Grande Prêmio da Espanha de 2000

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grande Prêmio da Espanha
de Fórmula 1 de 2000
Circuit Catalunya 1995-2003.svg
10º GP da Espanha realizado em Barcelona
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 7 de maio de 2000
Nome oficial XLII Gran Premio Marlboro de España[nota 1]
Local Circuito de Barcelona, Montmeló, Província de Barcelona, Catalunha, Espanha
Total 65 voltas / 307.450 km
Condições do tempo Ensolarado, ameno, seco
Pole
Piloto
Alemanha Michael Schumacher Ferrari
Tempo 1:20.974
Volta mais rápida
Piloto
Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes
Tempo 1:24.470 (na volta 28)
Pódio
Primeiro
Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes
Segundo
Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes
Terceiro
Brasil Rubens Barrichello Ferrari

Resultados do Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 realizado em Barcelona em 7 de maio de 2000. Quinta etapa da temporada, teve como vencedor o finlandês Mika Häkkinen, que subiu ao pódio junto a David Coulthard numa dobradinha da McLaren-Mercedes, com Rubens Barrichello em terceiro pela Ferrari.[1][2][nota 2]

Resumo[editar | editar código-fonte]

O momento mais marcante da corrida foi a disputa pelo 3º lugar entre os irmãos Schumacher, onde Michael, vinha em 3º com ritmo de sua Ferrari nitidamente mais lento, e Ralf pressinando o irmão mais velho. Barrichello, que vinha logo atrás, se aproveitou da defesa de posição do seu companheiro de Ferrari, quando ultrapassou os irmãos numa bela manobra, assegurando o pódio. A manobra, porém, levantou suspeitas que havia um jogo de equipe para garantir a presença do time de Maranello no pódio, tendo em vista que Michael estava com problemas nos pneus, porém este fato nunca foi confirmado.[3]

Classificação da prova[editar | editar código-fonte]

Treino oficial[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Tempo Diferença
1 3 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 1:20.974 -
2 1 Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 1:21.052 + 0.078
3 4 Brasil Rubens Barrichello Ferrari 1:21.416 + 0.442
4 2 Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes 1:21.422 + 0.448
5 9 Alemanha Ralf Schumacher Williams-BMW 1:21.605 + 0.631
6 22 Canadá Jacques Villeneuve BAR-Honda 1:21.963 + 0.989
7 6 Itália Jarno Trulli Jordan-Mugen/Honda 1:22.006 + 1.032
8 5 Alemanha Heinz-Harald Frentzen Jordan-Mugen/Honda 1:22.135 + 1.161
9 18 Espanha Pedro de La Rosa Arrows-Supertec 1:22.185 + 1.211
10 7 Reino Unido Eddie Irvine Jaguar-Cosworth 1:22.370 + 1.396
11 10 Reino Unido Jenson Button Williams-BMW 1:22.385 + 1.411
12 19 Países Baixos Jos Verstappen Arrows-Supertec 1:22.421 + 1.447
13 17 Finlândia Mika Salo Sauber-Petronas 1:22.443 + 1.469
14 11 Itália Giancarlo Fisichella Benetton-Playlife 1:22.569 + 1.595
15 8 Reino Unido Johnny Herbert Jaguar-Cosworth 1:22.781 + 1.807
16 16 Brasil Pedro Paulo Diniz Sauber-Petronas 1:22.841 + 1.867
17 23 Brasil Ricardo Zonta BAR-Honda 1:22.882 + 1.908
18 14 França Jean Alesi Prost-Peugeot 1:22.894 + 1.920
19 12 Áustria Alexander Wurz Benetton-Playlife 1:23.010 + 2.036
20 15 Alemanha Nick Heidfeld Prost-Peugeot 1:23.033 + 2.059
21 20 Espanha Marc Gené Minardi-Fondmetal 1:23.486 + 2.512
22 21 Argentina Gastón Mazzacane Minardi-Fondmetal 1:24.257 + 3.283
Limite dos 107%: 1:26.642
Fonte: [1]

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 1 Finlândia Mika Häkkinen McLaren-Mercedes 65 1:33:55.390 2 10
2 2 Reino Unido David Coulthard McLaren-Mercedes 65 + 16.066 4 6
3 4 Brasil Rubens Barrichello Ferrari 65 + 29.112 3 4
4 9 Alemanha Ralf Schumacher Williams-BMW 65 + 37.311 5 3
5 3 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 65 + 47.983 1 2
6 5 Alemanha Heinz-Harald Frentzen Jordan-Mugen/Honda 65 + 1:21.925 8 1
7 17 Finlândia Mika Salo Sauber-Petronas 64 + 1 volta 12
8 23 Brasil Ricardo Zonta BAR-Honda 64 + 1 volta 16
9 11 Itália Giancarlo Fisichella Benetton-Playlife 64 + 1 volta 13
10 12 Áustria Alexander Wurz Benetton-Playlife 64 + 1 volta 18
11 7 Reino Unido Eddie Irvine Jaguar-Cosworth 64 + 1 volta 9
12 6 Itália Jarno Trulli Jordan-Mugen/Honda 64 + 1 volta 7
13 8 Reino Unido Johnny Herbert Jaguar-Cosworth 64 + 1 volta 14
14 20 Espanha Marc Gené Minardi-Fondmetal 63 + 2 voltas 20
15 21 Argentina Gastón Mazzacane Minardi-Fondmetal 63 + 2 voltas 21
16 15 Alemanha Nick Heidfeld Prost-Peugeot 62 + 3 voltas 19
17 10 Reino Unido Jenson Button Williams-BMW 61 Motor 10
Ret 19 Países Baixos Jos Verstappen Arrows-Supertec 25 Câmbio 11
Ret 22 Canadá Jacques Villeneuve BAR-Honda 21 Pane hidráulica 6
Ret 14 França Jean Alesi Prost-Peugeot 1 Colisão 17
Ret 18 Espanha Pedro de La Rosa Arrows-Supertec 1 Colisão 22
Ret 16 Brasil Pedro Paulo Diniz Sauber-Petronas 0 Spun off 15
Fonte: [1]

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas.

Notas

  1. A denominação oficial do Grande Prêmio da Espanha inclui uma corrida além das efetivamente realizadas.
  2. Voltas na liderança: Michael Schumacher 38 voltas (1-23; 27-41), Mika Häkkinen 27 voltas (24-26; 42-65).

Referências

  1. a b c «2000 Spanish Grand Prix - race result». Consultado em 7 de agosto de 2019 
  2. Dobradinha da McLaren na Espanha (online). Jornal do Brasil, Rio de Janeiro (RJ), 08/05/2000. Esportes, p. 08. Página visitada em 7 de agosto de 2019.
  3. «Folha de S.Paulo - Schumacher dá pódio a Barrichello - 08/05/2000». www1.folha.uol.com.br. Consultado em 15 de maio de 2018 
Precedido por
Grande Prêmio da Grã-Bretanha de 2000
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 2000
Sucedido por
Grande Prêmio da Europa de 2000
Precedido por
Grande Prêmio da Espanha de 1999
Grande Prêmio da Espanha
41ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Espanha de 2001