Algodoeiro-da-praia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Guanxuma-do-mangue)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaTalipariti tiliaceum
H. tiliaceus
H. tiliaceus
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Malvales
Família: Malvaceae
Género: Talipariti
Espécie: T. pernambucense
Nome binomial
Talipariti pernambucense
(Arruda) Bovini

O algodoeiro-da-praia, algodoeiro-da-índia ou majagua (Talipariti tiliaceum [1]) é uma árvore que atinge até 08 metros de altura, da família das malváceas, também conhecida pelos nomes de aguaxima-do-mangue, baru, embira, embira-do-mangue, guaxima-do-mangue, ibaxama, manhoco, quiabo-do-mangue e uacima-da-praia. Originário das ilhas do Pacífico, já está disseminado mundialmente nos trópicos e subtrópicos, sendo até considerado planta daninha em algumas situações. No Brasil é cultivado pela ornamentabilidade.


Descrição[editar | editar código-fonte]

gênero monoespecífico que se torna mais alongada próxima ao final de um ramo em flor. Possui as estípulas típicas largas na base da haste. Folhas cordiformes, grandes flores amarelas, com o centro grená,

Amarela com uma mancha vermelho-castanha no centro da flor. Quando o pedúnculo aponta para cima, é sinal que vai abrir; tal abertura se dá pela manhã e, no fluir do dia, caem e se conservam embaixo da árvore por mais um dia, avermelhando-se aos poucos. No inverno podem durar até dois dias na planta. Os estigmas são vermelho-escuros e com as pontas arredondadas, uma das diferenças com a outra espécie semelhante.

Os frutos capsulares, nativa do Brasil [2] e especialmente cultivada como ornamental e para arborização, bem como pela madeira e fibras extraídas da casca e por propriedades emolientes das folhas e flores.

Sinônimos[editar | editar código-fonte]

A espécie Talipariti pernambucense possui 6 sinônimos reconhecidos atualmente.[3]

  • Hibiscus abutiloides Willd.
  • Hibiscus arboreus Desv. ex Ham.
  • Hibiscus bracteosus Moc. & Sessé ex DC.
  • Hibiscus fragrantissimus Sessé & Moc.
  • Hibiscus pernambucensis Arruda
  • Hibiscus pernambucensis Bertol.


Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://floradobrasil.jbrj.gov.br/ Visitado em 27/09/2020.
  2. http://floradobrasil.jbrj.gov.br/ Visitado em 27/09/2020.
  3. «Talipariti pernambucense» (em inglês). The Plant List. 2012. Consultado em 27 de agosto de 2020