Heaven and Hell (álbum de Black Sabbath)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Heaven And Hell
Álbum de estúdio de Black Sabbath
Lançamento 25 de abril de 1980
Gravação Criteria Recording Studios, Miami, Flórida,EUA
Gênero(s) Heavy metal
Duração 40:04
Gravadora(s) Vertigo Reino Unido
Warner Brothers Estados Unidos
Castle
Sanctuary
Produção Martin Birch
Cronologia de Black Sabbath
Never Say Die!
(1978)
Mob Rules
(1981)
Singles de Heaven and Hell
  1. "Neon Knights"
    Lançamento: 1980
  2. "Die Young"
    Lançamento: 1980
  3. "Heaven and hell"
    Lançamento: 1980
  4. "Children of the Sea"
    Lançamento: 1980

Heaven And Hell é o nono álbum de estúdio da banda de heavy metal Black Sabbath lançado em 24 de abril de 1980. É o primeiro a contar com o vocalista Ronnie James Dio, que entrou na banda após a demissão de Ozzy Osbourne. Heaven And Hell é considerado um dos melhores álbuns da banda e um dos melhores discos de heavy metal dos anos 1980.[1] Vendeu mais de 1 milhão de cópias nos Estados Unidos.

Mudanças de formação e composição[editar | editar código-fonte]

  • O vocalista e co-fundador da banda, Ozzy Osbourne, deixou a banda em 1979 e Tony Iommi já tinha pensado em alguém para substituí-lo antes de sua segunda saída da banda, em junho de 1979. A turnê 10 anos de aniversário da banda, a turnê do álbum Never Say Die!, seria o álbum de despedida de Ozzy.
  • Com a saída de Geezer, Tony Iommi chama Geoff Nicholls e Craig Gruber para trabalhar na parte do baixo, que compuseram e gravaram quase todas as faixas do disco (principalmente Gruber).
  • Geoff Nicholls é creditado por compor sozinho as linhas de baixo da faixa-título "Heaven And Hell".
  • Craig Gruber afirmou ter escrito a canção “Die Young” quando ainda fazia parte do Rainbow e que "trouxe a canção junto com ele" quando foi convidado a entrar no Black Sabbath.
  • Contudo, Gruber saiu da banda, Geezer Butler acabou voltando e regravou todas as canções, e Nicholls ficou com a função de tecladista do grupo.
  • A única canção na qual Geezer realmente participou da composição foi "Neon Knights", já que todas as outras haviam sido compostas e finalizadas antes dele retornar. Mas, no fim das contas, todas as músicas foram oficialmente creditadas a Geezer, Dio, Iommi e Bill Ward.

Antes de Heaven And Hell, Geezer normalmente era o que mais contribuía nas letras, porém com a entrada de Dio isso mudou. Dio assumiu a composição de todas as letras, que falam sobre dragões, castelos, mágica e misticismo, marca registrada do vocalista.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4.5 de 5 estrelas.[2]
Drowned in Sound 8/10[3]
The Rolling Stone Album Guide 4 de 5 estrelas.[4]
Sputnikmusic (5.0/5)[5]
Martin Popoff 10 de 10 estrelas.[6]

Heaven And Hell ficou em nono nas paradas britânicas e em vigésimo oitavo nas estadunidenses. A canção "Heaven and Hell" ficou em 81º lugar na lista "100 Maiores Canções de Hard Rock" do canal VH1.[7] Em 2017, foi eleito o 37º melhor álbum de metal de todos os tempos pela revista Rolling Stone.[8]

Turnê[editar | editar código-fonte]

Muitas canções famosas da fase pré-Dio foram interpretadas por ele durante a turnê, sendo "Paranoid", "War Pigs", "Children of the Grave", "Iron Man" e "N.I.B." alguns exemplos. A turnê mundial da banda, tinha 20 datas marcadas no Reino Unido, sendo 4 delas no "Hammersmith Odeon", provando que a banda não tinha perdido nada de sua popularidade. Em um show em Milwaukee, Geezer levou uma garrafada na cabeça, e a banda teve que se retirar após tocar apenas duas músicas.

Infelizmente o baterista Bill Ward, que foi co-fundador da banda, teve que se retirar no meio da turnê por motivos pessoais e de saúde, e o grupo novamente teve que fazer uma substituição. O escolhido foi o baterista Vinny Appice, ex-Derringer, que continuou na banda até meados de 1982.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as músicas são creditadas a Butler/Dio/Iommi/Ward. As letras foram escritas por Dio.[9]

N.º Título Duração
1. "Neon Knights"   3:53
2. "Children of the Sea"   5:34
3. "Lady Evil"   4:26
4. "Heaven and Hell"   6:58
5. "Wishing Well"   4:08
6. "Die Young"   4:45
7. "Walk Away"   4:26
8. "Lonely Is the Word"   5:50

Créditos[editar | editar código-fonte]

Banda[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

  • Gravado no "Criteria Recording Studios", Miami, Florida
  • Assistente de arranjos: Joe "C" Foglia
  • Gravação adicional no "Studio Ferber", Paris, França
  • Equipamento Graham Wright e Mickey Balla
  • Ilustração da Capa Lynn Curlee
  • Ilustrações Harry Carmean
  • Diretor de Arte Richard Seireeni
  • Remasterizado por'Ray Staf' no Whitfield Street Studios
  • Fotografia adicional por Ross Halfin e Chris Walter

Catálogos[editar | editar código-fonte]

  • LP Vertigo 9102 752 (UK 1980)
  • LP Warner Bros 3372 (US 1980)
  • CD Warner Bros 3372-2 (US 1980)
  • LP Vertigo 6302 017 (NL 1980)
  • LP Philips (Yugoslavia 1980)
  • LP Vertigo PRICE 10 (1983)
  • MC Vertigo 7144 017 (NL 1980)
  • CD Karussell 550 0592 (UK 1983) - Remastered
  • CD Essential/Castle ESMCD330 (UK - Feb 1996) - Remastered
  • CD Sanctuary SMRCD072 (UK 2004)

Desempenho nas paradas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Top 80 Hard Rock + Metal Albums of the 1980s». loudwire.com 
  2. Prato, Greg. "Black Sabbath: Heaven and Hell (em inglês) no Allmusic. Acessado em 24 September 2011.
  3. Stannard, Joseph (8 de abril de 2010). «Black Sabbath: Heaven and Hell; Mob Rules; Live Evil (remastered)». Drowned in Sound. Consultado em 24 de setembro de 2011 
  4. «Black Sabbath: Album Guide». Rolling Stone. Consultado em 5 de junho de 2012 
  5. Munro, Tyler (15 de agosto de 2006). «Black Sabbath: Heaven and Hell». Sputnikmusic. Consultado em 24 de setembro de 2011 
  6. Popoff, Martin (1 de novembro de 2005). The Collector's Guide to Heavy Metal: Volume 2: The Eighties. Burlington, Ontario, Canada: Collector's Guide Publishing. ISBN 978-1-894959-31-5 
  7. «VH1's 100 Greatest Hard Rock Songs». www.stereogum.com 
  8. Greene, Andy (21 de junho de 2017). «100 Greatest Metal Albums of All Time». Rolling Stone (em inglês). Wenner Media LLC. Consultado em 21 de junho de 2017 
  9. Heaven and Hell (CD) album notes. [S.l.]: Warner Bros. Records, Inc. 1980. pp. 2–3 
  10. «BPI Searchable database – Gold and Platinum». British Phonographic Industry. Consultado em 3 de janeiro de 2008 
  11. RIAA Gold and Platinum Search for albums by Black Sabbath
  12. «CRIA». Canadian Recording Industry Association. Consultado em 3 de janeiro de 2008. Arquivado do original em 27 de fevereiro de 2008 
  13. «UK Music charts». EveryHit.com. Consultado em 14 de fevereiro de 2008 
  14. «Discography Black Sabbath» (em Norwegian). VG-lista. Consultado em 14 de fevereiro de 2008 
  15. «Discography Black Sabbath» (em Swedish). VG-lista. Consultado em 14 de fevereiro de 2008 
  16. «Billboard charts». Billboard. Consultado em 14 de fevereiro de 2008