2014 -PRIX JEUNESSE INTERNATIONAL  PEDRO E BIANCA

2014- PRIX JEUNESSE IBEROAMERICANO  PEDRO E BIANCA

2008 - Prêmio Melhor atriz com o filme TAPETE VERMELHO                                 

2007 – Prêmio Melhor atriz com o filme TAPETE VERMELHO – SESI-SP                                                 

2000 – Prêmio Revelação na TV – Prêmio Bonsucesso – BH/MG                                 

2000 – Prêmio Reconhecimento Franca – SP                                 

1999 – Prêmio Reconhecimento Humorista – Prefeitura BH/MG                                 

1997 – Prêmio SATED/MG - Melhor Humorista – Com a personagem   Filomena com trabalhos realizados nas ruas, ônibus, metrôs e espaços alternativos de Belo Horizonte.               

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Gorete tem duas filhas chamadas Alice e Maria, fez faculdade de cinema em São Paulo e antes de iniciar a carreira artística foi bancária.[5] "Milagres" é o sobrenome de sua mãe, Elzy Milagres de Araújo, a quem ela decidiu homenagear[carece de fontes?].

Referências

  1. a b Alexandre Maron (5 de setembro de 1999). «Ô, coitada!». TV Folha – Folha de S.Paulo. Consultado em 14 de agosto de 2014 
  2. Flávio Ricco; José Carlos Nery (20 de novembro de 2014). «Empregada de novo, Gorete Milagres volta ao ar em série do Multishow». UOL Televisão. Consultado em 20 de novembro de 2014 
  3. «Cine Holliúdy 2: A Chibata Sideral flerta com a estética sci-fi dos anos 1970 e 80». Omelete. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  4. «Reflexões de um Liquidificador - Cultura». Estadão. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  5. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome BtP
  6. «Bate papo com Gorete Milagres». Uol. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  7. «Samba Canção». Cinemateca Brasileira. Consultado em 22 de dezembro de 2017 
  8. Da redação (11 de fevereiro de 2014). «Pedro & Bianca, da TV Cultura, ganha Emmy internacional de melhor série infantil». iG Jovem. Consultado em 14 de agosto de 2014 
Este artigo sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.