Ricardo Zonta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ricardo Zonta
Ricardo Zonta 2007 Curitiba.jpg
Informações pessoais
Nome completo Luiz Ricardo Zonta
Nacionalidade brasileira
Nascimento 23 de março de 1976 (41 anos)
Registros na Fórmula 1
Temporadas 1999 – 2001, 2004, 2005
GPs disputados 38
Títulos 0
Vitórias 0
Pódios 0
Pontos 3
Pole positions 0
Primeiro GP Grande Prêmio da Austrália
de 1999
Último GP Grande Prêmio dos Estados
Unidos de 2005
Registros nas 24 Horas de Le Mans
Edições 1998, 2008
Equipes Mercedes AMG, Peugeot
Vitórias em classe(s) 0
Títulos
1997: Formula 3000
1998: FIA GT
2002: Telefónica World Series

Luiz Ricardo Zonta ou apenas Ricardo Zonta, (Curitiba, 23 de março de 1976) é um piloto automobilístico brasileiro.

Atualmente, disputa o Campeonato Brasileiro de Stock Car. No ano de 2008 o piloto disputou também as 24 horas de Le Mans, onde terminou no 3º lugar.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Zonta começou a correr no kart aos onze anos, por influência do pai. Venceu torneios em Curitiba e no Paraná entre 1987 e 1990. Em 1991 conquistou o campeonato nacional da modalidade, triunfando no Paulista no ano seguinte.[2]

Fórmula 1[editar | editar código-fonte]

Zonta no GP dos Estados Unidos em 2005

Em 1997 assinou contrato com a McLaren para ser piloto de testes, com a garantia de ser titular caso algum dos pilotos deixasse o time. Como a equipe inglesa foi campeã em 1998, os pilotos foram mantidos e Zonta foi emprestado a BAR.[2]

No Grande Prêmio da Alemanha de 2000, com pista molhada e pneu slick, Zonta segurava a quarta colocação próximo ao final, quando saiu da pista e bateu. Em 2001 correu duas provas pela Jordan.

Em 2003 passou a ser piloto de testes da equipe Toyota, chegando a pilotar em 2004 no lugar de Cristiano da Matta em 2005. Correu o GP dos EUA substituindo Ralf Schumacher.

Em 6 de setembro de 2006, foi anunciado como piloto de testes da equipe Renault, para a temporada de 2007.[3]

Stock Car[editar | editar código-fonte]

Zonta estreou na Stock Car Brasil em 2007 pela equipe M&F Racing.[4][5]

Em 2008 Zonta compra sua própria equipe na Stock Car a RZ Motorsport [6]foi substituído por Rodrigo Sperafico durante cinco etapas, enquanto disputava a categoria de turismo norte-americana Grand-Am.[7]

Na primeira etapa da temporada de 2009, em São Paulo, Zonta cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, no entanto, por estar com o carro sem o capô, foi desqualificado da corrida e terminou sem pontuar.[8] Na nona etapa da temporada, alcançou a primeira pole na categoria.[9][10] Na etapa seguinte, em Brasília, conquistou seu primeiro pódio, chegando em segundo lugar, atrás de Allam Khodair.

Defendeu as cores do RZ Corinthians na temporada 2010 da Stock Car, homenageando a maior torcida do Brasil, com o número 100 do Centenário.[11]

Zonta disputou a Copa Caixa Stock Car 2011, pela RZ Crystal Racing Team, conquistou o terceiro lugar na primeira etapa em Curitiba.[12]

O piloto disputou a Copa Caixa Stock Car e fez sua estreia no Brasileiro de Marcas, como a estrela da Toyota, conquistando três vitórias na temporada, sendo o vice-campeão da categoria, em 2012. [13]

Em 2013 disputou três importantes campeonatos: a Stock Car, pela equipe BMC Racing, a Copa Petrobras de Marcas, com a Toyota RZ e a FIA GT, onde divide o modelo BMW Z4 #21, com Sergio Jimenez, pela equipe BMW Sports Team Brasil.[14] [15]

No dia 15 de dezembro de 2013, Zonta ganhou sua primeira corrida na categoria, e ainda faturou o premio em dinheiro, na "Corrida do Milhão", última etapa da temporada.[16] Em 2014, Zonta seguiu defendendo seu próprio time, e em 2015 fez sua estreia pela Shell Racing, onde em 2017 completa três temporadas. Nesta temporada, o paranaense já conquistou duas vitórias, vencendo a segunda prova da primeira etapa em Goiânia e a oitava etapa em Londrina. [17][18]

GT[editar | editar código-fonte]

Em 2010, disputou o Mundial de FIA GT pela equipe Reiter, dando à Lamborghini Murcielago 670 R-SV suas primeira vitórias na categoria, nas etapas Spa- Francorchamps e Navarra, pela equipe Reiter, Na temporada, também disputou algumas etapas do GT Brasil. Em 2011 o piloto participa do Mundial FIA GT1 pela equipe Sumo Power GT, e divide a pilotagem de um Nissan GTR com o também brasileiro Enrique Bernoldi.

Resultados na Stock Car[editar | editar código-fonte]

Corrida em negrito significa pole position; corrida em itálico significa volta mais rápida)

Ano Equipe Carro 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Classificação Pontos
2007 LM Racing Peugeot 307 Interlagos Curitiba Campo Grande
26
Interlagos
Ret
Londrina
Ret
Santa Cruz
11
Curitiba
Ret
Brasília
25
Buenos Aires
9
Tarumã
Ret
Jacarepaguá
15
Interlagos
22
31° 13
2008 LM Racing Peugeot 307 Interlagos
14
Brasília
Ret
Curitba

NP

Santa Cruz
NP
Campo Grande
NP
Interlagos
NP
Jacarepaguá NP Londrina
22
Curitiba
NP
Brasília
7
Tarumã
17
Interlagos
5
24° 23
2009 RZ Motorsport Peugeot 307 Interlagos
DSQ
Curitiba
6
Brasília
NP
Santa Cruz
NP
Interlagos
25
Salvador
NP
Rio de Janeiro
10
Campo Grande
14
Curitiba
14
Brasília
2
Tarumã

0

Interlagos

4

16º 48
2010 RZ Motorsport Chevrolet Vectra Interlagos NP Curitiba 3 Velopark

1

Jacarepaguá

0

Ribeirão Preto

8

Salvador

0

Interlagos

0

Campo Grande

12

Londrina

0

Santa Cruz

NP

Brasília

0

Curitiba

12

20º 36
2011 RZ Motorsport Chevrolet Vectra Curitiba 16 Interlagos 8 Ribeirão Preto

0

Velopark

5

Campo Grande

0

Jacarepaguá

0

Interlagos

1

Salvador 9 Santa Cruz

0

Londrina 12 Brasília

0

Velopark

0

15º 51
2012 RZ Motorsport Chevrolet Sonic Interlagos 0 Curitiba 0 Velopark 15 Ribeirão Preto

2

Londrina 9 Jacarepaguá 0 Salvador

7

Cascavel 0 Tarumã

11

Curitiba

0

Brasília

13

Interlagos 32 13º 89
2013 RZ Motorsport Chevrolet Sonic Interlagos 0 Curitiba 15 Tarumã 17 Salvador

0

Brasília 12 Cascavel

7

Ribeirão Preto

3

Cascavel

0

Velopark

16

Curitiba 13 Brasília

13

Interlagos 48 144
2014 RZ Motorsport Chevrolet Sonic Interlagos 0 Santa Cruz

4 e 10

Brasília

16 e 0

Goiânia

0

Goiânia

4

Cascavel

7 e 0

Curitiba

0

Velopark

16 e 10

Santa Cruz

0

Tarumã

15 e 12

Salvador

14 e 0

Curitiba

0

14º 108
2015 Shell Racing Chevrolet Sonic Goiânia

0

Ribeirão Preto

0

Velopark

8 e 7

Curitiba

0

Santa Cruz

9 e 1

Curitiba

15 e 0

Goiânia

18

Cascavel

20 e 1

Campo Grande

10 e 4

Curitiba

0 e 6

Tarumã

16 e 6

Interlagos

26

13º 147
2016 Shell Racing

Resultados na Fórmula 1[editar | editar código-fonte]

Temoporada Equipe Chassis Motor Pneu 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 Classificação Pontos
2005 Panasonic Toyota Racing Toyota TF105 Toyota RVX-05 3.0 V10 M AUS MAS BHR SMR ESP MON EUR CAN EUA
NL
FRA GBR ALE HUN TUR BEL BRA JAP CHN 26º 0
2004 Panasonic Toyota Racing Toyota TF104 Toyota V10 M AUS MAS BHR SMR ESP MON EUR CAN EUA FRA GBR ALE HUN
Ret
BEL
10
ITA
11
CHN
Ret
JAP BRA
13
23º 0
2001 Benson & Hedges Jordan Honda Jordan EJ11 Honda RA001E V10 B AUS MAS BRA SMR ESP AUT MON CAN
7
EUR FRA GBR ALE
Ret
HUN BEL ITA EUA JAP 19º 0
2000 Lucky Strike BAR Honda BAR 002 Honda V10 B AUS
6
BRA
9
SMR
12
GBR
Ret
ESP
8
EUR
Ret
MON
Ret
CAN
8
FRA
Ret
AUT
Ret
ALE
Ret
HUN
14
BEL
12
ITA
6
EUA
6
JAP
9
MAS
Ret
14º 3
1999 British American Racing BAR 01 Supertec V10 B AUS
Ret
BRA
NL
SMR
Les
MON
Les
ESP
Les
CAN
Ret
FRA
Ret
GBR
Ret
AUT
15
ALE
Ret
HUN
13
BEL
Ret
ITA
Ret
EUR
8
MAS
Ret
JAP
12
23º 0

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Ricardo Zonta
F1 chequered flag.svg Este artigo sobre um(a) automobilista, integrado ao Projeto Automobilismo, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.